DEU RUBENS

SÃO PAULO(em primeiro, desta vez) – O Grande Prêmio consultou seus leitores para saber deles quem foi o melhor piloto sul-americano surgido depois da morte de Senna. Ganhou Barrichello, seguido por Montoya e Gil de Ferran.

Não sei se concordo com esse resultado, não. Gil teve uma carreira sólida. Ganhou em Indianápolis, foi bicampeão da Indy. Montoya, idem. Com boa passagem pela F-1, muito menos na Nascar — o que depõe contra sua escolha. Rubens, OK, foi mais homogêneo e está sabendo se reinventar.

São três bons nomes. Com qual deles vocês ficariam?

Comentários