MENU

Tuesday, 22 de March de 2016 - 1:25Foto do dia, Gira mondo

FOTO DO DIA

obamaecheTalvez a imagem mais significativa deste século. Ele foi pra Cuba, afinal.

47 comentários

  1. Paulo Pinto says:

    O nosso Imperador resolveu visitar o vizinho pobre?

  2. Marino says:

    Barack Obama, MENSAGEIRO DA ESPERANÇA!!! E viva a liberdade de expressão!!!
    Viva a liberdade de ir e vir!!!
    Cuba vai tirar o atraso! Finalmente. Nada é para sempre.
    Respeito todas as opiniões, mas vir novamente com esse RANÇO que antes do Fidel CUBA era o “puteiro dos americanos” não cola mais rapaziada.
    Vamos olhar para nós mesmos…vão viajar pelas estradas de Alagoas, Pernambuco e Maranhão. A prostituição infantil rola solta faz quase 50 anos, e nós todos ignoramos. Dentre outras mazelas…..Então colegas. Deixem CUBA resolver seus assuntos. Se for com a ajuda do Barack, melhor pra eles. BOA PÁSCOA PARA TODOS!!!! MUITA PAZ E CHOCOLATES PARA VOCES. ABRAÇOS FG

    • Flavio Gomes says:

      Você não tem ideia do que é Cuba. Mais um frequentador de Miami.

      • Marino says:

        Já fui pra Cuba sim, Flávio. Gostei muito, Assim como gostei de Berlim, onde tenho um primo que trabalha no Deutsche Welle. Mas com liberdade de ir e vir é melhor. Poder escolher o que quer ouvir, assistir, dar sua opinião sem medo de represálias. Pergunta pra qualquer um deles o que acharam do show dos Stones!!! proibidos pelo regime há 57 anos….Pra terminar, acho Miami uma merda, mas recomendo muito Chicago e New Orleans!!! Abraços

    • Marcos says:

      Putz, quanta merda.

  3. Ricardo says:

    Desde 1959 os EUA tiveram 12 presidentes diferentes em 15 eleições. São considerados a terra da liberdade e da tecnologia. Estadunidenses que não tenham pendências com a justiça podem transitar livremente e sair do país quando desejarem.
    Já Cuba, no mesmo período, teve apenas 2 presidentes, sendo que são da mesma família. Não há liberdade e, para sair do país, os cubanos precisam pedir autorização ao governo.
    Fica difícil entender os que defendem o regime cubano com os fatos apresentados acima.

    • Flavio Gomes says:

      Você quer que eu te diga quantas pessoas as Forças Armadas americanas mataram desde 1959? Ou quantos malucos com fuzis invadiram escolas e assassinaram criancinhas? Ou quantos países os EUA invadiram, ou quantas ditaduras financiaram?

      • Alberto says:

        Flávio,
        matou a pau no seu comentário!
        São perspectivas muito diferentes, mas tem uma coisa que não consigo concordar em Cuba é a ideia de não poder sair do país livremente, não concorda com o regime e as ideias, deixa ir embora. Mas da forma como esta o cidadão é obrigado a concordar, isso não é bom

  4. Oi? says:

    Essa foto só prova que toda e qualquer ideologia será perdoada.

  5. Eduardo_SC says:

    É um homem conciliador apesar do desdém dos comunistas aos EUA e o que resultou disto à Cuba.

  6. José Eduardo Souza Carrilho Cruz says:

    Quando o LULA aproxima o Brasil de Cuba e investe no bem localizado porto de Muriel parece que ele havia antecipado momentos como este. Mas em terras tupiniquins de macaquitos obedientes ao tio Sam isso é um crime; Pros nossos “expert” que leem grobo….isso é um crime, só o EUA que podem…

    • luis says:

      Pois é. Pensei o mesmo que vc.

    • Alberto says:

      José,
      sei que há diversos tipos de críticas, mas investir em portos em Cuba ou em qualquer outro lugar no mesmo momento que as pessoas aqui no Brasil não tem educação e saúde e NOSSOS portos e estradas estão sucateados, para mim, é um grande absurdo

      • Luciano says:

        Comparação sem noção nenhuma. Isto é tentar justificar o injustificável.

      • Anselmo Coyote says:

        O “investimento” que vcs estão falando é simplesmente empréstimo do BNDES a empresas brasileiras para trabalharem no porto com mão de obra brasileira. Empréstimos estes que estão sendo rigorosamente pagos. Algum problema?

      • Alberto says:

        Acho que sim Anselmo,
        estes empréstimos tem um alto custo em função dos baixos juros, custo este que nós pagamos com nossos impostos. Não estou em desacordo com a política do BNDES mas se “pagamos” para ter empréstimos assim que sejam feitos investimentos em nossa infraestrutura que ainda é muito precária.

    • Angelo says:

      O investimento do porto é super, mega estratégico. Nosso comercio exterior tem a China como principal comprador e ter um porto “nosso” no exterior faz toda a diferença para uma logística eficiente. Um novo canal, alternativo ao do Panamá, será a nova rota por onde mais de 40% de todo nosso comércio exterior passará. Ele começará a dar frutos daqui a alguns anos.. Assim como a hidrelétrica de Itaipu, desenvolvemos a economia de um outro país (neste caso o Paraguai). O raciocínio é o mesmo, um acordo onde os dois lados ganham. É com esse dinheiro arrecadado que garantiremos a educação e saúde que tanto precisamos.

      • Anselmo Coyote says:

        Importante é saber que ainda existem alguns indecisos, algumas pessoas perdidas nessa confusão toda, e é para essas que a lucidez das palavras serve. Porque para gente que dentro de uma igreja aproxima de um sacerdote septuagenário agredindo-o com palavras de ordem, retira parte de sua indumentária e o empurra no chão… sinceramente, para essas não há conserto. E não é por ser um sacerdote católico. Acho que nem preciso dizer isso a vc. Podia ser qualquer um. A questão é a perda completa da razão por um ser que nasceu racional.
        Abs.

      • Alberto says:

        Angelo,

        não estou discutindo a questão estratégica, estou falando de prioridades, e nada deve ser mais importante do que educação e saúde no NOSSO país. E você não pode estar esperando este dinheiro que será arrecadado daqui a não sei quanto tempo para a educação e saúde! Cortar ministérios e gastos, produzindo uma política pública eficiente de educação e saúde é prioridade, e isso não é feito!
        abraço

  7. Celio ferreira says:

    Os homens e suas ideologias , que bom que a paz parece que vai vencer……

  8. JOÃO PEDRO MARCHINA says:

    Isso é bom?? isso não é bom?? O que acontecerá com Cuba? Vai acabar um sonho?
    vai começar o pesadelo do consumismo? Vai acabar aquela fila feliz no domingo à tarde para todos tomarem o sorvete de baunilha??

    • Marcos Pereira says:

      João,

      os melhores mecânicos do mundo vão acabar, vão abrir o mercado e entrar com novos carros na ilha e os carrões antigos que circulam por lá, vão acabar encostados para dar lugar aos americanos, japoneses, chineses e etc.

  9. Itamar says:

    Sinal de evolução, de sabedoria, de querer o melhor para todos, não só para os seus. Esse Obama é o cara. Só espero que o próximo presidente americano não estrague tudo.

  10. Banana Joe says:

    Que bom que o mundo está mudando.
    A Ilha já foi demais castigada, pelos americanos que a transformaram em um legítimo zonão, por Fulgêncio Batista, um fantoche descarado, pela teimosia de Fidel e por esse embargo econômico absolutamente sem sentido que traz a guerra fria até 2016.
    Tomara que Obama dê fim a isso tudo.

  11. Turco says:

    Coxinhas, piram!

  12. Adelson says:

    Acho que foi o Fidel Castro que profetizou que um presidente dos EUA só iria a Cuba quando tivesse um papa latino e o presidente americano fosse negro.

  13. Durvaldisko says:

    Agora ,falta construir um circuito de Fórmula I em Havana e Cuba entrar para o calendário mundial de competições. Será o começo de uma bela amizade…

    • Anselmo Coyote says:

      Depende do quanto o Bernie aceita pagar. Por menos de 30mi de euros se eu fosse o Raul mandaria o velhinho ir passear. E, é óbvio, a F1 terá de construir autódromo, hotéis, estrada e toda a infraestrutura. Porque é óbvio que é muito melhor para o currículo da F1 do que para Cuba.
      Cuba é um museu a céu aberto. Uma ode à resistência. Qualquer país gigante caga nas calças se os EUA disser que a partir de tal data não vai comprar seus charutos e não vai lhes vender seus chicletes. Cuba resiste a isso ha mais de meio século sem se dobrar.
      Abs.

  14. Cassius says:

    Se a Coxinhada soubesse o quanto Cuba é maravilhosa e os cubanos são gentis, educados, cultos e inteligentes, iriam parar de mandar seus antagonistas para Cuba.

    Nesse caso, a ignorância é uma bênção.

    • Renato says:

      O mortadela, a cozinhada sabe pois visitaram Cuba!!

    • Marques Goron R. da Silva says:

      Retardadis que resumem todos os problemas da humanidade no duelo “coxinhada” versus “mortandelas”…

    • Seinfeld says:

      Se os COXINHAS DA ESQUERDA CAVIAR, viajassem nas férias para Cuba, Venezuela ou Bolivia e não para a Disney, Nova Iorque ou Paris, quem sabe mereceriam algum respeito e suas “convicções” merecessem algum valor.

      Mas não. A vida inteira bancados pela mesada do papai, estudando em escola particular, formados na PUC, no Mackenzie, na USP (faculdades muito “proletárias” né?), trabalhando em multinacional (isso se não tentam a carreira pública), com assistência médica de primeira linha, PLR e pagando Previdência Privada, vestidos sempre na “moda” com o que tem de mais caro/moderno…

      Na gaveta de casa, a camisa com a face de Che Guevara ao lado da camisa de marca, aquela do “jacarézinho”.

      Brancos, morando em bairro nobre ou CLASSE MÉDIA, com carro na garagem…

      E saem por ai pregando ódio á classe média e acusando os outros de “coxinha”. Eternos adolescentes “revoltinhas” e hipócritas.

      VSF.

  15. Marco Gavioli says:

    Sensacional a imagem, sensacional momento. Prepare-se, lá vem mimimi.

  16. Mario Catucci says:

    Especificamente “a mais significativa” porquê? Comente, por favor. Peço respeitosamente, acho sempre importante entender as razões que fazem as pessoas se posicionarem politicamente. Muito especialmente você, Flávio, pois sei — por tudo que já li no seu blog –que temos opiniões diferentes.

  17. Paulo Fonseca says:

    Prezado F&G : Obama dá mais uma lição de humildade em reconhecer o estrago a besteira que perdurou por mais de meio século.Agora eu vou ter o prazer de ascender um bom charuto cubano e , dividir com Jack Daniel’s. A vida segue Viva América.

  18. jader says:

    A imagem mais significativa do século, na última semana…

  19. Riacardo Bigliazzi says:

    Esse Presidente dos EUA é “O Cara”. Contra tudo e todos reergueu a economia americana, caçou implacavelmente o terrorismo internacional (sem muito alarde e sensacionalismo… o cara matou Osama Bin Laden!!), atuou de forma implacável contra as injustiças sociais ao redor do mundo e efetivamente marcou o seu nome na historia da Democracia Americana com o seu jeito ponderado de lidar com todas as dificuldades. Fecha o ciclo com a aproximação junto a Cuba… Ilha que depois do esfacelamento da URSS foi deixada pelos camaradas soviéticos a boiar como um naufrago ou um dejeto no meio do Caribe .

  20. Renato de Mello Machado says:

    Não gostei,dessa aproximação.Os EUA boicotarão Cuba por anos,atrapalharam,diversos países a fazer negócios, com eles.Os EUA fazem essas malditas sansões, econômicas e só atrapalham a vida do povo.Agora vão lá e vira todo esse mimimi .Isso é palhaçada.

    • Alexandre says:

      E vc queria o q? Q as sanções continuassem em Cuba?

      • Anselmo Coyote says:

        É preciso perceber que Cuba representa a maior derrota que algum país impingiu aos EUA, seguida pelo Vietnã. Trata-se de uma ilhazinha que não acende uma lâmpada sequer sem queimar petróleo, pois não tem uma única queda d’água. É cercada por um mar de baixa salinidade e por isso com poucos peixes (pouco piscoso ui!!). Ao instituir o isolamento da ilha, que erroneamente chamam de embargo, pensaram: em 2 meses eles virão com o pires na mão. Pois essa micro ilha resiste a esse absurdo há mais de meio século sem se dobrar.
        Abs.

  21. Flavio Bragatto says:

    Estava precisando.
    Eu quero ver, se vão ser cumpridas as promessas de fim do bloqueio à eles.

  22. Paulo Leite says:

    Dia desses o cineasta Michael Moore detonou Obama, ‘o único motivo que será lembrado é porque foi o primeiro presidente preto, apenas por isso’. Moore, dos raros americanos que admiro, exagerou desta vez.
    A normalização das relações com Cuba é um feito espetacular, e inacreditável poucos anos atrás.
    Esta foto então, terna, reverenciadora, simbólica, um sonho, será lembrada nos ‘livros de história. ‘Hay que endurecerse, pero sin perder la ternura jamás’.
    Pena que Fidel não pôde encontrar Obama, pra enterrar de vez a guerra fria.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *