Comentários

  • Muito boas as estórias. Estive na mesma época pela primeira vez na Europa. Como estudante universitário. A lista de perrengues mais ou menos trágicos, na maior parte das vezes causados pela cabacice, é extensa.

    Estes finais dos anos 80 realmente foram intensos. Especialmente para quem amadureceu nesta época. Sempre me pergunto o que seria hoje do Brasil, do ponto de vista político e econômico, caso Lula tivesse levado em 89.

  • Muito legal o comentário. Concordo com quase tudo. Agora, não acho que seja algo banal dar sete voltas em Interlagos apenas com a sexta marcha. E, no caso da batida com o Prost, sem dúvida o que o Senna fez no ano seguinte, foi algo muito pior. O que talvez seja questionável ali foi a atitude do Balestre de desclassificá-lo. A alegação de que ele cortou caminho na chicane não tem sentido, já que ele tinha ali perdido tempo. Também é questionável a alegação de que ele recebeu ajuda dos comissários. Eles queriam tirar o carro de um lugar perigoso, e o Senna conseguiu fazer o carro pegar de novo. Passou o Nanini no mesmo ponto que tentara passar o Prost, ganhou e foi desclassificado. Aí, me parece que esteve o grande problema. Inclusive, se não me engano, mais tarde o Balestre admitiu que tinha prejudicado o Senna numa entrevista ao L’Equipe, não é isso?

  • Flávio amigão Boa tarde

    Responde uma pergunta que o Google não tem?

    Por que existiam tantos carros , tantas equipes nos tempos de Piquet e Senna?
    Aquele grid cheio e largadas mais empolgantes no que diz respeito do visual bacana até mesmo nas fotos de grandes revistas da época. Mais patrocínio se envolviam com a f1.
    Antigamente as equipes não quebravam tão facilmente.
    O que aconteceu ? Hoje está mais caro que antigamente ter uma equipe? Responde no YouTube se der.

    Forte abraço!!!

  • Flavio, adoro o GP10, achei uma ótima novidade no Blog, mas percebi que os textos diminuíram bastante. Entendo que provavelmente seja pelo tempo que hoje em dia é cada vez mais escasso, mas por favor, não deixe de postar seus textos. Sinto falta deles.

    Abralis

    • Me junto ao Marcelo nesse pedido!
      Sei que na nossa atualidade os textos são preteridos em relação ao vídeo, mas faz uma falta! Quando vejo a quantidade de erros de português dos mais jovens, automaticamente, associo a falta de leitura, afinal, a leitura ajuda muito a memorizar palavras, ajuda na gramática e proporciona uma maior capacidade de interpretação de texto.
      Espero que vc encontre tempo e inspiração pra manter seus texto.
      Obrigado,