PIËCH, 82

SÃO PAULO – Foi confirmada hoje a morte de Ferdinand Piëch, neto de Ferdinand Porsche, maior responsável pela transformação da Volkswagen no imenso grupo que é hoje. Um quase “pai da Audi moderna”, também — foi quem apostou na tração quattro. Além de criador, com seus engenheiros, do Porsche 917 — um dos maiores carros de corrida de todos os tempos.

Piëch saiu do grupo antes do Dieselgate. Nos anos anteriores, comprou a Bentley, a Bugatti e a Lamborghini. Era um gênio apaixonado por carros. A ele, nossos respeitos.

piech

Comentários