MENU

Sunday, 15 de September de 2019 - 11:20Automobilismo brasileiro, Indústria automobilística

ANÍSIO, 86

anisiosefoi

RIO – O homem-carro se foi.

Anísio espalhava alegria por onde passava, ainda que alegria não houvesse.

Foi em 2006 — já contei aqui. A cidade sitiada, toque de recolher, mandaram que todos ficassem em casa.

Não tinha ninguém na rua e eu seguia para uma reunião de trabalho que nem sabia se iria acontecer. Na larga e reluzente avenida vazia olho no retrovisor e vem um TL azul. O que faz um TL azul na rua num dia como hoje?, me perguntei.

O TL azul emparelhou. Ao volante, um homem de longos cabelos brancos esvoaçantes de posse da cidade. Olhei para aquilo com espanto. Era o Anísio. Ele olhou de volta e falou: Flavinho, olha o que eu comprei!

Fiquei mais espantado ainda. O que você está fazendo aqui, Anísio?, perguntei, e a pergunta na verdade era: Anísio, o mundo está acabando, o que você está fazendo na rua com um TL azul, você é louco? Estão explodindo delegacias, matando todo mundo!

Acabei de comprar!, ele falava com exclamações o tempo todo, ignorando meus temores e todos os medos do mundo. Não é lindo? Sim, é lindo, mas…

O sinal abriu. Ele ainda teve tempo de dizer que tinha algumas coisas para fazer no carro, mas que ele era lindo, a cor era linda. Tudo era lindo. Engatou a primeira e foi embora, a cidade vazia apenas para que o Anísio pudesse passear com seu TL.

Vai em paz, menino dos cabelos brancos. E divirta-se.

19 comentários

  1. Jonny'O says:

    Merda de vida….. lá se foi mais um que gostaria muito de ter conhecido ,mesmo que por alguns minutos , só queria escutar.
    Aquele protótipo AC foi coisa unica , que linhas , mesma coisa o Fvee , que creio, só fez um, mas de formas maravilhosas e únicas!

    Anísio saindo de cena, o mundo fica um pouco mais na linha da mesmice sonolenta.

  2. Fora Bolsonaro says:

    Enquanto isso o Bozonaro vivinho….

  3. Amilcar says:

    Numa primeira olhada achei que era o Erasmo Carlos.
    Só que bem mais conservado.
    Gostar de carros é melhor para a saúde do que outras coisas.

  4. JT says:

    Seus textos brilhantes contrastam com tempos obscuros. Parece que Papai do Céu está tirando daqui os melhores para refundar essa bagaça em outros ares, pra ver se dá certo. Nos resta resistir e torcer para que a saudade dos dias melhores não nos bata com muita força. Anísio está na lista dos que sentirei saudades, sem tê-lo conhecido.

  5. Edu Zeiro says:

    Pois é, ontem também perdemos Ric Ocazek, o vocalista da banda The Cars, cujo nome tem tudo a ver com esse blog e, consequentemente, com o Campos. Então, que ambos estejam em paz e que, ao som dessa música, nos lembremos dos bons momentos que eles nos propiciaram, cada um de seu jeito: https://youtu.be/7BDBzgHXf64

  6. Ricardo says:

    Lindo texto. Bela homenagem. “A cidade vazia para o Anisio passar”.

  7. Mario Vaiati says:

    E hoje mais um mestre do Design nos deixou: Luigi Colani. Responsável pelo design orgânico em todas as suas obras, era um apaixonado por carros. Descanse em paz!

    https://www.nytimes.com/aponline/2019/09/16/world/europe/ap-eu-germany-obit-colani.html?fbclid=IwAR0btjIKct7mli39737OgjUudT4Muk1GW8BTQxLisliayomiYza1J8L6rH0

  8. Marcos Oliveira says:

    Definitivamente, 2019 não tem sido bom para os amantes de carros.

  9. Paulo F. says:

    Caso fosse italiano, seria reverenciado como Bertone e Giugiaro .

  10. Luiz F B Gomes says:

    Linda e merecida homenagem

  11. Gilberto H says:

    Hoje saí para tomar um sorvete com minha filhota em meu TL azul. Uma singela lembrança.

  12. Snowmeow says:

    Estamos perdendo muita gente boa, recentemente.
    O cara responsável pelo desenho de tantos carros incríveis não está mais entre nós.
    É o Brasil perdendo seus talentos sem que a maioria dos brasileiros se dê conta.

    • Marcos Tulio says:

      Perdendo? Vejo por outro ângulo. Devemos sim comemorar e agradecer a existência de gênios como o Anisio e sua obra.
      A imortalidade, além de impossível, seria chata prá caramba.

  13. Paulo Fonseca says:

    Prezado F&G : Anísio um gênio, diga lá o primeiro PUMA , mecânica DKW, depois o projeto com o motor VW, que foi ícone da minha geração, outras dezenas de projetos NICK , Dacon 828, e Passat Dacon em parceria com Carol Figueiredo , projetos com Pampa, e F-1000 ,Buggy’s , Fuscas , carros de competição , carros conceitos: ( Caracará ) record em velocidade . Anísio deixa grande ensinamentos para desing de veículos .

  14. Alvaro Ferreira says:

    Que pena… Piloto dos bons, designer genial e, acima de tudo, um sonhador. Desses que sempre farão falta.

  15. Jbchaves says:

    Não fico triste, fico apenas com a certeza de que is bons vão antes de nós…que lá em cima tenha uma boa oficina pra ele cuidar!

  16. Zé Clemente says:

    Conheci esse TL na casa dele. Tava bem bonito.
    Eu não tinha uma amizade com o Barbosa, o conhecia apenas, e amigos dele.
    Mas houve um fato interessante que vale a pena relembrar.
    No lançamento do livro do Bird eu estava conversando com ele para pedir um autógrafo, e descobri que tínhamos um amigo comum que ele não via há vinte anos.
    Assim, um dia liguei para o Celso e combinamos de almoçar no sítio dele.
    Tenho uma foto do Barbosa e o Celso conversando na sala. Foi a última vez que se viram.
    O Celso teve uma fábrica de fibra de vidro na Rua Galvão Bueno e o Barbosa estava procurando alguém que conseguisse moldar bem, como ele queria. De lá saíram carrocerias do Malzoni e bancos de kart.
    Os dois já se foram. O nosso amigo a dois anos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *