MENU

quarta-feira, 11 de setembro de 2019 - 16:16Automobilismo internacional

FOTO DO DIA

Mercedes-Benz EQ Silver Arrow 01

RIO (110 ou 220?) – Está aí o carro da Mercedes para a Fórmula E. A pintura foi apresentada hoje em Frankfurt com a confirmação da dupla Stoffel Vandoorne e Nyck de Vries para a temporada #6 da categoria, que começa em novembro na Arábia Saudita. O belga Vandoorne, ex-McLaren, é bem conhecido e já traz uma temporada elétrica de experiência. De Vries, holandês, é o atual líder da F-2 e pode conquistar o título na próxima etapa, na Rússia.

O carro foi batizado de Mercedes-Benz EQ Silver Arrow 01. A HWA, que estreou na F-E no último campeonato como uma espécie de boi-de-piranha (é quem conduz as operações da Mercedes em competições, F-1 à parte), será rebatizada e continuará tocando as coisas nas pistas. Ou seja: o time começa sua trajetória, na prática, com um ano de treinamento.

O pessoal encarregado de fazer o trem de força do carro em Brixworth, Inglaterra, é basicamente o mesmo envolvido na produção dos motores híbridos usados na F-1. Ou seja: podemos esperar uma equipe muito competitiva logo de cara.

11 comentários

  1. JP disse:

    Vejo F-1 e F-E se fundindo num futuro próximo. Tal como câmera digital e celular…

  2. OZZMAIR disse:

    Carro “lindíssimo”.

  3. Alvaro disse:

    Carro muito bonito, mas ninguém merece o stoffel vandoorne como piloto, o cara fez um temporada medíocre, muito melhor seria contratar o Antonio Felix da Costa que acho que ficou sem equipe.

  4. Paulo F. disse:

    Cara de Batmóvel!

  5. Renato F1/FE Mercedes disse:

    Aproveitando o lançamento da Flecha de Prata elétrica, o Mercedes EQ Silver Arrow 01, já estou-me atualizando para acompanhar a Fórmula 1 e a Fórmula E.

    Vai, Mercedes!

  6. Francisco Figueiredo disse:

    Arábia Saudita? Os desportos motorizados tendem a ser extremamente insensíveis a violações grosseiras dos direitos humanos. A Fórmula 1 sempre fez o GP da África do Sul mesmo durante os anos mais violentos do Apartheid (sem falar em outros exemplos mais actuais como o GP do Bahrain) e, agora, a FE vai fazer corridas na Arábia Saudita.

    Parece que apenas o dinheiro conta e nem sequer me lembro de ver algum piloto – mesmo entre os politicamente mais esclarecidos – a insurgir-se contra a realização de corridas em certos países, certamente temendo alguma punição da FIA.

  7. Marco Brotto disse:

    Campeão da F2 indo correr na F1…. SQN Ele está indo para a FE….

    Significa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>