LADALAND

Gostaríamos de informar que os primeiros Ladas com placa preta já estão entre nós.

Comentários

  • Olá! Sou o feliz proprietário do lada da foto. Tenho ele por ser um carro da família desde prática.ente 0 km e a história é longa! É bem original… claro que, em 30 anos, algumas peças foram trocadas… mas procurei trazer do leste europeu, onde ainda são fabricadas. Quanto a placa, procurei fazer direitinho, pois tê-la só por aparência não me interessa. Era um prêmio que eu queria para o carro, por ter resistido tanto tempo a pesar de ser um renegado em sua época. Quanto a ser o primeiro, de acordo com o clube, ê o primeiro lada placa preta, sim. Mas, isso não foi intencional. Abraços!

  • A gente sente que tá ficando velho quando vê carro com placa preta e lembra-se que viu vários desses 0Km quando começaram a importar. E por pouco não comprou um!

    Pena que nao teremos mais placas pretas “novas”.

    Se esse for seu, parabéns! Caso não seja, parabéns ao proprietário.

  • Concordo com o internauta Rodrigo, pois há algum tempo tenho me deparado com carros que a rigor não merecem a placa preta pois não possuem 80% de componentes originais e apresentam diversas peças que não são originais.

  • Eu tenho uma Belina II com placa preta, todinha original, como esse Lada. Mas dá um desgosto ver certos carros totalmente descaracterizados com placa preta… Alguém deveria supervisionar isso aí, virou piada.

      • Esse discursinho de antigomobilistas (???) sem ter o que falar.é ridículo.. Tremenda conquista e maturidade p advento da placa.preta…batalhada, fica o destaque, por um cara eu conhecia bem e infelizmente se foi ano passado..chamadoJosé Roberto Nasser

      • Quando o carro é conservado e original, como o Lada da foto me parece ser, problema nenhum, é mérito. O problema da placa preta está quando você a vê em carros que não teriam as mínimas condições de ostentá-la. Além da $$$ que o proprietário deve gastar com os “certificados de originalidade” e mensalidade de clubes de antigomobilistas. Aqui na região de Ribeirão Preto, placa preta virou piada. Tem encontro de carros antigos por aqui que mais parecem desmanches a céu aberto, devido à péssima qualidade dos exemplares, alguns ostentando a placa preta sem originalidade alguma. Não estou criticando o Lada, nem a placa preta. É apenas meu ponto de vista. Tenho veículos que poderiam utilizá-la perfeitamente, mas larguei mão devido à máfia que citei.

      • Existem as “placas Tretas” onde um clube que não é filiado à Federação Brasileira de Veiculos Antigos fornece mediante vistoria por foto, valor algo em torno de 2.ooo.
        Esse clube emitiu, em um ano, 18.000 certificados de originalidade enquanto a FBVA emitiu 6.000
        As “placas tretas” são vendidas a qualquer um, e dão uma brecha grande, são placas emitidas pelo detran e não constam na Federação.
        Me parece que existe um movimento para tornar isso ilegal.
        Me ofereceram a “placa treta” pra colocar no meu fusca 83, que tem pneus 185/70-14, rodas de brasilia e volante de passat ts.

      • No meu comentário não estou insinuando que o Lada da foto é adepto ou não à placa treta, apenas respondendo a comentário de leitor que disse que em rib preto tem verdadeiras lixeiras descaracterizadas com placa preta….
        Na verdade, no interior de SP isso virou um comércio… um cara de pirassununga que fazia esse tipo de serviço quis ir pra Araras entregar seus cartões e o pessoal do clube disse que chamaria a policia se ele fosse lá….