LEGIÃO URBANA

RIO (parabéns ao dono) – Avistamento dos mais raros no Rio, por todos os motivos: a cidade (proibitiva para antigos pelo calor e maresia), o bairro (a Barra, onde só se veem SUVs e Corollas) e o carro, este sim a estrela da foto. Um S/R por aqui, com interior impecável e muito inteiro (alguns detalhes irrelevantes), eu juro que não esperava ver por estas bandas.

[bannergoogle]

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
WALLACE CARVALHO COSTA
WALLACE CARVALHO COSTA
2 anos atrás

Aqui em casa tivemos um Chevett hatch 80 a álccol com carburador duplo weber. Bebia como um gambá e não pegava no frio. Saudades desse tração traseira.

Rafael Lima
Rafael Lima
2 anos atrás

Meu pai tinha um desse, branco, ano 80. Saudades.

João Paulo Taveira Toledo Piza
João Paulo Taveira Toledo Piza
2 anos atrás

Chevette Hatch de 80 a 82, como diria Zé Rodrix ,meu coração bate mais forte !!Ainda mais esse S/R que é espetacular , e você Flavinho tem dois exemplares lindíssimos e raros , o Jeans e o Ouro Preto (Ouro) , inveja das boaaaassss. Abraço

murilo
murilo
2 anos atrás

Flavio, pêla-môr-di-deus

Faz uma série contanto as histórias dos seus antigos. Onde achou, como comprou, pra onde viajou.

Luciano Vido
Luciano Vido
Reply to  murilo
2 anos atrás

Indiana Gomes!! Tinha q estar na Netflix!!

Bruno Wenson
Bruno Wenson
2 anos atrás

Chevette… Pai do Monza.
Eu quando jovem queria muito ter um Monza Hatch SR 2.0. S.
Achava lindo demais.
Hoje… Ela não parece mais tão lindo. Mas, respeito a presença que ele tinha na época. Era demais.

Nícolas Borges
Nícolas Borges
2 anos atrás

Muito bacana… Sem falar da raridade que é um Chevette Hatch em si!

Alex
Alex
2 anos atrás

E raro não só no Rio mas em qualquer lugar por ser o SR

Nick B
Nick B
2 anos atrás

Vendo esse S/R impecável, Fla, lembro do meu Del Rey Ouro 1981 (uma das frentes mais lindas que já fabricaram) e que você me sugeriu vender para investir na minha ideia de ser o Michael Jackson brasileiro (pelo menos o gritinho eu fazia igualzinho), além de patrocinar, também, sua tentativa de passar na peneira de basquete do Sírio.
Tá certo que você jogou de pivô na Indonésia, mas no Sírio, Fla?! Por que não tentou o Monte Líbano?
E queria ainda que eu comprasse o passe do Pradera e do Beto Lima pra repassar sem custos à Lusa.
E a grana do Del Rey dava pra tudo isso, Fla?

(emoji pensativo).

Nick B

Nick B
Nick B
Reply to  Flavio Gomes
2 anos atrás

Segundo o cabeção do Milton Neves, Beto Lima está em Limeira e trabalha num posto da rede Graal na Anhanguera.
Qualquer dia vou lá levar um tremocinho pra ele.

Ricardo
Ricardo
2 anos atrás

Saudade do Chevette GP 74 de meu pai