DICA(S) DO DIA

SÃO PAULO (cultura é tudo) – Está no plural porque não é só um link. Tem o link que explica o projeto. Depois tem o e-book que dele resultou — está em PDF, não precisa fazer download, é só ir correndo as páginas e se deliciando. Tem o vídeo explicativo. E tem, por fim, um gigantesco arquivo digital que pode ser consultado por qualquer um a qualquer hora.

Estou falando da digitalização de mais de três mil patentes registradas no Brasil entre 1895 e 1929, quando o mundo vivia o auge da industrialização e o planeta criava todo tipo de máquina/produto/substância num ritmo alucinante. Tudo que se faz hoje no digital se fazia no mundo real; aquela maluquice de uma invenção nova a cada dia, o espanto das pessoas a cada novidade, o “onde vamos parar?” dito a todo instante no balcão do bar, nas conversas nas ruas diante dos jornais expostos nas bancas, nos jantares em família.

Quem fez esse trabalho foi o INPI, Instituto Nacional da Propriedade Industrial. O projeto se chama “Memória da Propriedade Industrial – Patentes Históricas” e traz curiosidades deliciosas, como a “caixa de descarga Paulista” (pág. 155 do livro eletrônico), a “máquina de votar” (pág. 159) e o “Hydrovelopede” (pág. 164) — nada mais do que um… pedalinho!

Muitas dessas cartas-patentes foram assinadas por presidentes da República. É uma maravilhosa viagem pelo tempo. Larguem o celular por uma horinha e leiam o livro!

Nas fotos acima (depois que o blog bugou não consigo colocar legendas), a descarga Paulista, o aparelho para treinar ciclismo (vá a qualquer academia que o que temos hoje é isso aí) e a máquina de voar, posteriormente conhecida como avião.

Subscribe
Notify of
guest

4 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Fil
Fil
30 dias atrás

É por essa e outras que acompanho o blog. Que maravilha!

Luciano Balarotti
Luciano Balarotti
1 mês atrás

Belíssimo trabalho. Ainda bem que existem pessoas que se interessam em preservar e difundir essas memórias

MARCIO HENRIQUE MARTINS DE REZENDE
MARCIO HENRIQUE MARTINS DE REZENDE
1 mês atrás

Sensacionais esses arquivos! Como é gostoso ver e imaginar como andava o mundo 100 anos atrás

Paulo Maia
Paulo Maia
1 mês atrás

Um dos motivos que me fazem passar pelo blog quase diariamente é as dicas do dia. Obrigado.