MENU

sexta-feira, 20 de outubro de 2017 - 23:45One question

ONE QUESTION

Será que só eu não vejo a menor graça em carros que andam sozinhos? Alex Santos mandou o vídeo.

18 comentários

  1. Romulo Dias disse:

    Quero que o mundo exploda antes que eu seja obrigado a andar num carro que me dispense como motorista!

  2. Celio ferreira disse:

    Já pensaram uma corrida com carros assim ? Onde não há risco humano .
    Vai sair cara , porque os c aras vão abusar e batidas e carros destruidos
    serão um monte . Seria só para milionários.
    Em tempo : não acho legal isso .

  3. Marcos disse:

    Flávio, impressão minha ou vc tá levando ferro dos meninos no Gran Turismo?

    Pensei que fosse a volta de um carro autônomo. Gostei muito!

  4. Danir disse:

    Fazendo uma elocubração filosófica, é o que nos espera em um mundo globalista. Um panaca qualquer decide que o carro automático e auto guiável é a solução e ninguem mais pode optar por outras soluções ou opções. Fim da individualidade e da responsabilidade pelas escolhas. Big brother em sua versão automotiva.. A propósito, alguem poderia procurar na internet um artigo falando sobre um cientista estudioso de geologia, que apresentou uma teoria sobre a origem do petroleo não ser fóssil, ou pelo menos não ser somente de origem fóssil? Um dos fatos que provocou o desenvolvimento de tal teoria, foi constatar que muitos poços exauridos, onde ninguem fez nada para recuperá-los, estão novamente em uso, com quantidades consideráveis de oleo disponível surgidas como que por milagre. Parece que alguns fenômenos fisico quimicos podem levar ao suggimento do óleo bruto sem que seja necessário um acúmulo de materia orgânica fossilizada e tratada “sob pressão” duranrte séculos ou milênios. Imaginem um mundo onde o cidadão pode escolher entre um veículo movido a hidrogênio, gasolina, alcool ou eletricidade, sem falar nas células de combustível, assim como hoje temos os carros flex e diesel. Onde os carros automáticos sejam apenas uma opção e os veículos guiados pelo homem sejam a prioridade. Enfim um mundo multifacetado, e próprio para que os individuos, dentro de certos parâmetros, fiquem livres de imbecis que acreditam que são melhores do que nós e que podem e têm o direito de decidir por nós. Onde as nacionalidades e personalidades nacionais sejam mantidas, onde a moral seja o norte da civilização. Tudo apoiado pela tecnologia que não para de nos encantar e pelo bom senso. Sou um sonhador.

    • Luiz AG disse:

      Já ouvi falar isso, faz quase 20 anos atrás. O problema que nunca vi um artigo sério a respeito ou alguma coisa que tenha credibilidade o suficiente.

      • Danir disse:

        É uma pena que na hora eu não tive o expediente de marcar a fonte e salvar os dados. Entretanto, assim como na questão do aquecimento global, estão boicotando o sujeito, pois isto causaria muita comoção num meio que vive de verbas e onde as pesquisas para os substitutivos do petróleo rendem verbas bilionárias.O mesmo acontece com a questão do aquecimento global. Existem inúmeras contestações de pessoas do ramo, alem de inúmeros cientistas terem voltado atraz em suas opiniões e posições, e o que é divulgado e o filme do Al Gore.

    • diego zomer disse:

      Sobre o petróleo eu posso falar: A razão pela qual poços fechados voltaram a funcionar é por conta da tecnologia na exploração. Hoje em dia se fazem poços adjacentes que injetam água no reservatório, expulsado o óleo residual em direção aos poços produtores. Ao contrário do que muitos pensam, o petróleo fica alojado em rochas porosas, e não em uma caverna, e sob pressão, o que faz com que quando perfurados os poços jorrem óleo. Quando a pressão entra em equilíbrio ele para de jorrar, e aí entram métodos de recuperação secundários.

    • diego zomer disse:

      E sinto muito, mas o petróleo é o resultado direto da decomposição de matéria orgânica sob pressão e temperatura. Caso tenha mais curiosidades sobre o assunto, pode perguntar, por acaso sou engenheiro de petróleo.

  5. moisesimoes disse:

    - Brincadeira de profissional ou profissional de brincadeira?

  6. Flavio Mardegan disse:

    espero que aproveitem essa “brincadeira” para calibrar melhor as reações nos videogames. Fora isso, podendo dirigir um GT-R ao vivo, é logico que nem tem comparação.

  7. LUCIANOM BASSO disse:

    Eu não vejo tanto problema, se o cara não tem culhão pra entrar no carro que brinque num controle. Já comp engenheiro achei muito legal essa adaptação de um carro com controle tão precisos. Vejo aplicação em desastres e áreas perigosas. Or exemplo esse carro poderia levar algum equipamento até Fukoshima. Ou melhor poderia colocar esse kit num Niva e ir levar uns bifes pros lobos de Chernobyl. Ia ser útil…

    Falando sério, não reclamem disso, quando vierem os carros automáticos, sem controle aí sim reclamem…

  8. Reinaldo disse:

    Vídeo promocional do PlayStation 4 e esse piloto foi campeão virtual do jogo Gran turismo e ganhou a chance de ser piloto oficial da nissan

  9. Rossano disse:

    Eu também não vejo.

  10. rafaelle disse:

    hahaha a parada é que, quem imagina um futuro tão bisonho, onde a humanidade em um ser é desprezível, e o controle é algo legal…. sem identidade quem prevalecerá.
    Estranho comentário meu, mas o capital busca controle. Não entendimento.

    • Danir disse:

      Ola Rafaelle. O problema não é o capital, o problema é político e envolve a luta pelo poder político. Veja o que acontece na Europa. Um poder centralizado começa a tomar conta, e são feitas regras para tudo, até para grampeadores e nessa batida, devido aos contrôles de emissões e o pretesto do aquecimento global, as montadoras já marcaram datas para parar de produzir veículos com motor a explosão. Ninguem dos “cidadãos comuns” foi consultado a respeito, e a indústria segue na rabeira pelo simples fato que tem que sobreviver. O capital é dependente na medida direta do poder político. O empreendorismo, morre e com ele as possibilidades de inovação e soluções criativas. Somos refens de um bando de prepotentes que acreditam que são melhores e podem decidir por nós.

  11. Nicolas disse:

    Graça zero. Ridículo. No automobilismo um humano sozinho não é nada, e um carro sozinho também não é nada. A combinação piloto x carro é que torna emocionante o automobilismo, mas…o humano…o mesmo que está poluindo os rios, comendo ração (em SP), soltando ladrões da política e matando muitas espécies de animais, é o mesmo que um dia acabará acabando com aquilo que tanto amamos: automobilismo e corridas como elas são hoje, reunindo a mágica combinação piloto x máquina…

  12. Sam disse:

    Uma baita máquina dessas, com o que há de melhor de potência e tecnologia e o cara prefere controlar pelo joystick ao invés de sentir o carro. Bizarro.Geração estranha .

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>