O craque e a ponte

SÃO PAULO (só podia dar no que deu) – Mais duas de meus arquivos empoeirados, que só comprovam o DNA de certas pessoas e obras.

A primeira foto mostra com qual carro o rei aprendeu a dirigir. Uma honra para a marca, sem dúvida.

Essa aí embaixo é de 1974, eu morava no Rio. O Brasil Grande orgulhosamente apresenta, a Ponte Rio-Niterói! E para puxar o comboio, com Mário Andreazza (era ele?) de cabelos ao vento, um valoroso Candango caolho de um farol, cuja produção cessara 12 anos antes…

Comentários