MENU

Sunday, 14 de September de 2008 - 11:18F-1

MONZADAS (12)

SÃO PAULO (peixe) – Vettel à parte, a corrida mais impressionante de hoje foi de Lewis Hamilton. Não, não esqueci dele na lista dos “talentos” no post abaixo. É que Hamilton, para a F-1, nasceu em berço de ouro, começou a carreira na McLaren, sendo preparado à base de leite de cabra e danone. E confirmou tudo que dele se esperava. Mas é muito diferente do início de Schumacher, Alonso e Vettel, com trajetórias bem mais complicadas na Jordan, Minardi e Toro Rosso. O que não tira de Hamilton, claro, um milímetro dos méritos que tem.

Sigamos.

A quantidade de ultrapassagens que Lewis fez em Monza, de todos os jeitos e em todos os lugares da pista, foi algo para ficar nos anais. O menino é muito bom na chuva, e seu repertório de manobras é vasto e raro. Não fosse a segunda parada, terminaria em segundo, possivelmente fungando no cangote de Vettel. Parada que teve de fazer porque a pista começou a secar.

Com pneus intermediários, as coisas se tornaram menos desiguais em relação aos rivais. E a enorme vantagem que ele tirou do piso molhado deixou de existir. Mas, no fim das contas, Hamilton salvou o fim de semana, consertando o erro de ontem na classificação, quando apostou nos pneus errados, na hora errada. Fez pontos, apesar de ter largado muito atrás, continua à frente de Massa na classificação e sai de cabeça erguida de Monza.

Raikkonen, em compensação… Já falo dele.

102 comentários

  1. Nelson Jr. says:

    Não podemos esquecer que o bacana estava com o seu carro totalmente preparado para a chuva… lembrem-se que quem não passa para o Q1 pode acertar o carro como quiser…

    Quando a pista foi secando ele já não era o mais rápido…

    Não acho que tenha sido tudo isso não!

  2. josevaldo says:

    Poucos aqui realmente conhecem esse esporte.ou esquecem alguns grandes feitos que citerei abaixo.
    Tenho que concordar que Hamilton é um ótimo piloto, mas não acredito no que vejo, ao ler tantos brasileiros elogiando esse cara por uma corrida.Quem realmente é fam de F1 sabe muito bem que esse garoto tem talento mas não é o melhor.
    Querem falar de ótimas corridas. vamos lá.

    GP da Alemanha de 2.000: BARRICHELLO. ( TAMBEM NÃO GOSTO DELE) MAS FOI UMA CORRIDA ESPETACULAR . O CARA LARGOU EM 18 LUGAR E GANHOU, Logo na largada Coulthard deu uma fechada no Schumacher, permitindo que Hakkinen fizesse a ultrapassagem por ambos. Na ânsia de retomar a posição Schumacher saiu para o lado de Fisichella, e ambos acabaram batendo, saindo da corrida.
    Rubinho é que largou muito bem e já foi logo passando vários carros. Na 3ª volta ele já estava na 7ª posição, e na 5ª volta, ele chegava ao 5º lugar.Na volta 32 começou a chover, e vários carros entraram rapidamente nos boxes, para a troca de pneus de seco para os de chuva, tal como fez o piloto finlandês. Entretanto Barrichello, Coulthard, Frentzen e Zonta fizeram uma aposta e resolveram arriscar, e se mantiveram na pista, já como líderes. Mas Zonta bateu duas voltas depois, e todos, exceto Rubinho, foram para fazer também suas trocas.
    HAMILTON não faria isso.
    Então brasileiros bundões que devem torcer até para a argentina ve se parão de babar na desse cara e começão a vivenciar a historia da F.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *