MENU

Friday, 26 de September de 2008 - 17:25Colunas Grand Prix, F-1

NO ESCURINHO (3)

SÃO PAULO (para alguns, não muda nada!) – Saborosíssima a coluna Grand Prix do Reginaldo Leme de hoje, já publicada no Grande Prêmio. Leiam lá, comentem aqui!

10 comentários

  1. PAULO GASPERONI says:

    Se não rasgar seda pelos brasileiros, vai rasgar por quem??O Reginaldo é um dos jornalistas esportivos mais respeitados do Brasil, pra mim, ele é quase uma instituição, respeito a opinião de todos, mas é o que penso.

    PAULO GASPERONI

  2. Leonardo Luiz Verleun says:

    Que legal!!! Realmente “saborisíssima”…Estou dando “risadas” até agora…Só faltou o “terço” na mão da mãe do piloto…

  3. Victor says:

    O Nelson tem toda razão, coluna ruim, o Reginaldo deve ter pedido para algum estagiário fazer, ou será que ele é assim e não sabíamos.

  4. Zé Henrique says:

    Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Uma coisa é acompanhar a Formula 1, outra coisa é assistir F1 pela Globo. Irrita. Aborrece. Causa desespero. Dói, até. Agora há pouco, ”o Vettel vai tirar o 3º lugar do Raikkonen”, Reginaldo Leme. Um pouco antes, ”o Raikkonen não teve vontade hora nenhuma esse ano”, por Luciano Burti. Por fim, ”Pô Raikkonen, nem pra ficar no meio dos dois?”, proferida por unânime narrador. Enfim, vamos ao que interessa. Fatos. Vettel não tirou o 3º lugar de ninguém. Como é que se mede vontade? Balança? Radar? Ou burlando o regulamento e tentando entrar no ”playoff” da ”Stock”? Não sei como se mede, afinal. Pô Massa, nem pra ficar entre Kimi e Alonso na China ano passado? Pô Massa, tomar uma daquelas por fora, em Nurburgring? Ah, a do Lewis em Monza… relembrem-se do acontecido com a Ferrari nº6 nos treinos livres. Todo mundo sabe, o pescoço dói pra caramba. Na Parabolica então, um inferno. Ah, mas o Massa deu a vitória pro Kimi no Brasil? Foi? Mesmo? Deu, assim, vai, é sua? No site oficial da F1, até há pouco tempo tinha os tempos de volta de ambos. Pesquisem. Dói.

  5. Nelson Luiz Carneiro says:

    Xará Nelson, bobagem falou vc. Foi a melhor coluna do Reginaldo que eu já li. Como nós acompanhamos quase tudo o que acontece na F1, o que nos falta são os bastidores, as histórias do tipo que só gente como o RL sabe. Excelente, portanto.

  6. Ricardo says:

    essa “proximidade ” na minha opinião , afeta a imparcialidade necessária na hora de emitir uma opinião !!

  7. Denise says:

    Particularmente, gostei do relato. Já a “babação”, acho que deve ser ignorada. É só uma opinião (e que na verdade não me influencia em absolutamente nada).

  8. YPVS says:

    Nelson, excelente comentário! Apesar de ter gostado da coluna, tb concordo que há um excesso de rasgação de seda. Sem dúvida é um mal que atinge mais o Galvão. O maior problema dos dois é essa necessidade de ser amiguinho de todo mundo. O Gal`vão quer ser íntimo de todos jogadores de futebol e dos pilotos de F1. O Reginaldo, em menor escala, tá indo pro mesmo caminho. A merda é a seguinte: quão isento será seu jornalismo se ele tem que jantar na casa do Barrichelo e do Massa em Mônaco?

  9. revelador says:

    Meu caro Nelson, o cara tem moral, fazer o que? Não acho que seja babação de ovo mas sim um lado que quase nunca é mostrado a pobres mortais, como eu, como vc….

  10. Nelson says:

    Com todo o respeito. Um monte de bobagens.Reginaldo Leme está passando da conta com a babação pelos brasileiros, decepcionante, uma total perda de tempo ler esta coluna, pelo menos a desta semana.
    Reconheço que ele sabe muito de fórmula 1 ,mas nos últimos tempos está difícil aguentar o fanatismo dele, está se transformando em um novo Galvão Bueno.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *