MENU

terça-feira, 28 de abril de 2009 - 18:28Indústria automobilística

SEM NOÇÃO DO RIDÍCULO

SÃO PAULO (mundo chato, sô) – Vocês se lembram, certamente, do blog do irmão do Décio. Tem esse nome mesmo, “irmão do Décio”. O Décio é um sujeito pacato, modesto colecionador de carros antigos do interior de SP. Digo “modesto” porque ele não tem 200 carros, dez Bugattis e 50 Ferraris. Gosta dos nacionais, tem um monte de DKWs e Lambrettas, é modesto como sou eu e os malucos que juntam carros que a maioria nem sabe que ainda existem. A coleção é demais, na verdade…

Pois o Du Oliveira, irmao do Décio, é designer, adora carros, e passa o tempo livre, quando encontra, fazendo “releituras” de modelos do passado. Faz trabalhos ótimos, sem nenhum interesse comercial, apenas exercitando sua criatividade e imaginação. De seu computador saíram “releituras” (estou usando entre aspas porque ele não está “relendo” nada, apenas criando; é que “releitura” está na moda) de carros como a Rural, o Fissore, o Opala, o Corcel, essas coisinhas miúdas que falam muito ao coração de quem os teve ou desejou um dia.

Algumas dessas “releituras” são de carros da Volkswagen. Gol, SP2, Brasília, Zé do Caixão, Karmann-Ghia… Trabalhos lindos. E como têm enorme qualidade, caíram na rede. As pessoas leem blogs, compartilham imagens, se divertem na internet, as coisas se espalham. Aqui mesmo o blog do irmão do Décio foi várias vezes citado, celebrando algumas dessas “releituras” que ficaram espetaculares, como essa do Gurgel X-12 que ilustra este post, e que escolhi a esmo.

E não é que nesta semana o irmão do Décio recebeu uma notificação judicial de um exército de advogados da VW, acusando-o de uso indevido da imagem? E solicitando a retirada do ar de todos os desenhos que fez de modelos antigos da marca?

Por que é que a VW e seus advogados não se preocupam com coisa mais séria? Por exemplo, as reclamações de seus consumidores que aparecem às dezenas na seções de cartas dos jornais e revistas especializados em automóveis? Não têm mais nada de importante a fazer?

Sempre que acontecem essas coisas, perco um pouco do respeito que tenho pela história de algumas montadoras. A VW me é caríssima, tenho uma porção de carros da marca, adoro Fusca, Kombi, Gol, Variant, Passat, Karmann-Ghia, tenho tudo isso na garagem, são pecinhas queridas do meu amontoado de velharias. Diante de uma atitude arbitrária e truculenta dessas, tenho a impressão de que esses caras não têm a menor ideia do que representam aquele V e aquele W dentro de um círculo, sua história, sua ligação com as pessoas comuns.

Zero para a Volkswagen e seus advogados. Ridículos. Devem ganhar salários altíssimos para ficar perdendo tempo com coisas inofensivas como os desenhos do irmão do Décio. Eu mandaria todos embora. Seus rendimentos devem ser suficientes para preservar os empregos de centenas de operários, que valem muito mais do que esses engravatados de merda.

214 comentários

  1. Emerson Jambeiro disse:

    Vai pra casa Volkswagen! Você tá bêbada!!

  2. Olá! achei muito interessante seu site, e crio artesanalmente modelos em escala 1:5 e 1:6 de carros. Dou preferência a modelos que não existem ou que podem ser conceitos, já tenho dois modelos prontos em escala 1:6
    1. Chevette GPIII na cor cinza em escala 1:6
    2. DG-1 – uma mistura de Mustang com Deleream em escala 1:6
    este dois não estão a venda, mas desenvolvo qualquer modelo em escala para colecionador. tudo manual, e o tempo que levo para criação é de 30 a 40 dias que fica pronto para entrega.

  3. Tarcizio disse:

    Você tem todo o apoio de pessoas sérias que guardam boas recoradações de outros tempos da VW que deveria usar a mesma trava de banco (que não amputadedos) no produto nacional. Lamentável essa atitude que só faz diminuir a imagem do que já foi a maior fabricante brasileira de automóveis.
    Um abraço.
    PS: VW na minha vida: Fusca Variant Kombi Variant II Gol (antes do bolinha) e depois … nunca mais !!!

  4. Palheta. disse:

    Pouca inteligência. Esse pessoal da VW deveria explorar essa idéia para valorizar mais a marca. Fazer como um político que conheço em minha cidade (BEL), que usou desse artifício e se elegeu o mais votado. Deveriam se preocupar com reposição de peças, por exemplo. Tenho voyage importado (93) relíquia que ñ consigo o friso lateral com grampos.

  5. Roberto Amaral disse:

    Pois eu tenho o prazer de conhecer o irmão do Décio; é uma pessoa simpática, simples, idônea e íntegra (assim como seu irmão e seus pais). Seu defeito? O mesmo nosso: paixão por carros…
    Lamentável a atitude da VW brasileira: preconceituosa, burra, estúpida e improdutiva.
    Duvido que a matriz alemã tivesse a mesma atitude. Provavelmente os executivos de lá fariam uso da massa cinzenta pela qual ostentam inquestionável orgulho…

  6. Marcelo Lobo disse:

    Eles são muito “rigôrrôsas”! Pena que nossa justiça não foi tão “rigôrrôsa” com os dedos arrancados nos bancos dos Fox!!!!! Que vergonha…

  7. Marilia Compagnoni Martins disse:

    eu não vi as imagens, mas pelo que estou lendo ficaram muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito melhor que os originais de fábrica!

  8. E.Martinez disse:

    FG, a VW é rigorrrosa você é rigorrroso mesmo…

  9. Inaceitável a atitude da empresa. Por coerência, deveriam então notificar toda a imprensa especializada para que deixasse de publicar projeções e desenhos de futuros lançamentos da marca ou, se o fizessem, publicassem as imagens sem o logotipo na grade e o nome do produto.

    Algo como “Este é o modelo 2011 de um conhecido carro de teto alto, acabamento simplório e suspensão dura como a de um jipe, fabricado por uma famosa marca alemã”… E cada um de nós saberia de que se trata sem o risco de problemas com os advogados.

    Francamente, esta passou do ponto. Tem fabricante por aí que precisa, com urgência, rever suas posições.

    Fabrício Samahá
    Editor
    Best Cars Web Site
    http://www.bestcars.com.br

  10. João disse:

    Isso e inveja, o cara e muito melhor que os designers da volks, e so ver os novos modelos que são horriveis, simpsonizaram os carros, vide golf, bora e a trinca de feiura novo gol, voyage e nova saveiro, tomara que outra montadora o contrate e explore muito bem suas ideias, assim teremos carros design muito melhor, parabéns e continue com essa criatividade.

  11. Milani disse:

    A Volks, ao invés de perceber q é um cara de muito talento e oferecer um emprego pra ele, resolve processá-lo. Muito inteligente!!!!

  12. André disse:

    Claro, também acho uma babaquice a VW descer o porrete num cara por estar prestigiando a história da montadora. Mas, tipo, me lembro de ter lido sobre algo semelhante nos EUA, envolvendo a Apple, se não me engano, e a explicação a que se chegou era que a empresa é meio que “obrigada” a dar esses “tapinhas na mão” para evitar de perder a marca registrada. Algo como “olha aqui, povo: a marca é minha”. Isso não seria válido no Brasil também?

  13. tomitão disse:

    Bando de imbecis
    O cara está valorizando a história da marca…

  14. Marcelo Ranaudp disse:

    Se fosse em outro país o cara ja tava contratado em vez de processado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *