MENU

quarta-feira, 1 de setembro de 2010 - 16:13Cinema

DEMOROU

SÃO PAULO (e aqui, quando?) – Demorou muito para a história de Ayrton Senna parar no cinema. E felizmente isso acontece na forma de documentário, não com alguma dramatização boba com atores nos papéis de pilotos. O trailer oficial do filme já está no ar, esse aí em cima. “Senna” estreia primeiro no Japão em 8 de outubro, onde já está no ar uma página específica para ele na internet. A direção é do britânico Asif Kapadia.

Senna merece todas as homenagens. E nada melhor do que homenageá-lo vendo o que ele fez nas pistas. Espero que o documentário desembarque logo no Brasil.

62 comentários

  1. Alexandre Santiago disse:

    O duro dessa história toda é ver que o documentário foi feito por japoneses em vez de ter sido feito por brasileiros.
    A gente caga e anda por nossa Terra mesmo.

  2. alexandre disse:

    Justa homenagem ao maior piloto que o mundo já viu.

  3. Rodrigo Cesar disse:

    Ficar com essa putaria de rivalidade entre Senna, Piquet e Schumi…..coisa de criança..

    tenho saudades de ver Senna, Prost, Piquet, todos juntos correndo…

    Hoje temos de nos contentar com Barrichelo e Massa e com ambos ainda exigindo respeito…principalmente o velhinho fracassado. Isso sim é um fato que todos deveriamos lamentar.

  4. Tatiana Brandão disse:

    Já tem data de estreia no Brasil? O trailler já é de arrepiar. O filme então, deve ser demais. Estou ansiosa para assistir. Serei a primeira da fila no dia da estreia. Senna eternamente….

  5. Alexandre Werner disse:

    Gostei do formato documentário. “Filmes” de corrida geralmente ficam exagerados e bizarros, acho que mesmo se baseando em fatos reais a indústria do cinema ia conseguir cagar a história. Claro que “Grand Prix” foi exceção.

  6. Premier disse:

    Além do mais filme eu não sei, mas desenho do “Seu alemão” já existe….chama-se Dick Vigarista e a Corrida maluca.

  7. Premier disse:

    Nossa, emocionante esse trailler….agora esse negócio de “meu alemão”…sem comentários, a turma já sacaneou bastante.

  8. Marcelo Mendez disse:

    Incrivel…. qualquer coisa que se fale ou faça sobre o Senna, por mais que o tempo tenha passado, é algo que emociona.

    abs

  9. Arthur Cavalcante disse:

    Lá vem o povo falando do Schumacher… malditas crianças que não eram vivas quando a F1 ainda era F1… não to puxando a sardinha pro lado do Senna, mas peraí… ele pegou uma época da F1 (o final dela) onde a F1 era um verdadeiro duelo de titãs… e não essa brincadeirinha de star wars modernosa aí…

  10. Marcelo Geraldo Vieira disse:

    Meu alemao????????????????? Fausto que gay que vc é……………

  11. leonardo sampaio disse:

    tomara que nao fiquem endeusando e chamando ele de sobrenatural, mas sinceramente nao acredito muito nisso, acho que vai ser piegas toda vida.

  12. Alfredinho disse:

    Saudades eternas!!!!!!!!!

  13. LH disse:

    Meu alemão foi foda… E por que tantos imbecis surgem quando se fala em Senna? “Acho que mais importante seria homenagear os vivos. Os mortos nada sabem, os vivos ao menos sabem que irão morrer.” Uau, que metafísica rebuscada… Vai ser burro assim lá longe…

  14. Fábio disse:

    Acho que mais importante seria homenagear os vivos. Os mortos nada sabem, os vivos ao menos sabem que irão morrer.

  15. Adriano Migliozzi disse:

    Documentário pra ninguém botar defeito. Produção inglesa, parceria japonesa. E não “invenção da Globo”, como muita gente (incluso o autor desse blog) tenta colocar.

  16. Marcello disse:

    “…Senna merece todas as homenagens…” FG Foi você mesmo que escreveu?????????

    Espero que mostrem as corridas, e não aquelas baboseiras todas!!!!

    Vai sair aqui nos cinemas???

  17. “Nosso” Senna já é tosco, mas “meu alemão” ficou…. …. estranho.

  18. Clayton Araujo disse:

    Seu alemããão????? Essa foi boa!! Nao sabia que ele era bichinha, kkk

  19. Dyego Moura disse:

    Tenho 25 anos e posso dizer uma coisa, não se trata de viver ou não viver na época do Senna como eu vivi.Sinto muita falta de ver minha família reunida no domingo vendo Senna correr, mais na verdade esse filme veio mesmo pra mostrar a vida de uma lenda que alguns jovens escutam falar sempre mais não tiveram o prazer de ve-lo correr. Fui piloto de kart adorooooo velocidade e hoje só não sou piloto ainda por questões financeiras. Isso tudo porque Senna fez parte da minha infância e sempre sera o meu maior idolo em todos os sentidos, nas pistas e na forma como devemos levar a vida.
    Só um desabafo pessoal…. Abraços

  20. Fernando disse:

    Desculpa o palavreado, “DO CARALHO”………esse documetário vai ser sucesso. Abs

  21. Piquetada disse:

    Ao Anselmo: “Alguém ainda tem alguma duvida que os japoneses idolatram “nosso” Senna?”

    Os japoneses podem até idolatrar o “SEU” Senna, mas sem dúvida nenhuma eles também não gostam de títulos conquistados no “grito”, foram justamente os comissários japoneses que tanto amaram Senna que desclassificaram o piloto no Japão em 89(lembrando que a Benetton fez forte pressão para que a vitória fosse confirmada para o Nannini, os fãns preferem colocar a culpa no Baleste que na época não mandava nada em assuntos esportivos nas corridas, a decisão foi dos comissários). E Senna nunca seria campeão em 89 mesmo vencendo no JPN, além de fazer uma péssima temporada em 89(não marcou pontos em 7 corridas) acabou batendo na última corrida, quando liderava o GP da AUS e o piloto precisava dessa vitória para ser campeão. Aliás jogar vitória ou bom resultado fora o Senna foi recordista, aconteceu de tudo que é forma, ou batia em retardatários ITA-88/AUS89/BRA-90, ou batia sozinho quando era líder MON-88/AUS-92, até mesmo saindo sozinho da pista quando era líder ITA-87/ING-89 e se procurar acha mais! Senna era agressivo na pista, mas também errava muito. Não é a toa que os 3 pilotos com mais títulos na Formula 1 Schumacher/Fangio/Prost são considerados cerebrais, mas o alemão foi o mais arrojado dos três, jogar resultado fora não era comum na carreira desses três pilotos!

    Ao Luiz Carlos: Senna será um eterno exemplo de esportista íntegro ?

    O Senna tem uma lista suja bem grande, dentro da pista foi um baita “Dick Vigarista”, fora um baita mala, arrumava encrenca com todo mundo! Senna fez trapaça nos treinos de MON/85 para segurar a pole. Lauda, Mansell e Alboreto foram buscar o Senna lá no boxes, Senna admitiu a trapaça(nem punido foi). A desculpa dos fãns para limpar a barra de Senna era que ele era muito jovem na época! Então Schumacher na AUS/94 também esta perdoado, ele tinha a mesma idade! No GP AUS/87 Senna foi desclassificado com freios irregulares, isso não é trapaça? E o caso IMO/89 onde quebrou o acordo de homem para homem com Prost, Senna largou na pole, mas para variar largou mal, Prost saiu na frente, mas Senna quebrou o acordo e ultrapassou novamente, levou vantagem e venceu a prova, isso não é trapaça? No GP BRA/88 Senna foi desclassificado por ter pego carro reserva quando não era mais permitido, isso não é trapaça? E o GP do JPN/89 onde cortou a chicane, se esta no regulamento que não podia cortar então violou as regras, e foi justo os comissários japoneses quem desclassificaram Senna! Benneton fez pressão para que o regulamento fosse cumprido, Balestre ficou mais na base da torcida! GP JPN/90 Senna jogou o carro em cima do Prost para ser campeão, mas só se lembram do alemão em cima do Hill.

    E as várias agressões físicas que o pavio-curto Senna se envolveu no mundo da F1. Pegou piloto argentino de categoria de base pelo pescoço! Deu soco na cara de jornalista, tem outro caso em vídeo no tube onde mostra o Senna estupidamente afastando com o braço outro jornalista só porque ele(jornalista) queria saber o que Senna falava com Schumacher sobre batida entre eles no GP da FRA 92, em outro vídeo mostra Senna chutando um fãn do Mansell quando o mesmo pegava uma carona no carro do inglês. Foi mal educado com uma tradutora, teve outra jornalista que disse que foi ignorada por Senna, mas o que deixou ela indignada foi que minutos depois Senna abriu o sorriso ao ver que a câmera da Globo o entrevistando!

    Deu murro na cara do Irvine quando ele era novato, saiu no tapa com Mansell! Agrediu fiscais de pista em 87(foi até multado em 10 mil dólares um valor alto na época). Vexame total, pegou mecânico da Mclaren pelo “colarinho”, fora a tentativa muito baixa de tentar prejudicar o emprego do R.Leme na Globo. E ainda os fãns destacam do lado humano do homem Senna…Teve o caso do Senna e Galvão infringindo as leis de trânsito no México, estavam brincando de carrinho bate-bate! A empresa proprietária dos veículos não gostou nada da brincadeira e Senna teve que pagar o prejuízo na hora! Grana não era problema, mas isso é exemplo de esportista?

    Como já dizia o Galvão: “ISSO É MUITO FEIO, GROTESCO!!!.” E o Galvão ainda quer questionar a ética da Ferrari, de pilotos como Schumacher/Alonso/Raikkonen entre outros, quanta hipocrisia! Alguém lembra da corrida que Raikkonen deu um empurrão em um fiscal de pista em 05? O Galvão disse cobras e lagartos do piloto, “Isso é muito feito Raikkonen, é grosseiro!”

    Ao Luiz Carlos: “A diferença é que Senna não fazia marketing para ninguém”

    Senna namorou a Xuxa, colocou nome em curva em Interlagos, criou o personagem Senninha, sabendo que Piquet e Galvão não se “bicavam” fez forte amizade com o imbecil narrador para ganhar espaço na mídia, Senna gostava de ser bajulado pela Globo, isso não é fazer marketing!

    Senna foi um grande piloto, mas fez muita besteira na vida, Schumacher que sempre é lembrado como único vilão em 60 anos de F1, pelo menos nunca agrediu ninguém, adorava e era adorado pela equipe e seus mecânicos. No pódio era comum ver o alemão apontando com o dedo para a equipe “dividindo” o mérito da vitória, coisa que não era comum com Prost/Piquet/Senna e Mansell.

    Schumacher jogou o carro em D.Hill? Senna fez o mesmo com Prost!
    Schumacher negou autógrafo para um fãn? Senna fez o mesmo!
    Schumacher atrapalhou Alonso em MON/06 para ficar com a pole? Senna fez o mesmo em MON/85, atrapalhou Lauda, Mansell e Alboreto!

    Vamos pelo menos admitir, ninguém é “santo” na Formula 1, o alemão apenas dançou conforme a música!

    • roberto castro disse:

      Cara que revolta e essa!!!!!
      Vamos repeitar pelo menos um pouco pq o cara nem e vivo mais.

      Esse documentario do Flavio e mais para os fans do senna não por um piqueitsta revoltado igual vc esta sendo..

  22. Antonio disse:

    Esse vai valer a ´pena comprar o Blu Ray.

  23. alex disse:

    É verdade Flávio. Já imaginou se fosse filme em vez de documentário? Provavelmente seria feito pela Globo Filmes…o resto vc pode imaginar. Tantos personagens e temas que dariam ótimos filmes já foram estragados…Zuzu Angel, Lamarca, etc.
    Mesmo sendo um documentário não acredito que traga algo de novo sobre Senna, especialmente se for negativo.

  24. João Vitor disse:

    Super homenagem, vale por relembrar a época em que assistir duas horas de F1 valiam muito a pena, vale lembrar da emoção das manobras, dos maiores duelos da história, do talento puro personificado, da paixão de um país (ou muitos países) por seu ídolo, vale ver a F1 no cinema, imagens de bastidores, vale relembrar. Esse cara estará pra sempre ligado a F1 pra nós, mesmo que um monte de babacas que acham que devem torcer apenas pelo Piquet não gostem, mas eu tenho certeza que esses sujeitos aí que estão malhando a coisa estarão lá na data da estréia.

  25. Delmar Viana disse:

    “… meu alemão.”??????????? Eu, hein????

  26. Leal disse:

    Meu alemão??????
    Pego mau………

  27. Fausto Buarque disse:

    E do Schumacher, sai quando? O que importa é o meu alemão.

  28. E.Martinez disse:

    Putz! Eu lembro que desde os anos 90 falam desse filme, o Senna ainda tava vivo. O ator cogitado era o Antonio Banderas. que tinha na época quase a mesma idade…

    Naquele tempo tinha muito apelo comercial, não sei porque o projeto não foi adiante. Agora já não sei pois as novas gerações são fãs é do Schumacher….

  29. hugo disse:

    Ayron Senna, unsokino kanatai.

  30. Luiz Carlos disse:

    Eu indico este documentário aos atuais dirigentes e chefes de equipes da F1, para aprenderem o que é ser um profissional de F1. Não é só de dinheiro e marketing que se faz um nome. E eu nem preciso dizer quem são os indicados, basta assistir os resumos das temporadas de 2001 e vocês saberão de quem eu falo. Mais do que justa essa homenagem e já vem tarde. Senna será um eterno exemplo de esportista íntegro e audacioso.

  31. Uma pena porque parece que não terá muitas imagens inéditas, pra quem já viu aquele documentário que a 4Rodas vendeu por aqui, ou outros que já apareceram.

    Se bem que, aquele especial do TopGear foi fora de série….

  32. Wellington B. Wigand disse:

    Justa homenagem ao piloto que se entregava de corpo e alma ao automobilismo. Era um eterno insatisfeito com seus próprios resultados, transformando esta insatisfação em motivação para sua auto-superação.

  33. duda disse:

    deve ser muito bom, inclusive a parte musical, feita pelo tbem craque antonio pinto

  34. Fernanda disse:

    Tomara que venha logo para o Brasil, que passe nos cinemas e que cobrem o dobro do ingresso para as “carpideiras”, só para elas! Eu vou e pago uma inteira! Deve ser demais ver imagens de F-1 na telona!

  35. Anselmo disse:

    Alguem ainda tem alguma duvida que os japoneses idolatram “nosso” Senna? Eles adoram automobilismo tbm.

  36. Williams disse:

    Se fisessem diferente ficaria uma merda! As imagens estão com uma qualidade e com um áudio muito fodas! Nunca tinha visto imagens daquela época desse jeito! Muito foda!

  37. hendrix disse:

    o cara era gente fina, apoiava o maluf e o collor
    CB – sangue bom.

  38. Rodolfo I. Vieira F.º disse:

    Boa notícia no aniversário do time que ele era o torcedor mais ilustre !

  39. hendrix disse:

    será q eles vão falar do mau caratismo do senna?
    vão falar de todos os q o senna sacaneou?
    Du-vi-de-o-dó

    • Rodrigo disse:

      o bom é que não foi feito pela Globo, senão teriamos que ouvir o Galvão narrando do inicio ao fim.
      E quanto ao comentário acima, sobre mostrar o mau caratismo do Senna, eu torço pra que mostrem mesmo, afinal o cara não era santo, ai o filme ficaria excelente.

    • Luiz Carlos disse:

      Senna não foi nenhum santo, quem acompanhou a carreira dele sabe disso, a diferença é que ele não fazia marketing para ninguém. Apenas queria ganhar tudo e não admitia perder, esse era seu defeito. Por isso foi o melhor de sua época, foi o único capaz de bater de frente com a FIA e mesmo quando passaram a mão no seu título em 89, no ano seguinte deu o troco na mesma moeda e alguém puniu ele com isso? Ninguém. Senna foi malandro sim, nas pistas, e não nos bastidores como é rotina hoje em dia.

  40. Leandro Foltran disse:

    Se já fiquei emocionado com o trailer, imagino como ficarei com o filme… campeão verdadeiro… valeu Senna.. mais uma obra prima sua….

  41. Claudio Luccisano disse:

    Putz, bem melhor do que qualquer caracterização feita para o cinema……

    A história do Ayrton por ele mesmo….boa….

  42. Marco disse:

    Só espero que o documentário realmente seja lançado nos cinemas tupiniquins, não ficaria nem um pouco surpreso se “mandassem” direto para as locadoras. Seria um estupidez monstro, mas não duvido.

  43. Luiz Affonso disse:

    opa,esse vai ser sucesso com ctza!!!

    sera que vem algum do Piquet algum dia?? merecia tb hein???

  44. Jackson Francischelli disse:

    Bacana o filme. Sejam fãs ou não do Senna como ser humano e piloto para quem é apaixonado por Fórmula 1 é um belo presente!

  45. Koruja disse:

    Demorou hein, mas agora vai !!! Precisamos de novos heróis e inspiradores

  46. ouvi um zum zum zum que vai estreiar aqui na semana do Gp do Brasil de F1.. pode ser lenda.. mas vamos aguardar.

  47. Lipe Paíga disse:

    É, finalmente entenderam que Antonio Bandeiras nãoseria o Senna e o ídolo que ele se tornou não poderi ser representado por ninguém menos do que ele. Respeito aos ídolos. Todos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>