MENU

quinta-feira, 30 de setembro de 2010 - 2:53Fusca & cia.

FUSCA DO DIA

SÃO PAULO (ou seria “prende eu”?) – O Rafael Duarte, que é bombeiro em Goiás, clicou a joaninha na Academia da Polícia Militar do Barro Branco, na zona norte de SP. Está totalmente restaurada e preservada, e é um símbolo dos anos 70. Eu conheço esse carro, estive no Barro Branco ano passado para gravar matéria para o “Limite”. É uma graça. Alguém aqui já, hum, “passeou” numa dessas?

29 comentários

  1. gui dal pont disse:

    essa é famosa carochinha??

  2. Waldyr Kopezky disse:

    Desculpe, “baratinha”. Errei na digitação. Abs.

  3. Waldyr Kopezky disse:

    Caro Flávio,
    Leio seu blog há muito, mas somente agora faço meu primeiro comment. O Fusca da PM paulista vermelho e preto era chamado de “baraqtinha”, não joaninha…
    Nunca andei num destes – mas, nas “Veraneio”, andei um bom par de vezes…
    Abs.

  4. Heitor disse:

    Eu posso dizer que ja andei, com direito a giroflex ligado e sirene a mil, mas era um amarelinho e preto do DSV, quando tinha uns 7 anos de idade, meu pai estava de serviço e foi nos apanhar em uma festinha de aniverssario de um primo meu, com a baratinha , imagina um pirralho andando no banco de tras da barata , vendo todo mundo dar passagem pra pra seu pai , mais só foi uma carona rapida , aos politicamente corretos era uma outra época onde ninguem ia chamar a reportagem ou denunciar o mau uso de veiculo publico, não interferiu em nenhuma ocorrencia e ninguem ficou sem atendimento policial por isso, mas que foi uma barato na época foi.

  5. Esse impunha respeito por onde passava. Aqui por São Sebastião/SP um desses rodou por muito tempo até ser substituído pelo opala cinza/branco, gurgel x12, carajás e até uma versão kombi (senão me engano era uma unidade da Tático Móvel)

    Abç´s, Túlio.

  6. hugo disse:

    Essas Baratinhas davam um medo danado…

  7. sergio castro disse:

    Andar não andei, mas já fugi muito desta Joaninha, de Puch, Cinquentinha, etc…

  8. Aliandro Miranda disse:

    A PM do Rio mantém uma viatura Fusca também, restaurada e brilhando de “nova”. Fica estacionada no pátio externo da Central do Brasil, onde funciona uma DP. Tem giroflex novo e tudo.

    Um amigo meu que é policial militar me informou que a viatura ainda está a serviço, mas não para policiamento, e sim para levar documentos e fazer transporte de pessoal interno.

  9. ALEX B. disse:

    nÃO! Na epoca dele quem entrava aí podia nao voltar mais!!!!!

  10. Luis Ramos disse:

    Até hoje minha mãe usa o termo “radio patrulha” quando se refere a policia. Além da baratinha, tinha a veraneio e corcel I, só caranga bala.

  11. Fernando disse:

    Meu tio era PM aqui no RJ e dirigia um desses (Por essas bandas ele era azul e branco). Tinha fusquinha e Voyage. Andei muito com ele no fusquinha da PM, tocando sirene pra assustar os vizinhos entre outras. Devia ter uns 6 anos no máximo. Tempo bom…

  12. disse:

    Andar não, mas fugir qdo. moleque de cinquentinha…A sirene ficava no ouvido 2 dias…

  13. Acarloz disse:

    Prefiro não comentar . . .

  14. Paulo R. Filomeno disse:

    A velha Radio-Patrulha! Na madrugada do dia 1 de maio de 1980, eu e mais uns amigos loucos resolvemos fazer uma viagem de trem e o mais inusitado é que saímos de minha casa no Tatuapé até a estação da Luz… a pé. Lá pelas 3 da manhã, ao dobrarmos a esquina da Paes de Barros com a Rua dos Trilhos (onde tem um supermercado Extra), demos de cara com um carrinho desses, só deu pra ver os policiais virados para trás esmurrando quem estava lá dentro. Foi perna pra que te quero na mesma hora!

  15. Sergio SP disse:

    Uma vez só, no banco de trás. Foi só uma “dura” e tudo se resolveu.

  16. Rodolfo disse:

    Dei uma “volta” de viatura em um corsa. Muito sem graça.

  17. FG, me lembro de uma vez um ladrão de roupas entrou na garagem da minha casa e chamamos a polícia. Os homens prenderam e, depois que levaram o elemento para a viatura – uma Baratinha – meu pai foi até o Fusca e chacoalhou tanto o detido que a suspensão do carro deve estar capenga até hoje.

  18. Sacco disse:

    Quem quiser ver os da Acadepol Civil (Dodge Dart, Jeep, Veraneio, baratinha etc), acessa minhas imagens no Jalopnik: http://www.jalopnik.com.br/galeria-usuario/rids/ricardo-saccoclica aqui

  19. TOM SEM FREIO disse:

    Quando era muleque, e via um desses ficava até gelado, tamanho era o medo………..

  20. Aldemir Gouveia disse:

    num desses não, mas de veraneio já….kkkkkkk.. fui muito perseguido pelos daqui de Fortaleza que eram preto e branco,a gente chamava de “teteu”.uma ave da caatinga nordestina que tem as cores preta e branco.

  21. Daniel cases disse:

    Conhecido tambem como tomatinho

  22. Me lembro muito de ter visto, mas nunca andei numa.. pergunta: as rodas são originais??

  23. Edson disse:

    Se eu estiver errado me corrijam.
    No RJ era Joaninha, em SP Baratinha.
    Certo?

  24. Anderson Santos disse:

    Eu conheço esse carro, vou ao MTEL que fica dentro da Academia do Barro Branco, muito bacana, lembro da minha infância, só que eu conheço por Baratinha e não Joaninha…

  25. Roberto Martinez disse:

    Eu já vi esse carro quando visitei o Barro Branco na formatura de um primo, há uns 6 anos .
    As famosas “baratinhas”

  26. marcelo cunha - ribeirão preto/sp disse:

    Hj não tem ditadura e nem esquadrão da morte, né

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>