MENU

Sunday, 20 de February de 2011 - 11:36Arquitetura & urbanismo

ENCHE O TANQUE

SÃO PAULO (esperando as gotinhas) – Em algum lugar da Suécia, a marca inconfundível. Quem mandou foi o Daniels Camargos. Nunca é demais lembrar que estamos homenageando a Esso por estes dias, já que a marca será descontinuada no Brasil a partir do ano que vem, ano de seu centenário no país, diga-se.

9 comentários

  1. Joao Luiz Gomes says:

    eu tenho varias fotos de postos, como faco para enviar ?

  2. Fernando Guzzo says:

    Essa placa do Esso Extra Motor Oil tambem tenho, mas a minha é das grandes. Acho melhor montar um museu.

  3. Fernando Guzzo says:

    Putz, desses regadores tenho um monte, só que azuis. Gotinhas a caminho amanhã, ok?

  4. Sérgio says:

    Tanta marca meia-boca de posto de gasolina por aí e vão acabar logo com a Esso, uma das mais tradicionais. Não entendo essas estratégias comerciais.

  5. Reynaldo Cruz says:

    Estou vendo um bujão cinza à esquerda da bomba de gasolina. O que será?

  6. Aliandro Miranda says:

    Do ponto de vista comercial, acho que seria no mínimo inteligente continuar com a marca Esso. Assim como as montadoras de carro fazem. Manter a marca mantém o público, também.

  7. ALEX B. says:

    Putz, que charme! Nostalgico!

  8. Max Mosley says:

    Postinho bastante simpático. No inverno sueco deve ficar ainda melhor.

    Não sabia que a Esso deixará o país. Que pena. Fui fiel ao posto Esso da Jorge João Saad (da própria distribuidora) por muitos anos e me sinto perdido.desde que o perdi para uma estação de metrô.

    • João Kohl says:

      O grupo Esso vendeu os direitos de todos os seus postos ao grupo empresarial formado pelas empresas Cosan-Shell. Portanto o seu nome desaparecerá gradativamente e em cada um deles se verá apenas a Shell. Ainda não é uma certeza minha, mas como o grupo formado foi pensado ao nível globalizado, imagino que os postos dos demais continentes também sofrerão esta mesma medida. Se isso se confirmar, os postos Esso estarão a caminho da extinção. Coicidência com o exemplo da expécie animal que representa a Esso até hoje.
      A boa notícia é que tal esforço será para colocar o etanol brasileiro em todos os continentes num futuro não tão distante.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *