DOIS AMORES

SÃO PAULO (bravinhos) – Olha só a foto que o Luis Filipe, que trabalha no museu da Portuguesa, me mandou. É destino, mesmo. De alguma excursão que a Lusa fez à Alemanha Oriental, em julho de 1968. Não é inacreditável? Eu daria um braço por esse troféu! Será que tem como descobrir quanto foi esse jogo?

ATUALIZANDO…

A blogaiada é muito rápida. O Matheus Pinheiro, pelo Twitter, me informa que a Lusa ganhou do Sachsenring por 2 a 1. A lista de jogos de 1968 está aqui. Fico imaginando as histórias em torno de uma partida da Portuguesa na DDR no auge da Guerra Fria. Putz.

Subscribe
Notify of
guest
14 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Eduardo
Eduardo
7 anos atrás

Ontem comentei no blog que tenho um amigo da Alemanha Oriental que vem quase todos os anos ao Brasil e que é torcedor do FSV Zwickau. E no Brasil, ele adotou a Portuguesa. Já comprou camisa, flâmula, bandeira e o escambau. E isso virou uma brincadeira, pois sempre falamos em realizar um dia um amistoso Lusa vs Zwickau. E agora simplesmente descubro que esse jogo já aconteceu!! Quais as chances?! Estou mandando essa imagem do troféu para meu amigo agora. O cara vai cair de costas!…

Eduardo
Eduardo
Reply to  Flavio Gomes
7 anos atrás

Flavio, meu camarada de Zwickau comentou o seguinte quando viu a foto do troféu e soube da história desse amistoso: “Unbelievable!! We have to organize another match in 2018, 50 years later!! Next time we have to go to the Lusa museum for sure. That’s a part of history of our teams. Don’t forget: 2018 – just another 3 years to organize a re-match!”. Se o mundo fosse só um pouco mais divertido, seria demais essa revanche com o FSV Zwickau 50 anos depois (e ainda dava pra levar ao jogo alguns jogadores que estiveram nessa partida de 1968).

Eduardo
Eduardo
Reply to  Flavio Gomes
7 anos atrás

Pois é, Flavio, fiquei pensando nisso também! Vou ver se meu amigo consegue fazer contato com alguém do FSV Zwickau, afinal ele ficou entusiasmado com a ideia desse jogo. Tem seu email em algum lugar aqui no blog? Se surgir alguma novidade, te mando uma mensagem. (PS: Recebi fotos de uma partida do Zwickau que rolou na semana passada, final do Torneio da Saxônia, e subi nesse link: http://bit.ly/1FjzDKU. Parece legal o clima dos jogos dos caras!).

do amaral
do amaral
10 anos atrás

Incrível!, pelo que sei Sachsenring dé uma referência ao circuito, mesmo, o circuito da região, a Saxônia, onde fica a cidade de Zwickau, que é onde fica a fábrica dos trabi – acho que é isso, aprendi aqui neste blog – coincidência realmente incrível.

Rodrigo Borges
10 anos atrás

Escreve um livro sobre isso, pô!

Roberto Zuquim
Roberto Zuquim
10 anos atrás

O Jason Vôngoli tem razão: a única pessoa do planeta…
Só mesmo o FG, grande figura!

Luis Antonio
Luis Antonio
10 anos atrás

“… Uhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu !!! …”

Renato Schneider
Renato Schneider
10 anos atrás

È verdade Flávio, voc como um apaixonado pelos dois – Portuguesa e Trabant, tinha que ficar emocionado mesmo.
A minha paixão continua o Figueirense e o Trabant.

galileu
galileu
Reply to  Renato Schneider
10 anos atrás

na minha fica o trabant.

Ricardo Burgos
Ricardo Burgos
10 anos atrás

DEMAIS!!!! Como a nossa PORTUGUESA é ENORME!!!
Abraços!

Jason Vôngoli
Jason Vôngoli
10 anos atrás

Confessa que é uma pegadinha, vai…
É o post mais surpreendente da história deste blog. SENSACIONAL!!!!!
Você tem que descolar uma boa fábrica de troféus e encomendar uma réplica para pôr em destaque no meio da sala. Certamente o pessoal do museu da Portuguesa te emprestará o original para fazer a cópia – você é única pessoa do planeta para quem esse troféu faz 100% de sentido.