MENU

quinta-feira, 12 de julho de 2012 - 15:35Antigos em geral

ACHOU

SÃO PAULO (boa viagem) – E olha que outra grande história. Em 1970, o estudante texano teve seu Austin Healey roubado na faculdade, na Filadélfia. Passou anos rastreando carros iguais na internet, até que em maio encontrou o seu à venda no eBay. 42 anos depois! Ligou para a loja, na Califórnia, e explicou tudo. O vendedor ainda quis cobrar pelo carro 24 mil doletas, disse que não tinha culpa de nada e tal. O cara não se apertou. Conseguiu uma cópia do B.O., demorou um pouco, é verdade, foi para a Califórnia e pegou o carro de volta. 42 anos depois!

A história toda está aqui. Me mandaram pelo Twitter.

26 comentários

  1. Saulo disse:

    O AH 3000 está no vídeo de “Everybody wants to rule the world”, Tears for Fears.

  2. Roberto disse:

    Vai tentar fazer isso aqui.
    O cara conseguiu um Boletim de Ocorrência de 1970! Isso foi há 42 anos.
    Vai procurar um Boletim de Ocorrência de 1999 em qualquer lugar da Secretaria de Segurança Pública desse País? Na Delegacia? No Arquivo Público? NO DETRAN? Você vai achar uma banana. Provavelmente, o responsável pela área vai virar-se para você e dizer:
    – Você tá de sacanagem com a minha cara?
    – Você quer boletim de ocorrência de 1999? De 99? 99?
    – Isso é piada!!! Cadê a sua cópia? Por que você não guardou?
    – Me deixa em paz que eu tenho mais o que fazer!

    Aí, você pensa! Para que porra eu pago imposto?
    Para ouvir de um cidadão que recebe sálário dos impostos que nós pagamos que é problema meu.

    É isso aí! Não é Coca Cola, mas é isso aí!

    Nos Estados Unidos, a coisa é um pouco diferente. Bastou o cara apresentar o BO e recuperou o carro. Aqui vai ter que procurar o Cartório, o DETRAN, a Polícia e a Justiça.
    A Justiça!! Pois você achou que no Brasil você vai pegar o carro de volta assim tão fácil. Tem que provar com os documentos que você possui que o carro é seu. Não espere do Poder Público qualquer ajuda para reaver documentos.

    Recomendo um cofre para guardar as notas de valor.

    Mas alguns pode dizer que os carros do Paraguai estão sendo recuperados. Alguns. Os carros roubados que já foram declarados legais, morreu neves!
    E assim vamos, felizes e rezando para que nossos carros não sejam roubados.
    Notaram que o cara não tinha seguro.
    Aqui, sem seguro? SIFU!!

    Roberto, procurando o carro há 13 anos.

    • Vauduro disse:

      Felizmente não é bem assim como você acha, Roberto, como podemos ver em alguns depoimentos abaixo, e com mais justiça ainda, já que em muitos casos foi a nossa polícia quem detectou e devolveu o carro ao dono, enquanto que lá nos EUA foi o dono quem peregrinou. Além disso, muitas dessas notícias são fabricadas, para evitar que as notícias ruins de lá ganhem espaço por aqui, e olha que são muitas, mas sempre estão escondidas.

  3. José Quintana disse:

    E a loja perdeu uma boa chance de fazer markting… perdeu = e ainda ficou com má fama…mesmo possivelmente não tendo culpa

  4. Ricardo de Araujo Pereira disse:

    Um colega meu de trabalho teve o fusca roubado em 1982 (0 km). Depois de três anos recebeu uma ligação de Goiânia.O carro havia sido apreendido com 60 mil km.

  5. Alexandre - BH disse:

    Flavio,
    Se me permite usar o espaço no seu blog, gostaria de divulgar um serviço de utilidade para os grandes e modestos colecionadores de carros antigos. É o seguinte: o site Clube do Carro Antigo tem uma grande – e triste – seção com anúncios de relíquias roubadas/furtadas. Tem cada belezura lá que é de dar dó. Um sortudo conseguiu localizar seu Karmann Ghia dentro de um condomínio através de denúncia anônima. Quem sabe, com divulgação, outros não terão a mesma sorte?
    Lembrando que não tenho qualquer ligação com o pessoal do site e nem tenho carro antigo (ainda).

    http://www.clubedocarroantigo.com.br/cca_m01_cat_geral.asp?cod_cli=33&tl=as&tcg=vb&ccg=29

  6. Filipe Pimenta disse:

    Uma palavra: Perseverança.

  7. Rafael Balneário disse:

    Outra coisa que acontece muito é o supermercado de peças Car…refurto!!!!!!!!!!!!!!!!

    Muitas pessoas sabem que as peças podem ter sido roubadas pelo precinho “camarada” e montanhas de notas fiscais de motores não cadastrados etc:

    Tem gente que diz que ladrão que rouba de ladrão tem 100 anos de perdão, mas também receptor que compra coisa de ladrão pode ter uma surpresa em 42 anos…

  8. Erica disse:

    Essas historias me lembraram um episodio de uns 10 anos atras.
    Roubaram o Uno Mille Brio de meu irmão na faculdade (sem seguro!). Não esqueço a minha felicidade quando, dois dias depois, passando de carro, os meus olhos distraídos bateram na placa e eu gritei pra minha que estava ao voltante: “Mae, achei o carro!!!”. Foi massa!
    Foi deixado na porta de uma igreja perto da nossa casa.

  9. Rodrigo Abreu disse:

    Aqui em Porto Alegre, um cidadão teve um Passat Plus 84, azul cristal, roubado com poucos meses de uso. O carro foi achado à uns 3 anos, no Uruguai, em bom estado. O dono uruguaio atravessou a fronteira em Barra do Quaraí-RS para fazer compras no Brasil e foi parado para verificação de rotina. Ao puxar numero do chassi, apareceu a ocorrência de furto em 1984 e o carro foi recuperado.

  10. Sandro Rocha disse:

    Uma família teve um Passat (quadrado)furtado em São Paulo capital e, em visita a Londrina, quando eles estavam indo a um supermercado, o filho do dono, que se chama Edson, viu o carro e disse: pai, olha o nosso carro aqui. O pai do menino disse que era igual ao deles e, como estavam de mãos dadas, o pai foi puxando o garoto para dentro do mercardo. O menino, na certeza do que estava falando, soltou-se do pai e, apontando o dedo no para-lama do carro disse: essa letra E foi eu que fiz.
    O pai olhou para o filho e deu-lhe um grande abraço. Três anos se passaram do furto ao encontro. Vieram de busao para Londrina e voltaram de Passatão para Sanpa.

  11. Mauricio disse:

    Sorte é sorte…

    E um pouco de insistência também ajuda. Parabéns pelo esforço!

  12. jeambro disse:

    Interior do estado de São Paulo, final da década de 80, conhecido meu teve a F1000 roubada. Camionete bem surrada, de ir pra roça. Conseguiu recupera-lá mais ou menos um ano depois em São Paulo, transformada em cabine dupla pela Engerauto, praticamente zero quilômetro.
    Vai ser largo assim…

  13. Japoneis disse:

    Igualzinho aqui no Lisarb….

  14. Vou dar a deixa. Se fosse no Brasil…

  15. Maurício MV. disse:

    Este é um carro pelo qual valeria esperar até cem anos para tê-lo de volta.

  16. Mário disse:

    Catzo, vai ser perseverante assim lá na casa do capeta!

  17. André - BH disse:

    Tem um catálogo online (healeydata.com) com mais de mil desses carrinhos cadastrados, muitos com fotos. O povo ama eles com força. O que é meio óbvio, eles são lindos de doer: http://www.healeydata.com/cars/detail/?car=HBJ825651

  18. Voulembrar disse:

    Isso que é amor e insistência… Mas se alguém perdeu um, pode fazer sozinho outro melhor aqui:

    http://www.engadget.com/2012/07/12/japanese-company-releasing-do-it-yourself-pius-electric-vehicle/

  19. Maxwell B. Medeiros disse:

    Belo carro!

  20. Speedy Racer da Mooca disse:

    Pô na boa, rolou até uma lagrima agora.

  21. Meu pai teve uma Brasília roubada em outubro de 1990. O carro estava há mais de 10 anos na família e me lembro da placa até hoje. Era linda, 74/75, branca, parachoques cromados reluzentes. Meu pai jura que se ela for encontrada ficará de presente pra mim. Eu torço todos os dias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *