ENIGMA DO DIA

SÃO PAULO(quero só ver) – O Alexandre Santiago mandou essa foto. É de um amigo dele, Alex Garcia. Foi tirada… muitos anos atrás. Vamos ver se alguém aqui sabe quando e onde. E qual a história dessa McLaren enfiada entre gôndolas de supermercado, disputando espaço com sacos de açúcar e peças de acém.

outrostemposmcl

Comentários

  • Tenho um foto dessas, acho que em 1979, na Rede Super Cesa, em Caxias do Sul. Mclaren do Emerson, acho a 74.
    Apesar de na época não ter 3 anos completos, lembro do dia da foto e outras oportunidades em que “guiei” esta máquina enquanto minha mãe fazia compras.
    Além desta foto, é são de 79 minhas lembranças mais remotas da F1, especialmente do Gilles Villeneuve!

  • E uma foto no Zafari, em Porto Alegre, em 1978.
    Tinha uma promoção da margarina Delicia Cremosa na época. Aí colocaram esse carro do Fittipaldi pra tirar fotos da criançada. Se me lembro bem, era aparecer com algumas tampas de margarina e tirava a foto. Dias depois devia-se ir até o mesmo local pra retirar a foto.
    Pra molecada aparecer na foto, dentro do cockpit tinha um engradado de cerveja, ou uma caixa de verduras de plástico em que a criançada ficava sentada. Era amarela. Os pneus eram bem moles. Dava pra afundar a unha.
    Sei de tudo isso porque também tirei uma foto nesse carro, bem parecida com essa. Tenho ela até hoje.

  • Tá parecendo o jogo do Pelé na Javari, todo mundo viu e estava lá. Eu ainda não era nascido mas tenho uma foto neste carro também.
    Deixando a brincadeira de lado, bela promoção na época e excelente foto!

  • Eu tenho uma foto também. Acho que foi no Bompreço, aqui de Recife. Fiz questão de levar meu capacete Fittipaldi que me ‘protegia’ nas corridas com a minha BMX Monark amarela e preta, que imitava uma moto, com banco inteiriço (o freio era pedal)

  • Eu vi este carro no Museu do Automóvel do Parque Barigui aqui em Curitiba. Para mim foi de certa forma chocante descobrir, por acaso, a existência de uma joia histórica como esta. Coisa típica de um país que não está nem aí para a conservação do que realmente interessa. Fiquei até em dúvida sobre ser um F1 autêntico. Mas o DFV estava lá!
    Este deveria estar em uma redoma e com a conservação digna de algum daques do estoque histórico que a McLaren tem lá na Inglaterra.

    • E está bem detonado para se dizer de passagem, uma lástima, dá para ver que o carro é original, mas a mecânica, por exemplo tem partes do escapamento em plástico e foi toda pintada a pincel com tinta preta fosca, uma pena!

  • Supermercado Pão de Açúcar na volta da casa do FG..

    Não me lembra daquele veio pescador Hulme…O reutemann tava dando um passeio com o BT44 la em Buenos Aires e a porra da tomada de vento acima da cabeça dele começou e entortar…tava 1 minuto na frente do veio e aqueceu por falta de ar frio e estourou o motor…GG Lole…aquele dia Juan Domingo Peron tava lá…eu tinha 12 anos e foi a primeira vez que chamei um politico de FDP quando passou na minha frente em carro descoberto la na horquilla

  • Olá Flavio, como vai? Sou eu o menino da foto. Ela foi tirada no supermercado Comper de Blumenau no Natal de 1979 quando eu tinha 5 anos de idade. Trata-se de uma McLaren M23, motor Ford-Corworth DFV V8 utilizada nas temporadas de 1973 à 1977. Com ela Emerson Fittipaldi foi campeão Mundial em 1974 e James Hunt em 1976. Meu falecido pai era fanático assim como eu por F1 e automobilismo em geral, e ele não ia perder a chance de me colocar dentro dessa lenda pra tirar uma foto. Postei ela no meu Facebook hoje pois na noite passada eu tinha sonhado que era um piloto de fórmula 1. Meu amigo Alexandre Santiago te enviou e você acabou publicando em seu blog. Obrigado pelo prestígio!

  • Esse carro também veio para Porto Alegre, ficando exposto logo na entrada do Supermercado Zaffari Ipiranga, acho que ainda em 1975 ou 76. Era M-23 reserva da equipe, já desgastado e desalinhado, mas ainda assim, lindo. Só ficavam cuidando dele até o começo da noite, depois liberado. Preciso dizer que passei horas ali, babando?

    • E é o modelo 73-74, pois está com a suspensão progressiva, substituída em 1975 e 76 pela não progressiva,que se adaptava melhor aos pneus mais novos. O bico do exemplar do Zaffari já estava ficando meio solto, acho que de tanto montar e desmontar para rodar o país, além de muita gente que subiu nele.

  • Eu vi essa McLaren em 1978 no Supermercado Merci, em Belo Horizonte, na av. do Contorno, no bairro Floresta. Você comprava a margarina que patrocinava a campanha e tinha direito a tirar uma foto dentro dela. Era a mesma, diziam, com a qual o Emerson foi campeão em 1974. Lembro que todos os medidores e marcadores do painel foram retirados. Mas, mesmo assim, era linda…

  • Eu lembro que lá no começo dos anos 80, o Hipermercado Eldorado, que ficava no Shopping Eldorado, colocou em exposição um F-1. Não sei dizer se é o mesmo… eu não devia ter nem 10 anos na época. Mas o da foto aí de cima, sem dúvida, não foi no Eldorado.

  • Esta é uma McLaren M-23 do Emerson Fittipaldi de 1974. Eu mesmo tirei uma foto dentro dela no supermercado Pão de Açúcar em Belo Horizonte. Você comprava duas embalagens de meio quilo de margarina pra sua mãe e tirava esta foto. Na época eu tinha 19 anos. Só acho que o carro em questão, mesmo para a época, era uma réplica porque dentro dela só tinha o banco e o volante. Mas que foi legal, isso foi e minha mãe ainda ganhou 1 quilo de margarina Delicia.
    Gostaria de colocar a foto aqui pra vocês verem mas não sei como anexar ao comentário.

  • McLaren número 5 de Emerson Fittipaldi, o “rato” (a número 6 era de Denny Hulme, o “velho urso”). Equipe e piloto campeões em 1974.
    A foto foi tirada no final desse mesmo ano (um cartaz deseja um Bom Natal). O lugar é um supermercado qualquer desse imenso Brasil.

    Acertei! E aí, o que eu ganhei?