MENU

terça-feira, 20 de junho de 2017 - 0:41Kombi & cia.

NOVA KOMBI, DE NOVO

RIO (mas eu gosto) – Desde que este blog nasceu, em 2005, e assumiu sem escrúpulos a posição clara de defender todas as Kombis do mundo, entra ano, sai ano aparece uma promessa de reedição da perua/furgão/coisa linda.

Agora, ao que parece, os planos da Vokswagen têm data: ano que vem. Elétrica, comme il faut. OK, com isso não dá para brigar mais. Vai ser desse jeito aí? OK, está bonita.

Mas vamos logo com esse negócio. Já dobrei o Cabo da Boa Esperança, não dá para esperar muito.

novakombi

16 comentários

  1. Felipe Montoya disse:

    Aqui da pra encontrar boas fotos e infos sobre o carro conceito;

    https://www.netcarshow.com/volkswagen/2017-id_buzz_concept/

  2. Irapuam disse:

    Olá Flavio.
    Me chamo Irapuam de Paula Filho, moro em Joinville – SC e acompanho seu blog há algum tempo. Compartilhamos algun (bom) gosto por automóvel, Mais especificamente pelos nacionais.
    Lembro que você já passou por aqui com a sua Kombi e fez uma jornada até o Uruguai com ela. Deve ter sido incrível.
    Mas pra quem ainda não teve a oportunidade de ter a tão desejada Kombi, envio uma opção para quem gosta da ideia de acampar em uma delas. Uma opção provavelmente mais barata. Achei bem legal essa ideia, que parece não ser tão nova assim, mas deveria ser item obrigatório nos acampamentos mundo afora.
    Os acampamentos ficariam muito mais bonitos e charmosos, não acha?
    Grande abraço!
    https://www.youtube.com/watch?v=8YMSJ1gth5c

  3. Ewerton Calebe disse:

    Não bastando ser feia como o quê, é elétrica!

    DEIXEM OS FUSCAS E KOMBIS EM PAZ, VOLQUESVAGUEM!

  4. EduardoRS disse:

    Não tem mercado pra Kombi hoje em dia. Quem curte a clássica, pode comprar uma das “originais”.
    A visibilidade do motorista seria ruim, e ele tem que ficar bem deslocado para trás, para que o carro passe no crash-test.
    Para uso de carga, compensa muito mais comprar uma Ducato ou uma van chinesa qualquer. O custo-benefício é infinitamente superior. Se essa Kombi estivesse à venda, custaria mais do que uma Ducato e não faria 10% do serviço pesado. Seria um carro para família, como uma Scénic ou Zafira – e esse tipo de carro não vende mais, pois as famílias estão pequenas.

    Ou seja: é um exercício criativo legal, mas na vida real não vai acontecer.

  5. Celio ferreira disse:

    L-I-N-D-O-N-A… e tenho dito..

  6. Robertom disse:

    A VWAG já apresentou uma dúzia de propostas de “nova kombi” nos últimos anos, e todas não passaram de estudos de Design…
    Aposto que é apenas mais uma da lista, não vai entrar em produção…

  7. Luciano Santos disse:

    Pô mano! Aceita a tecnologia e afinal está linda!

  8. R. Lunardon disse:

    Terá a VW conhecimento técnico suficiente para fazer uma nova Kombi sem o auxílio do especialista Lucas di Grassi?

  9. Amaral disse:

    Ao primeiro olhar, é feia. Mas fica feia só durante os primeiros cinco segundos. Depois a gente acostuma, e vai de boa. E no futuro vai ser tudo à bateria, mesmo, bomba de gasolina vai virar peça de museu. É só aumentarem a autonomia das baterias e diminuirem o tempo de recarga, o que deve ser questão de tempo. É irreversível, é bom a gente se acostumar logo, vai doer menos.

  10. Hassan disse:

    Confesso que acabei de ver a noticia, e a primeira coisa que fiz foi vir aqui ver se vc ja tinha falado sobre ela hahaha…. Tambem achei lindo o desenho, mas estao falando em 369HP de potencia, e 0 a 100 em 5segundos… Eu gostaria de ver ela num estilo um pouco mais classico, desse jeito vai chegar aqui no BR (se chegar) custando uma fortuna!!!

  11. Chupez Alonso disse:

    Ficou a cara de um tênis infantil.

  12. Julius disse:

    Somos DOIS!!! Mas acho que vai ser legal ser um véíiiinho dirigindo uma dessas…\o/

  13. Flavio Bragatto disse:

    Gomes.
    Não faz sentido um projeto assim.
    A Kombi é basicamente um utilitário para transporte. Se fossem atualizá-la para uma serventia mais moderna, ela teria que ser algo como uma Sprinter, Ducato ou similares.
    O mercado não quer um furgão de teto baixo, com quebra vento e elétrica! Se fosse a furgão, seria um mico, pois custaria uma fábula e não teria capacidade de carga para um trabalho decente. E se fosse de passageiros, seus clientes seriam empresas de transporte executivo.
    E outra. Antigamente todas as familias tinham 3 ou 4 filhos. A kombi era muito útil naquele tempo. Hoje os casais tem cada vez menos filhos e o conceito de “familia” hoje em dia é outro.
    As Station Wagons e Minivans morreram no país, pq os SUV fizeram sucesso. A Kombi não volta a fabricar aqui nunca mais!

  14. Ricardo Bigliazzi disse:

    Elétrica? Vai custar os olhos da cara. Feirantes… podem perder as esperanças. Vai virar carro de bacana como o “New Fusca”.

    Kombi como conhecemos nunca mais!

  15. Luiz (o outro) disse:

    Pqp, bonita demais!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>