MENU

sexta-feira, 17 de janeiro de 2020 - 16:21Gira mondo

GIRA MONDO, GIRA

O autor é Rafael Corrêa

43 comentários

  1. Britto disse:

    Nem isso vai fazer os centros e centro-esquerdas se entenderem, para expulsar essa corja, democraticamente, daqui a 3 anos??

  2. Alex disse:

    Não sabemos se esse show de demência diário é feito para desviar o foco. O que existe de concreto é que, enquanto isso, o país está sendo incinerado: cultura, educação (escolas, universidades, pesquisa científica), desmonte do sistema de saúde, desmonte da receita federal, destruição da petrobrás, destruição da previdência…. NEM O NEOLIBERAL mais animalesco entraria nessa loucura de destruição sistemática do Estado, principalmente de um elemento fundamental como a receita. Isso não existe em vertente nenhuma de pensamento econômico. Os caras são suicidas, genocidas, perturbados. Não tem a mínima preocupação com as consequências diretas do que estão fazendo

  3. Raul disse:

    Isso não é nada demais…ele é só um admirador da Marlene Matos do Hitler…. Ainda veremos um admirador do Mengele no Min.da Saude…tempos sombrios…há que se resistir a isso.

  4. Gus disse:

    Ao menos esse tipo de boçalidade não passa mais batido; em outros tempos – talvez – isso não seria nem percebido (pré-internet, menos divulgação…etc)

  5. Luiz disse:

    Isso me lembra um episodio do HERMES E RENATO, em que ao invés de chamar a SUPER NANY para cuidar das crianças chamam a SUPER NAZI.

  6. Thiago Azevedo disse:

    Apesar de lamentável, foi ótimo o que aconteceu.
    Quem nunca recebeu um zap zap associando o socialismo/comunismo ao nazismo? E é a turma que está no poder que gera estas informações falsas.

    Esse Alvim, num ato artístico vacilão, simplesmente disse: Galerinha que votou no Papai Papudo (Bozo são os filhos), quem segue a linha do nazismo somos nós.

    Apesar da dispensa rápida do presidente, numa tentativa de se dissociar da imagem nazi, acho que deu pra deixar alguém (os menos acéfalos) com a pulga atrás da orelha. De repente começam a se questionar.

  7. Carlos disse:

    Gente, são apenas idiotas, ao cubo, quanto mais levamos a sério as idiotices que dizem apenas para chocar e afagar seus simpatizantes, mais fazemos o jogo deles. Estamos a alimentar a cobra. Trump foi eleito assim, mais uma dúzia de coisas ruins aconteceram assim neste mundo estranho de atualmente. Ainda temos instituições funcionando, temos leis, temos um congresso e um judiciário que limitam a ação dos debilóides. Nosso único problema é termos um governo (executivo) formado por idiotas incapazes, mas isso também não é nenhuma novidade, deveríamos estar acostumados… Vivemos consequências. Temos que relaxar porque vai passar, e rápido.

    • Edu Zeiro disse:

      Sem querer torcer contra, mas era algo assim que a oposição alemã pensava sobre Hitler (e sobre as demais instituições do país) logo após a ascensão do ditador ao poder. E não se esqueça de que ele foi eleito com o mesmo discurso de combate ao comunismo.

      • MARCELO JOSE DALBELLES disse:

        O pior é que Hitler nem foi eleito chefe de estado, deu golpe mesmo

      • Edu Zeiro disse:

        De estado, não; de governo, sim. O golpe veio no desmantelamento dos demais partidos até a proibição de todos, exceto o dele. E com a morte do Hindemburg aí sim Adolf se tornou o chefe supremo, de governo e de estado. Deu no que deu…

      • Carlos disse:

        Meu caro Edu, o que aconteceu na Alemanha a partir do começo dos anos 30 jamais aconteceria atualmente, assim como citado comunismo imperialista da URSS de Stalin. Até mesmo as nossas ditaduras de Vargas ou a de 64 seriam inviáveis hoje.

        Vivemos outros tempos, tempos de irrealidades, de mentiras e narrativas fajutas, imagens vazias. A realidade não permite mais arroubos pouco democráticos, pelo menos em países desenvolvidos, sérios, ou grandes e ricos como o Brasil. Sim, o Brasil é um país rico e importante demais para que permitam rupturas institucionais.

        Eu realmente não me preocupo, vai passar, e continuo a achar que ignorar estes “fogos de artifício” é a melhor solução para evitar mais 4 anos disso aí.

  8. André Perotoni disse:

    Não foi por falta de aviso

  9. Ignacio disse:

    Passei a vida toda ouvindo…”O fim está próximo..”
    Finalmente o fim chegou…

  10. Luis Marsala disse:

    Que tristeza ver o Brasil nestas condições.

  11. Inácio Neto disse:

    Perfeita análise deste (des)governo!!

  12. Valerio disse:

    Simples assim, perfeita a ilustração.

  13. Siloé disse:

    Sem delírios apologéticos, confesso que o tapa-na-pantera nas manhãs de sábado virou um costume pra mim. Só que hoje deu ruim. Provavelmente a mariguana foi batizada no ácido. Botaram cerol na linha. Comecei a rir do vento. Alucinei: https://www.youtube.com/watch?v=DLszsR8m2Wc

  14. Paulo F. disse:

    goosebumps!!!!!
    “Pé de pato mangalô três veis!”.

  15. Fernando disse:

    Há tantas semelhanças hoje no Brasil com a Alemanha da década de 30 e ascensão ao poder do Führer, que eu até agora não entendo o porque da camisa suja de sangue do bolsonaro devido “facada” não ter se tornado o amuleto do bolsonarismo. Vejam “Blutfahne” pra quem não conhece

  16. Kbça disse:

    Demitir um fascista de um governo fascista, por ser muito fascista é igual demitir um músico do Planet Hemp por ser muito maconheiro.
    Tempos sombrios.

  17. Zé Alonso disse:

    SE não tivessem ($tf e afin$) fechado os olhos quando um ser exaltou um torturador em pleno congresso, o país não precisaria passar por essa onda nazi fascista. SE o Brasil estivesse em plena sanidade, não bastaria demitir o imbecil que imitou goebbels, mas denunciá-lo por ”crime de divulgação do nazismo”. Fim do poço,

  18. claudio disse:

    Não tenho partido ou governante pra chamar de meu. Já votei muito no PT. Minha humilde opinião, perdemos a grande chance de eleger o Mario Covas contra Lula e Collor. Passou. Na ultima eleição anulei. Agora, esse Bolsonaro é de doer. PQP.. Nosso país tá virando nazismo com religião. E agora??

  19. lagerbeer disse:

    que bosta … não tem fundo do poço esse governo ?

  20. Jeferson Araújo Pereira disse:

    Vou citar um pensamento de Albert Einstein para definir o (des) governo Jair Bolsonaro:

    “Duas coisas são infinitas: o universo e a estupidez humana. Mas, em relação ao universo, ainda não tenho certeza absoluta.”

    O maior problema do (des) governo Bolsonaro: ainda faltam três anos para acabar!!! Tudo, literalmente, tudo de ruim pode acontecer em três anos.

  21. Thiago disse:

    Perfeito. Só não ve quem não quer e essa desgraça foi anunciada lá na época de comentarista de SuperPop.

  22. Marlo Gomes disse:

    Genial!!!
    Nada mais a acrescentar.

  23. Renan Raul disse:

    Saudades do Gira Mondo!

  24. Júlio Lima disse:

    Caro Flávio, você poderia retomar de vez essa seção, hein. Com sua opinião sobre os fatos mais relevantes desse pálido ponto azul.

  25. Walter disse:

    Muito triste e perigoso.
    Que buraco estamos!

  26. Valmir Lopes disse:

    Foi assim na Alemanha antes da tomada do poder. Muitos deles pensavam enquanto tomavam cerveja “inocentemente”. Há uma foto onde hitler, que não bebia, está no meio deles. Quem viu a foto na époça, provavelmente achava que não era nada.

  27. Tales Bonato disse:

    Stasi de um lado e KGB do outro. Estamos bem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *