MENU

sexta-feira, 23 de junho de 2017 - 19:35Motoland

MOTOLAND

RIO (só os doido) – Semana passada teve TT na Ilha de Man. E o Anderson Grzesiuk mandou esta foto de uma “Flying MZ” durante um treino em 1972, pilotada pelo húngaro László Szabó. Naquele ano, acreditem, o TT fazia parte do Mundial de Motovelocidade. A morte do italiano Gilberto Parlotti, no entanto, levou Giacomo Agostini a declarar que nunca mais correria ali, e o boicote foi seguido por muitos outros. Até que, em 1976, a prova deixou o calendário da FIM.

MZ é demais. É muito DDR.

mznott

4 comentários

  1. Paulo F. disse:

    Quando desertou para o lado Ocidental, o projetista Ernst Degner ganhou um emprego rapidinho na Suzuki, vendendo todos os pulos do gato da MZ!

    • Anderson disse:

      Na realidade ele desertou com o auxílio da Suzuki, levando todo o conhecimento desenvolvido por Walter Kaaden sobre a ciência do escapamento de um motor 2 tempos (câmaras de ressonância). Foi esta tecnologia que transformou as MZ nas mais rápidas motos de corrida naqueles anos. Não eram boas de ciclística, mas a tecnologia desenvolvida por Kaaden revolucionou o motor 2 tempos.

  2. disse:

    E este fim de semana, subindo Pikes Peak está o brazuca Rafael Paschoalin, que já foi no PaddockGP. O cara merece nossa torcida.

  3. Salve, Flávio. Lembrando desta corrida na Ilha de Man, acabei fazendo um pequeno texto sobre a corrida, com algumas seleções de vídeos para ver como o pessoal “voa” nessa prova. Espero que você e outros leitores por aqui possam achar interessante. Podem conferir aqui: http://pista-e-box.blogspot.com.br/2017/06/havoc-series-os-loucos-da-ilha-de-man.html.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>