ELITE ELÉTRICA | Blog do Flavio Gomes | F1, Automobilismo e Esporte em geral
MENU

terça-feira, 5 de fevereiro de 2019 - 20:02Automobilismo internacional

ELITE ELÉTRICA

RIO  (uau)Felipe Nasr assinou com a Dragon e já estreia na Fórmula E no México, dia 16. Vai substituir Maximilian Günther, egresso da F-2, que teve uma pequena treta com Felipe Massa em Santiago.

É o quarto brasileiro na categoria. Todos eles passaram pela Fórmula 1 — Nasr foi da Sauber, Lucas di Grassi correu na Virgin, Nelsinho Piquet na Renault e Massa, na Sauber, Ferrari e Williams. Um quinto, Bruno Senna — HRT, Lotus e Williams –, disputou as duas primeiras temporadas da categoria pela Mahindra, mas não deu continuidade.

É legítimo dizer que, hoje, a elite do automobilismo nacional corre de carros elétricos.

nasrnae

21 comentários

  1. Paulo F. disse:

    Augusto “Ninho” Farfus vai correr na Formula-E,?

  2. CRSJ disse:

    O ruim é que todos os brasileiros estão andando lá atrás na Fórmula E esse ano.

  3. Adriano disse:

    Corrida de carros elétricos é a pior coisa que existe em termos de automobilismo, A essência desse esporte é o barulho do motor. Chato demais.

  4. Brabham-5 disse:

    A verdadeira ELITE do automobilismo nacional já aposentou das pistas faz tempo: Emerson Fittipaldi. José Carlos Pacci, Nelson Piquet, Ayrton Senna, Raul Boesel, Ingo Hoffmann, Tony Kanaan, Helio Castroneves…
    O que temos hoje (e desde 1994 na F1) é só a XEPA.

  5. Brabham-5 disse:

    O grid vai ter metade só de pilotos brasileiros
    E mesmo assim vamos ver os gringos vencendo todas.
    Não dá para torcer para DisGrassi e Massa
    E o Nelsinho mal demais (é o Alonso da F-E, tamanho dedo podre para escolher equipe).
    Boa sorte ao Nasr.
    Mas expectativa zero.
    O nível dos nossos pilotos é equivalente aos nível de nossos jogadores (e técnicos) de futebol.
    Já estivemos no topo. E já perdemos a coroa de melhores faz tempo.
    E está longe de chegarmos ao topo de novo.
    “Elite” aqui, para o padrão Brasil.
    Lá fora, a barra que define a ELITE está bem mais alta.

  6. zora yonara disse:

    a “…elite…” do automobilismo nacional vai naufragar “..eletrocutada…” por achar que talento vem pelo DNA vide nelsinho piquet…. bruno senna…..cristian fittipaldi….
    Por falta de investimento e organização das categorias de base e intermediárias….essa pseudo elite do automobilismo nativo vive das glórias passadas e não percebe o quanto está distante, em todos os sentidos, daquilo que hoje pode ser chamado de ” a nata do automobilismo mundial….” em minha opinião pilotos como rubens barrichello e felipe massa encarnam com perfeição esse atual estado de decadência…… acho também que o excesso de badalação em cima da pessoa e imagem do senna contribuiu, em muito, para chegarmos no estado que estamos….. Enfim…..nosso automobilismo escafudeu-se !!!.

    • Glaucio Pessoa Branco disse:

      Nelsinho e o primeiro campeão da fórmula E.

      Lucas diGrassi também e campeão….

      • zora yonara disse:

        a questão não é ser ou não ser campeão de Formula E mas sim o que significa disputar a Formula E ! pra mim Formula E acabou se transformando numa “categoria consolo” pra pilotos que não deram certo na F1,…” alguns até chegaram na disputa direta de campeonatos mas ficaram pelo caminho ( rubinho como vice lider duas vezes e massa com o vice campeonato em 2008, mas como já foi dito em algum lugar”…..vice líder de qualquer campeonato é e sempre será O PRIMEIRO DO RESTO DOS PERDEDORES

  7. Paulo Travaglini disse:

    Se não inclui Barrichelo, não é a elite do automobilismo nacional.

    • Brabham-5 disse:

      A verdadeira ELITE do automobilismo nacional já aposentou das pistas faz tempo: Emerson Fittipaldi. José Carlos Pacci, Nelson Piquet, Ayrton Senna, Raul Boesel, Ingo Hoffmann, Tony Kanaan, Helio Castroneves…
      O que temos hoje (e desde 1994 na F1) é só a XEPA.

  8. Coyote disse:

    “É legítimo dizer que, hoje, a elite do automobilismo nacional corre de carros elétricos.”… É. Elite bem combalida.
    Carros elétricos são o futuro mesmo? Difícil saber. Mas eles estão mais avançados que as alternativas disponíveis com outros combustíveis e fontes de energia. Acredito que o que vai definir a questão é a geopolítica com seus lobbies e mandatários.
    Abs.

  9. Marcelo Arruda disse:

    Eu acho que a F-E não vai vingar a longo prazo, pois em relação a carros ecologicamente corretos, o futuro será os carros movidos a hidrogênio que de fato não poluem como a fabricacão e descarte das baterias eletricas, não tem o incoveniente do longo tempo de recarga

  10. Helton Garcia Fernandes disse:

    Cara, carro elétrico é legal, é o futuro, é ” ecológico” e a porra toda. Um dia todo mundo vai ter um carro elétrico chinês e vai achar legal.

    Já vi um Tesla model S acelerando forte e é incrível. Bota um monte de superesportivos no chinelo, mas essas corridas de fórmula E não me agradam em nada. Tanta regra sem sentido, tanto detalhe que acaba comprometendo a corrida. Os carros não são legais, os circuitos muito travados e tem um bando de piloto ruim no meio da elite. Acho chato pra caramba…

    Outro dia vc falou de uma categoria de GTs elétricos com a Tesla ou a Jaguar. Isso virou alguma coisa?? Vai dar pé??

    • zora yonara disse:

      concordo com vc, corrida de formula E é um porre…..não consigo imaginar pilotos como fangio, jim clark, gilles villeneuve correndo nessas geringonças elétricas……pra esses caras, pilotar esse tipo de carro seria tão “…elétrizante…” como pilotar carrinho de autorama…..”

  11. hermespires disse:

    Carros elétricos não são tão ecologicamente corretos como se pensa..
    Evidentemente, devem poluir menos que os carros a explosão..
    Mas carro sempre ira poluir e as baterias são muito poluentes
    Fora que a maioria da energia elétrica decorre de combustíveis fósseis

  12. Bruno Mantovanelli disse:

    “É legítimo dizer que, hoje, a elite do automobilismo nacional corre de carros elétricos.”
    Que decadência! Batemos no fundo do poço…

  13. Qual o futuro dos carros elétricos ? existe alguma chance de andarmos com eles por aí? Um celular já dá um trabalho danado, imagina um veículo de 1400 kg?

    • Amaral disse:

      Existe. Várias montadoras já trabalham com projetos ou modelos já em comercialização.
      Ainda não é o presente dos carros modernos. Mas é um futuro cada vez mais próximo. E que vai coexistir com a gasolina, etanol e diesel por muito tempo.

  14. Eldon Verner disse:

    Considerar que esta tropa brancaleone brazuca é a “elite” do automobilismo brasileiro nos últimos 15 ou 20 anos explica bem porque acabou nossa fase vencedora na F1. Triste ma vero.

    • Amaral disse:

      O fato de nenhum deles ter tido o êxito de Senna ou Piquet não desmerece essa geração.
      A verdade é que ficamos mal acostumados. Queremos que cada revelação que surge seja um novo Senna.
      E há vida fora da F-1. Vida longa e próspera.

  15. Thiago Lemos disse:

    A nossa elite está na Formula-E, Endurance e Stock Car

    E tem o Sérgio Sette Camara, de F2, que ainda é garoto, mas está aí pra tentar a F1 ou ser feliz em outras categorias

Deixe uma resposta para Thiago Lemos Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>