NA ESTOQUE

SÃO PAULO (alguém foi?) – Apesar do fundo musical que a Globo colocou na transmissão (por que eles não fazem isso no futebol também? É tão legal…), consegui ver a corrida toda hoje. E foi interessante, até, com a zona das paradas nos boxes, safety-car e pancadas a granel, como é o estilo da Estoque. Ganhou Marcos Gomes, mas o nome do dia foi, sem dúvida, Cacá Bueno. O cara largou em 20º e chegou em terceiro, isso depois de uma parada extra, antes do pit stop obrigatório, para trocar um pneu furado.

Largar em 20º e chegar em terceiro, com uma parada extra, é uma façanha numa categoria parelha como é a Estoque. O prêmio para Bueno-pimpolho (gostei dessa) foi a liderança do campeonato, embra ele ainda não tenha vencido neste ano.

Como sempre, peço aos blogueiros que estiveram em Interlagos que contem aqui como foi.

Subscribe
Notify of
guest
54 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
ivo zangirolami junior
ivo zangirolami junior
12 anos atrás

puts…falta muito sim…eu já corri aqui e fora do pais…acho a stock atual está melhorando sim…mas vai demorar…por favor “gomes”…faça uma devassa na vida desses cartolas e dirigentes recentes…muita falcatroa…é só ver meus documentos…já falei de mostrar provas..mas ninguém botou fé!!!
com relação a competitividade da stock e o barulho…acho que está muito longe do ideal…e o barulho meu Deus…que porcaria…a musica da globo…sem comentários……..e esse lance que ninguém que escreve nunca acelerou…bobagem…ja acelerei aqui e lá fora…acompanhei etapas na inglaterra , méxico , estados unidos , bélgica , alemanhã e etc…a stock está a 5 anos atrás….
e foi uma pena esse lance da action…o pessoal de lá é muito gente fina e não merecem esse tipo de acontecimento…alias , ninguém merece!!
fui

Marcos S.P. Cerqueira
Marcos S.P. Cerqueira
12 anos atrás

…ah, e este blog cada vez melhor!! Parabéns FG!!

Marcos S.P. Cerqueira
Marcos S.P. Cerqueira
12 anos atrás

Fui a Interlagos e depois vi a corrida gravada, sou daqueles mais antigos que ainda tem videocassete.
Morri de rir na transmissão, aliás, normal hoje em dia, o Leme já tem certa idade e talvez não tenha mais tanta lucidez, o narrador, bem… melhor rir mesmo, o cara não tem a menor idéia do que está falando (mas isto acontece nas outras emissoras também, o próprio FG sofre com aqueles companheiros no Limite, tem que consertar alguma coisa em quase todos o programas pois os caras provavelmente nunca viram uma corrida inteira na vida). Mas vejam o lado bom da coisa, temos automobilismo na tv nos finais de semana, isto é o que vale! Quanto mais corridas melhor!
Sobre a categoria, acho legal, especialmente a Light, provavelmente a V8 principal melhora no futuro com mais motor, uns 150 ou 200hp a mais devem resolver, percebe-se de longe que os carros são muito dóceis e fáceis, hoje sobra chassis e falta motor. Outro ponto a melhorar é a duração das provas, menos que 1h30min não é corrida de verdade, corrida curta com menos de uma hora de ação é para piloto amador que tem outra profissão durante a semana.
Tirando isto, o formato da competição é dos melhores: carros de corrida de verdade, não carros de rua adaptados para pista; uma quantidade aceitável de competidores andando; as bolhas tem um desenho bonito que chamam a atenção do público para os patrocínios; os tempos são próximos; etc. Acho que a tendência é ir melhorando aos poucos, o caminho é este.

FLÁVIO SILVA
FLÁVIO SILVA
12 anos atrás

Ainda sobre os defensores da teoria que categorias de fora são bem melhores que a nossa STOCK CAR é ruim.
Vamos imaginar que a WTCC fosse uma categoria brasileira, os comentários dos “entendidos” seriam assim:
-Só no Brasil mesmo pra misturar veículos movidos a gasolina com Diesel na mesma competição, é uma bagunça;
-Nos últimos 2 anos a Seat dominou, mas também só ela pode usar motores turbinados enquanto outras equipes tem que usar motores aspirados, só no Brasil mesmo;
-Ouvi falar que a Globo e o Presidente do Corinthians (ha,ha,ha,ha) tem contrato de patrocinio com a Seat…lógico, é por isso que os “carros espanhóis” são favorecidos e os outros não tem a menor chance, só no Brasil mesmo;
-Boa mesmo é aquela categoria em que os carros usam o mesmo motor e chassi, isso sim é automobilismo de verdade, afinal as chances são iguais pra todos.
E se a F1 fosse brasileira ia tomar “marreta” o dia inteiro também.
Vai entender esse povo…