MENU

terça-feira, 14 de julho de 2009 - 14:41F-1

NELSINHO CORRE NA HUNGRIA

SÃO PAULO (o mundo dá voltas) – Nelsinho Piquet acaba de anunciar (neste caso, o verbo cabe) em sua página no Twitter que corre na Hungria. E o fez mandando um recado (de novo bem-humorado) a Galvão Bueno, que “anunciou” sua saída ontem à noite na TV.

Valem algumas reflexões.

Não estou aqui, ao contrário do que muita gente vai imaginar, “comemorando” a “barriga” — jargão jornalístico para informações que acabam não se confirmando. Galvão tinha a informação ontem e deu, assim como nós, do Grande Prêmio, já havíamos informado sobre a cláusula de performance de Nelsinho meses atrás.

São duas as questões neste episódio. Primeiro, a performance de Nelsinho como piloto de F-1. Sua permanência na Hungria não faz com que eu mude uma vírgula sobre o que escrevi dois posts abaixo. Acho que uma substituição seria plenamente justificada, tecnicamente. Se o time vai lhe dar mais uma chance, ótimo para ele. Quem sabe dá uma virada e, com um carro igual ao de Alonso (que mostrou em Nürburgring ser melhorzinho, já que o espanhol fez a melhor volta da prova), consiga algo. Pode ser que o episódio todo do sai-não-sai também mexa com sua cabeça, se concentre mais, sei lá. Acho improvável, mas é a chance que ele tem, que agarre.

A outra questão é a jornalística. Reproduzo abaixo resposta que dei ao blogueiro Rafael Chinini sobre o post do início da madrugada de hoje, a história do “anúncio do Galvão”:

Realmente é difícil se fazer entender por aqui. Não esculachei notícia nenhuma, é notícia velha. A discussão é sobre o caráter oficial que as coisas ganham quando é a Globo (no caso, SporTV) que dá. Vira “anúncio”, como no caso da gravidez da esposa de Massa. Aí recebo dezenas de e-mails pedindo para comentar “o anúncio do Galvão”… A Globo, na sua linha ufano-nacionalista, não toca no assunto até que ele seja consumado, porque é contra a linha editorial da empresa fazer qualquer crítica aos atletas brasileiros em qualquer modalidade. Eles não erram, são suas equipes; eles não são lentos, são seus carros. A Globo criticou a preparação da seleção para a Copa de 2006? Não, tratou tudo como um show de estrelas, “suas” estrelas. Até o time ser eliminado de forma bisonha. Aí, quando acontece, parece que foi ela a única a ter a informação, e não é verdade. É só isso. Não estou preocupado com a paternidade da notícia. Isso é bobagem. Galvão, ontem, deu a notícia e emendou: “É cedo, não?”. Não, não é cedo. A honestidade jornalística exige que se diga: é justo. Porque o seu desempenho foi ruim etc e tal. Vocês estão achando que estou puto porque o Galvão deu um furo. Estou há muito tempo nisso aqui para não me preocupar com furos. No jornalismo de hoje, com tantos meios para se informar, há poucos furos.

Não sei se preciso dizer mais alguma coisa. A maioria entendeu meu comentário sobre o “anúncio” de ontem como um ataque pessoal ao Galvão Bueno. Não foi. A informação do Galvão, provavelmente, era boa. Tão boa quando a da cláusula de performance que a Globo sempre ignorou. De ontem para hoje, é provável que a demissão tenha sido revertida em conversas entre Nelson-pai e Briatore. Acho que o chefe foi convencido de que Nelsinho poderia argumentar em eventuais tribunais que sem equipamento igual, a cláusula perderia a validade. E voltou atrás numa decisão que já tinha tomado.

Não vou achar o jornalismo esportivo da Globo melhor ou pior porque a informação do Galvão não se confirmou. Considero-o ruim, independentemente do que aconteceu entre ontem e hoje. Porque é baseado numa linha com a qual não concordo, de levantar a bola de tudo e de todos ao sabor de seus interesses, porque é incapaz de dizer que um jogo é ruim, ou que um piloto brasileiro é fraco, ou que uma seleção está se preparando mal, ou que uma delegação olímpica é exagerada, ou que o Nuzman é uma droga de dirigente, é um pseudojornalismo que vende emoções baratas, e não informações caras. Não critica, faz oba-oba; afirma que o Brasil é uma potência olímpica, e não é; defende os Jogos no Rio e não discute sua necessidade; fechará os olhos para a roubalheira que vem por aí na Copa/2014, porque o evento é dela; estimula a promiscuidade nas relações entre jornalistas e fontes, são todos amiguinhos e o mundo é cor-de-rosa.

O mundo, infelizmente, não é cor-de-rosa.

470 comentários

  1. Chico disse:

    Continuando a comentar as provocações do Ramirez, qd ele diz “AUTOMOBILISMO É PRA QUEM REALMENTE GOSTA
    AUTOMOBILISMO É PRA HOMEM”.

    Ramirez, espero que a Bia Figueiredo e a Danica Patrick não escutem esse seu comentário super machista. Em relação a gostar ou não, vc aha que alguém se submete ao rigoroso esquema do automobilismo profissional sem gostar??? O Nelsinho não gosta de automobilismo?
    O que eu acho é que existe muto bla-bla-bla, como diria o Rubens, muito inveja de alguns que nunca conseguirão chegar ao automobilismo de alto nível, seja por grana ou seja por talento. Como disse o Neto, todos, sem exceção chegaram com grana. Caras que só possuem talento, como o nosso GIMENEZ não conseguem se firmar. Mas só a grana tbm não garante nada.

  2. Neto disse:

    Ramirez, qual o piloto que chegou a atual f1 sem ter excelente infra- estrutura e dinheiro? Cite um? A f1 é esporte de rico e só tem acesso a mesma que tem condições de bancar.

  3. Dr. Kensy Froid disse:

    O Galvão não deve se aposentar não, gente !!!!!! Quem sabe ele é bom transmitindo partidas de porrinha ! ou de badminton … Talvez se colocassem ele transmitindo partidas de sinuca de dentro da caçapa …. Com relação ao post de 15/07/2009 – 10:47 Enviado por Antonio Carlos Fernandes: sinceramente ? Achei melhor que Galvão e Flavio Gomes juntos ! Parabens e obrigado …

  4. Chico disse:

    Ramirez,
    Quem são esses pilotos que são tão melhores que o piquet a ponto de afirmar que ele é mediano??? Não vejo niguém no Brasil tão bom assim… Algum dos que estão na Stock por acaso? Burti? Pizzonia? caca? Algum kartista? Gimenez?

    Olha, se o Piquet não fosse bom, o Emerson Fittipaldi (que teve com ele na A1) não teria dito que ele achava que o Nelsinho iria levar o nosso automobilismo a um nível mais alto do que o Massa e o Barrichelo. O Emerson não entende nada de automobilismo então??? Para o Fittipaldi, Nelsinho se tratava de um grande piloto… Ou o Emerson é burro e não sabe o que ta falando… ou o cara realmente é bom.

  5. Ramirez disse:

    Agora que acabou essa farra de coments, deixarei o meu, espero que FG leia.

    É tudo parte de um show. A grande verdade é que a globo é uma mídia comprada pelo nelsão.

    Teoria maluca?

    Pergunta 1: Quantas vezes a globo já transmitiu ao vivo corrida da F3 SUL AMERICANA?
    R: Uma vez
    Pergunta 2: Nelsinho correu?
    R: Claro!
    Pergunta 3: E como ele foi?
    R: Um heroí! O carro dele teve problemas e ele largou da última posição, e chegou numa posição considerada BOA.
    Pergunta 4: E porque a Globo ficou com a camera boa parte do tempo filmando o último colacado, Nelsinho Piquet? Porque ela não deu enfasê as pessoas que estavam ganhando a corrida?
    R: Porque será?
    Pergunta 5: É coincidência o fato da Globo ficar por mais de 1 mês falando sobre Nelsinho Piquet “a grande promessa da formula 1 pro ano que vem” (sendo que demorou ainda uns 3 ou 4 anos pra entrar na F1)
    R: IMAGINA!!
    Pergunta 6: Porque a Globo simplesmente comprou o Nelsinho? Quem fora de Brasília sabia que esse cara existia antes da Globo compra-lo?
    R: ??

    GALERA, PARA!!!
    EU ACOMPANHEI DE PERTO ALGUMAS FALCATRUAS DA EQUIPE PIQUET
    FATO 1: ELE SÓ CHEGOU A FORMULA 1 GRAÇAS A EXCELENTE INFRA-ESTRUTURA DE SUA EQUIPE, SEMPRE ACIMA, SEMPRE, ASSIM AS COISAS SÃO MAIS FACÉIS, CERTO? NÃO IMPORTA A CATEGORIA, É 80% DO CAMINHO ANDADO

    FATO 2: OPINIÃO DE OUTROS PROFISSIONAIS DE PISTA QUE ESTIVERAM DO LADO DELE: ELE É UM PILOTO MEDIANO, BOM DIFICILMENTE SERÁ.

    FATO 3: A FORÇA QUE A EQUIPE TINHA NA CATEGORIA ERA ALGO INEXPLICAVEL, AO PONTO DA CATEGORIA TER QUE SE ADEQUAR AS REGRAS DO PIQUET E NÃO AO CONTRARIO, QUANTOS TREINOS SEM AUTORIZAÇÃO POR EXEMPLO? PORQUE O AUTODROMO NELSON PIQUET EM BRASÍLIA JÁ NÃO É MAIS ARRENDADO PELO NELSÃO? QUAL O INTERESSE QUE ELE TEM AGORA COM O AUTODROMO? ABSOLUTAMENTE NENHUM, JÁ TREINOU O FILHO E FEZ TUDO O QUE TINHA QUE FAZER!

    PASSOU DA HORA DO NELSINHO SER DEMITIDO.

    AUTOMOBILISMO É PRA QUEM REALMENTE GOSTA
    AUTOMOBILISMO É PRA HOMEM
    AUTOMOBILISMO É PRA QUEM REALMENTE SE INTERESSA E NÃO PRA TREINAR PREUCUPADO COM QUEM VAI TER QUE PEGAR NO AEROPORTO DAQUI A POUCO.

  6. Ricardo Gualda disse:

    Camarada Gomes. Acho que o Sr. é uma das pessoas mais invejosas que já vi. Inveja dos EUA, inveja da Globo, etc. Até concordo com vc sobre o “anúncio” desastrado do Galvão e da importância que o mesmo se confere. Mas, tenho certeza que se o Sr. recebesse uma proposta da Globo para cobrir F1, aceitava rapidinho….

    Abraço!

  7. Sérgio Botelho disse:

    Detesto o Galvão , mas desta vez tenho q defender.
    Ele ñ ia falar coisa q ñ tem certeza.
    Sem contar q , vamos ver agora c o carro igual se o tempo vem!!!
    Abç!!!

  8. Marco Doria disse:

    A sobrevida do Nelsinho na F1 obviamente tem a ver com a influência e truculência do bronco do pai dele.

    Está assim garantindo pelo menos mais uma oportunidade de ver o filme do moleque ardendo.

  9. Amanda disse:

    Deixa o galvão quieto…Ele é fofo…”Bem amigos da Rede Globo” é tudo de bom. Quem não fala uma besteira ou outra de vez em quando ?

    E o Nelsinho então ??? Pra que saber correr ? Ele é tão lindinho que nem precisa…

    Eu deixava ele pilotar minha máquina bem devagar. Pra que a pressa ?

  10. Italo De Marchi disse:

    Resumindo todo esse trololó: A GLOBO É A MAIOR PUTA DO BRASIL. Faz qualquer coisa por dinheiro, mente, manipula, destrói reputações sérias e incensa gente sem expressão e de caráter duvidoso. No futebol, por exemplo, depois que a Globo passou a “patrociná-lo”, não são pocas as suspeitas de trapaças de toda sorte. Ou alguém que tem miolos e não é idiota acredita na seriedade daquele Brasileirão que o Corinthians ganhou há poucos anos, após a exdrúxula anulação de jogos e algumas arbitragens mais suspeitas que aquelas dos jogos anulados, foram fatos casuais?

  11. Edivaldo Fernandes (Diadema) disse:

    CANALHAS . . . . .

    assino embaixo Flávio

  12. Luis Nunez disse:

    A maior prova deste pseudojornalismo é o fato da Rede Globo não transmitir para a praça São Paulo (diga-se de passagem uma das mais importantes da rede) os jogos da seminifinal e final da Libertadores da América, pelo simples fato de não haver um time paulista na final. Quem gosta de um bom futebol, quer ver jogos importantes como estes, mas se tiver o azar de morar em São Paulo, e não for assinante de TV a cabo, terá que se contentar em ver filme ou ouvir pelo rádio.

  13. Tom Ferreira disse:

    Moro nos EUA e sou amigo de alguns pilotos brasileiros. Aqui nao so as tvs defendem seus atletas como as equipes roubam para os americanos nas corridas. Unico motivo que fez Conor Daly campeao. Eu estava la, o mecanico falou que havia “muita pressao” quando todos foram reclamar que o carro dele estava muito rapido na reta. Ele corria com asa fora do regulamento e outras coisas. A formula 1 e um campeonato pra ingles ver principalmente. Melhor a roubalheira com copa do mundo no Brasil. Mesmo assim o pais vai ganhar. Ate porque as empresas que constroem os estadios sao empresas afiliadas a FIFA e que saem de outros paises para construir no Brasil, o que diminui a roubalheira. Ja fui inspetor do Tribunal de Contas no Brasil. Roubalheira tem em qualquer lugar, mas melhor com ela onde melhoram a infra-estrutura do pais do que se nao construissem nada.

  14. soneca disse:

    Boa colocação Flávio….

    mas, em relação ao último parágrafo, até concordo com relação ao Nuzman que vc diz ser um péssimo dirigente. Também concordo… Porém em relação ao tamanho da delegação olímpica eu tb pensava que só tinha tamanho e pouca qualidade…. Mas hoje penso diferente, porque além do automobilismo, gosto de espote de um modo geral, especialmente o ciclismo, e vejo que a única forma dos atletas que não são do futebol e volei, conseguirem algum patrocinio, (porque não tem espaço na tv aberta) acaba sendo a Olimpiada, mesmo que seu nome apareça por um ou dois dias, mas é um motivo grande, mesmo que não vá ganhar nada…

    meu ponto de vista…

    valeu….

  15. Leão disse:

    Muito interessante… Como de uma certa maneira o “inimigo” GLOBO inspira ou inspirou tantos comentários? Na realidade isso é um repúdio que todos estão dizendo ou ao menos querendo dizer – queremos um país melhor! Isso mesmo… Vamos continuar assim, mobilizando mudanças e atuando como pensantes e expressando o nosso descontentamento a tudo! Pois, o mundo é globalizado, mas precisa-se para qualquer desenvolvimento e crescimento um povo politizado! Flávio, em briga de cachorro grande você acordou mentes! Agora faça com que essas mesmos sejam operantes, continue assim… Ass.: Alguém que quer ver partícipes pensantes e atuantes! Somente assim mudaremos peças inoperantes no Brasil!

  16. chico disse:

    Poxa, “Antonio Carlos Fernandes”, vc disse tudo o que eu queria dizer. Parabéns!

    Não tem como comparar performances qdo um piloto anda de carroça e outro com um carro atualizado.

    A impressão que dá, desde que o Nelsinho entrou para a F1, é que este site quer dar a notícia de que ele foi demitido. Sou leitor assíduo do Grande Prêmio (fã do site) assisto aos comentários do FG na TV e nos vídeos que grava aqui, gosto da maioria das coisas que o Gomes diz, mas tenho essa impressão. Por alguma razão o Piquet não cai no gosto da imprensa em geral, não só neste site. Seria ainda um ranço por conta do pai?

    Não entendo por que falam que o Nelson só chegou à F1 porque correu por equipes próprias (do papai, como diriam). Não é mais difícil (muito mais difícil) administrar uma equipe própria no exterior, sem a mesma estrutura das outras já há muito estabelecidas na Inglaterra, como é o caso da maioria das equipes de F3 e de Gp2? Pois o Nelsinho foi o primeiro piloto a ganhar um campeonato com uma equipe estrangeira na Inglaterra. Isso não é pouco! Comparem o desempenho do Nelsinho com todos os demais que correram na Piquet Sports…. e vejam a diferença.

    Para mim fica claro que o Alonso se cercou de todas as formas e de mecanismos para impedir a concorrência dentro da Renault, ou a equipe não teria feito as coisas que faz com o brasileiro. Não se trata de teoria da conspiração, se trata de guerra mesmo… de salvar a própria pele, ou de “tirar o seu da reta” como se diria mais popularmente. Alonso não iria querer passar outro vexame como o que passou com o Hamilton.

    É uma pena que tenha acontecido isso com o Nelsinho. Na verdade eu torço muito para que ele saia da Renault e para que vá a um lugar onde tenha chances reais de lutar com igualdade de condições com seu companheiro de equipe. E se for mesmo verdade que já tem um lugar em outra equipe… ótimo.

  17. Antonio disse:

    Nelsinho na Ferrari já !

  18. Antonio de Oliveira Filho disse:

    Sem querer ser do contra, mas não consigo entender essa ira toda contra a Globo. Ela é ruim, mas não difere do resto. Dê poder e dinheiro a alguns bastiões do jornalismo esportivo e eles vão esquecer o que escreveram e disseram, partindo para a simples satisfação de interesses pessoais. A recente tentativa do Trajano de transmitir os jogos do ameriquinha, pra mim, é um exemplo disso. Se contar pra qualquer executivo do grupo Disney que a ESPN queria gastar dinheiro com isso…

  19. Pedro Migão disse:

    “4) Fico estarrecido quando vejo que alguém acredita que o Nelsão está pagando para o filho correr. Estas mesmas pessoas acham que o Barrichello recebe para correr na Brawn. Nelson Piquet não precisou gastar um centavo para Nelsinho correr na Hungria e vou falar o por que – a reunião em Enstone ontem foi realmente sobre a demissão do Nelsinho. Só que onde lê-se demissão leia-se substituição, ou seja, ele seria substituído pelo Romain Grosjean, entretanto, não deixaria de ser piloto da Renault, continuaria sob contrato, assim como o Lucas di Grassi. E foi aí que a coisa pegou. Nelson bateu firme que se ele fosse retirado do volante estava sendo “demitido” e, como tal, não tem mais contrato com a escuderia e isso Flávio Briatore não quer. Ele pretende simplesmente substituir Nelson, mas mante-lo como piloto contratado, ainda para a Fórmula 1 ou outras categorias e Piquet não quer isso, porque já tem – E MARQUEM BEM ISSO – já tem equipe para Nelsinho em 2.010 e Briatore sabe disso. E quer lucrar com isso. Mas não vai.
    Então, a situação é essa. Ou ele fica até o final da temporada e cumpre o contrato dele com a Renault ou sai agora e está liberado para assinar com quem quiser.
    Outra, a Renault Brasil e o presidente mundial da construtora, Carlos Goshn, não gostaram muito de saber que existem dois carros na equipe – uma Ferrari e um Force India. Fica ou a imagem de favoritismo ou a imagem de pobreza. Nenhum dos dois está caindo bem para a imagem da empresa no Brasil. Então, tiveram que responder esta questão também – o time não tem vontade ou não tem dinheiro para dar dois carros em iguais condições para seus pilotos?”

    Não tinha parado pra pensar nisso, o comentário do colega acima faz sentido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>