MENU

sexta-feira, 29 de abril de 2011 - 9:38Autódromos, Automobilismo brasileiro

DE RUA, NO RIO

SÃO PAULO (um real bom dia) – A prova da Indy no fim de semana em SP é, na verdade, sucessora de uma antiga tradição de corridas de rua no Brasil. Algumas são clássicas, como as de Piracicaba e Petrópolis, ou todas as do Sul, na Cavalhada, em Lages, em todos os cantos. E o Rio, evidentemente, teve das suas. A mais famosa delas na Gávea-São Conrado, o Trampolim do Diabo.

Mas e esse circuito aí, em Botafogo? Conheciam?

19 comentários

  1. eduardo disse:

    Flávio, boa noite.
    o RJ, recentemente, mais precisamente na última vez que o César Maia esteve a frente da prefeitura, chegou a propor ao Bernie Ecclestone uma prova de rua entre o aterro do flamengo e a enseada de botafogo. O então prefeito chegou a ir a europa, atrás de Bernie, onde em um encontro, apresentou um projeto para a pista. mas ficou nisso mesmo, visto que esbarrou em questões contratuais com SPtur e em dificuldades com a CBA.
    independente de qualquer coisa, imagina o cenário?

  2. Andre Decourt disse:

    highdownforce

    A construção do Viaduto Pedro Álvares Cabral modificou toda a geografia do local desde os anos 60, e possivelmente o traçado dos anos 50 está inviabilizado. A construçã od Aterro no outro lado também provocou grandes alterações na Park Way, que é o nome das pistas externas da orla de Botafogo.

  3. George McCrae disse:

    Flávio, valeu por lembrar da minha amada cidade Lages, das corridas de rua realizadas há mais de 40, 50 anos.

  4. Alexandre Grazziotin disse:

    Lages??? Como assim??? Moro em Lages e não sei de nada… Me avisem que vou pesquisar no museu…

    • George McCrae disse:

      Meu caro conterrâneo, eu não era nascido na época destas corridas na nossa terra e do Presidente Nereu Ramos, mas ouvia dizer que estas corridas eram realizadas na Avenida Dom Pedro II, Duque de Caxias e Luiz de Camões. Quem poderia dar mais informações são alguns integrantes da família Lüersen que participavam destas corridas.

  5. galileu disse:

    stanley, pena que dura pouco, esses caras e suas fantasticas maquinas,isso era corrida de automovel, hojw video game

  6. Allan Sá disse:

    É……… o que sobrou do autodromo do Rio, já está com os dias contados, o de Brasíla(pista seletiva ainda com alfalto intacto) e o de Goiânia nem estão aparecendo no “mapa” da CBA, triste, muito triste…

  7. Stanley Ragazzi disse:

    Como o automobilismo mudou. O charme e a poesia realmente acabaram.

    http://www.youtube.com/watch?v=psy7bc8xIEY&feature=fvst

  8. Ricardo Rossi disse:

    CAOS!!!

    Hoje a marginal está um caos graças a corrida da Indy….Com certeza, na época da Corrida de Botafogo, os transtornos eram bem menores!!!
    Nada contra a realização da corrida…mas parar a Marginal numa sexta-feira é brincadeira…

    Ricardo

  9. Wlater - Poa -RS disse:

    Assisti muitas corridas nos circuitos Cavalhada/Vila Nova, era muito legal mas perigoso.

    A gente dava a volta na pista toda pelo acostamento, claro que quando a corrida estava acontecendo, tipo coisa de rally

    Foram proibidas as corridas de rua quando em uma 12 horas um carro Volks saiu da pista e
    passou por cima de uma barraca e matou 3 espectadores.

    Nesta corrida correu o Emerson com volks 07 e, não tenho certeza, Corcel com o Bird

  10. disse:

    De Lages o Bird vai descrever essa. http://twitpic.com/4hri62
    Que o Luizinho ganhou. Foi preparativo para as Mil Milhas, da semana seguinte!!!
    São 5 minutos de vídeo recuperados pelo Maurício Neves.

  11. Marcelo Liberatori disse:

    Deve ser um daqueles circuitos de corrida dos Jogos “Mundiais” de Verão de certa emissora.

  12. Fabio Amparo disse:

    Seria sensacional ver carros acelerando pelas ruas do Brasil.

    Mas creio que deveriam ser categorias diferentes da Stock, para realmente promover categorias fórmula, por exemplo, trazendo o público mais para perto, literalmente.

    Espero não viajar muito neste sonho quase impossível.

    Abs

  13. Cleodemir Martins disse:

    seria possível hoje?

    • highdownforce disse:

      Com alguns ajustes, acredito seria sim.

      O ponto crítico seria a curva que passa em frente a entrada do Túnel do Pasmado (hoje ali é o local do Centro Empresarial Mourisco), além do que a Av. Pasteur é de pista elevada. Portanto acredito que a curva teria de ser feita um pouco antes, em um retorno (estreito) que existe ali (mas que também teria de atravessar duas pistas). O Viadudo Pedro Álvarez Cabral também seria um problema.

      A outra curva, próxima a Praça Nicarágua e ao redor da Praça da Marinha ainda existe de forma bem próxima a que era na época. Poderia até optar-se por ser feita como um airpin com pista um pouco mais larga se contornasse o pequeno cercado na Oswaldo Cruz no triângulo à frente da praça.

      Eu só acho que o sentido deveria ser invertido, desta forma seria possíver o Cristo atrás dos prédios quando os carros estivessem percorrendo a Avenida das Nações Unidas, além de ter o Pão de Açucar ao seu lado esquerdo.

      A largada hoje seria quase que embaixo do Viaduto Santiago Dantas.

      ___

      De qualquer forma eu traçaria um circuito ao redor do Morro da Viúva (a partir do canto inferior esquerdo da imagem do mapa ) pela Av. Infante Dom Henrique, com a vista plena e desobistruída do Pão de Açucar.

  14. Orlando Salomone disse:

    Inaugurou um novo tipo de circuito, o “oval estrelado”.

  15. Askjao disse:

    Eu não conhecia, mas morei muito tempo na Muniz Barreto. O rua velha!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *