MENU

quinta-feira, 10 de maio de 2012 - 18:15Dica do dia

DICA DO DIA

SÃO PAULO (demais da conta!) – Sabe onde catei esse vídeo? No Twitter do Nelsinho Piquet. E é realmente sensacional. Corrida em Daytona, da Nascar, em 1952. Detalhe: o oval tem metade de seu percurso na areia e metade no asfalto, na estradinha que passa ao largo da praia. Eu já tinha visto fotos dessas corridas de Daytona da década de 50, mas vídeo assim, colorido, nunca. E é espetacular. O que os caras fazem é coisa de maluco ao quadrado. Os acidentes são fantásticos, e os carros lembram muito as carreteiras que correram no Brasil nos anos 30, 40 e 50. Um vídeo imperdível, como se diz. Perca dez minutos.

42 comentários

  1. Richard disse:

    E aqueles dois tiozinhos sem noção na torre de madeira vendo o acidente no final do video? O carro passou tirando fininho da torre. Se fosse eu já tava pulando lá de cima…

  2. fernando carvalho disse:

    isto não era uma largada e sim um congestionamento….

  3. Rafael Vieira disse:

    Caras do Céu, é de emocionar ver uma corrida dessas, muito legal mesmo, NOTA 10.

  4. Carl disse:

    Tudo era tão simples… Quando foi que estragamos o mundo???

  5. gera disse:

    Insano! tem carreteira com frente de trator, e nos boxes a ferramenta é a marreta.

  6. Fernando disse:

    Ganhe 10 minutos!!! ;)

  7. Emerson Dias disse:

    Será que os “engenheiros” de hoje conseguiriam fazer um pneu bom para areia e bom para o asfalto ao mesmo tempo?

  8. Daniel Magnani disse:

    Não mudou nada.
    Usam ferramenta de precisão (marreta) para arrumar os carros no pit até hoje.

  9. Cleiton disse:

    Repair Job aos 6:28 com um machado… é o máximo! ahahhaha

  10. Iuri Jacob disse:

    Muito muito muito legal. “Who needs a hood anyway!” ahahahaha… sensacional…

  11. Danilo Cândido disse:

    E ainda há gente que considera oval com muro muito perigoso…

  12. Rafael Friedrich disse:

    Que maravilha o mundo onde não havia bigbrother. Corrida com tantos carros, achei demais.Estou ansioso para perder mais dez minutos.
    Sou mais um daqueles que não postam muito.
    Parabéns pela sua família, o blog, o # 69, as críticas e elogios sobre os mais variados assuntos. Por isso nunca perco a esperança: Um dia nós vamos ser maioria.

  13. Bira Martins disse:

    Vai pegando arquivos do Nelsinho vai. Depois o parente do Enzo fica histérico e já viu né?

    Brincadeira a parte, excelente vídeo!

  14. Rodrigo Lombardi disse:

    1- Sensacional, nem usavam cinto de segurança ainda. Nunca mais vai ter isso, e se tiver, a gente vai meter o pau pela falta de segurança.

    2 – Ford rules.

  15. Hã? disse:

    Desculpem a ignorância, mas já existia helicóptero em 1952? Fiquei besta ao ver a tomada aérea do vídeo…

  16. Fabricyo disse:

    É FG “tá” você fuçando nas coisas do “patrão” sem autorização… hauhauhauhau

  17. Enko disse:

    é por isso que eu gosto deste esporte, ver cenas como estas são coisas de arrepiar,
    imagino como não devia ser as carreteiras do pessoal do sul.
    defino para esses pilotos outro termo em amadores,. eles era amatores, eles amavam a velocidade e o que faziam.

  18. Denis disse:

    Incrível. Quem é fã da Nascar com certeza já viu essas belas imagens. Na Nascar de hoje, ainda podem ser vistas estas imagens, como vários carros envolvidos num acidente (o chamado big one), marteladas para consertar a lateria, carros correndo sem capo ou todo remendado com silver tape e claro, pilotos saindo ilesos de incríveis acidentes e capotagens… É só assistir algumas corridas pra comprovar. Apesar de toda a tecnologia no automobilismo de hoje (inclusive na própria Nascar), eles conseguiram manter as “raizes”.
    Muito show.

  19. Luis Antonio disse:

    “… Você viu a MARGY é o 69 ? …”

  20. Jefferson disse:

    o acidente do 55 no finalzinho é de espantar. E o cara saiu sozinho, andando.

  21. Luiz Carlos disse:

    Show demais!! Coragem do cão desses doidos!!!

  22. luiz carlos fortes braga disse:

    hoje conseguimos colocar no ar no site http://www.avajf.com.br aqui de juiz de fora fotos das corridas de 1954,não são aquelas imagens ,afinal foram editadas de um filme de época,mas dá para divertir.

  23. Cesar disse:

    Boa noite Flávio, antes de tudo ótimo video. Mas o que eu peço é que vc entre no meu blog (ele é novo) para dar umas dicas, claro se for possível e desculpe usar este espaço, mas não localizei um contato direto, mas vamos lá, como considero você um dos melhores blogueiros no assunto carros e automobilismo sei que poderei ter dicas importantes, os textos ainda são pequenos, mas com o tempo quero ir aprofundando mais os mesmos.
    Também digo que plagiei sua coluna cars & girls, acho muito legal esta mistura.
    Agradeço sua atenção.

    Cesar.

  24. disse:

    Ah, o Enduro das Praias em Bertioga. Ou no final dos anos 70, os rachas Itanhaem Peruibe largando do começo de Cibratel.

  25. Eric Solver disse:

    A Largada tinha mais de 100 carros !!!! que loucura. Comecei a contar os carros na curva da primeira volta parei em torno de 60 carros e ainda tinha um monte vindo ….

  26. Rene Santos disse:

    Realmente impressionante. Legal o narrador falando do trabalho do “boxes”, na base do machado – “é assim que o trabalho é feito!”, o boné do mecânico todo sujo também foi demais.

    Aquela curva saido do asfalto entrando na areia inclinado era a melhor.

  27. Luciana disse:

    Esse video tem toda pinta de ter sido filmado pra passar nos cinemas antes dos filmes.Não sei se alguém já comentou,mas essa corrida que aparece no video é a equivalente da Nationwide Series na época,a Sportsman Series.Tanto que mencionam que a corrida tem 100 milhas,e não 500.
    A divisão principal onde corria o Hudson Hornet se chamava Grand National Series

    • Luiz Morais disse:

      Luciana, se era feito para exibir antes de filmes no cinema eu não sei, mas que essas imagens são totalente editadas, disso não restam dúvidas. Nos momentos dos acidentes até aparecem cenas das moças fazendo cara de espanto antes do acidente acontecer!

  28. rodrigo mota disse:

    Eu estive no local onde tudo começou.

    na verdade o antigo oval de Daytona era dividido, parte dele era em Daytona e parte dele era em Ormond Beach (cidade vizinha), a “estradinha” é justamente a que liga as duas cidades. tanto é que tanto em Daytona como em Ormond existem memoriais sobre o assunto. em Ormond Beach você pode ver na praia várias placas sobre o assunto…

  29. foca cruz disse:

    Incrível, tem até um 69 mas está podríssimo, caindo os pedaços! hahaha. Demais esse vídeo.

  30. Mauricio disse:

    Dez minutos de pura diversão.
    Valeu mesmo.
    Apesar de década de 50 do século passado, como disse alguém ai abaixo, transmissão melhor que a da TV brasileira de hoje.

  31. Rodrigo Ribeiro de souza disse:

    O automobilismo não resume-se à Formula 1. Existe vida além da F-1, categoria esta que tem perdido audiência ano após ano!

  32. Zé Melo disse:

    Mãe do céu !!! 1952 !!!
    E já faziam uma cobertura melhor que a da Band hj em dia … tsc tsc tsc

  33. claudio aun disse:

    Quando era garoto há mais ou menos 50 anos passavam alguns videos destas provas numa televisão sem muita programação.Não esqueço uma imagem de uma rodada de um formula que o pneu pegava fogo no meio da rodada

  34. Barreto disse:

    Deve ter sido numa dessas pistas que o Fabuloso Hudson Hornet do desenho carros aprendeu a correr.

  35. Mauri Floriani disse:

    FG, FG… Olha lá o que o Waltinho Ferrari Jr. vai dizer sobre você ficar pegando vídeos pelo tuíter do chefinho dele! Hahahaha…

    Hoje nossa Portuguesa surpreenderá em pleno Pituaçú!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>