MENU

terça-feira, 24 de julho de 2012 - 18:23Turismo

A MAIOR DAS HISTÓRIAS

SÃO PAULO (inacreditável) – Gunther Holtorf tem 74 anos. Em 1989, ele e sua mulher, Christine, saíram da Alemanha para uma viagem de 18 meses pela África num jipão Mercedes G-Wagen fabricado no ano anterior.

A viagem nunca terminou. Gunther está há 23 anos na estrada. Já passou por 200 países, incluindo Cuba, Coreia do Norte e Iraque. Christine morreu em 2010. Mas pediu a Gunther que ele continuasse. O Mercedes, que se chama Otto, já passou dos 800 mil km rodados.

Gunther não tem Twitter, Facebook, blog, site ou patrocinadores. É uma viagem per se. Não tem sequer uma câmera digital. Usa duas velhas e maravilhosas Leicas com filmes. No ano que vem ele pretende terminar a jornada. O carro será entregue ao museu da Mercedes.

O blogueiro Rodrigo Mora me mandou essa história. Há mais detalhes aqui. Mesmo não querendo, Gunther já está no Google. Hoje, basta existir para estar no Google.

No fim desse vídeo aí embaixo, na verdade uma colagem de fotos, Gunther diz que se tivesse tempo para fazer tudo de novo, só faria com o mesmo carro. “Otto é a principal parte dessa jornada.”

Estou besta.

Logo depois de postar essa incrível história de Gunther, Christine e Otto, fiquei sabendo graças ao casal Ana e Rodrigo, dos “1.000 Dias”, que um outro casal está há mais tempo ainda na estrada. São os suíços Emil e Liliana Schmid, que partiram em 1984 para uma jornada sem fim num Toyota Land Cruiser 1982. Sua viagem está no Guinness, mas passou por menos países (168). O que não quer dizer nada. Está detalhadíssima aqui.

O mundo é cheio de gente especial.

26 comentários

  1. adonis disse:

    Viu? Ainda tem salvação esse mundo!!

  2. Ricardo Machado disse:

    Tem outro casal viajando faz um tempo, eles vao de moto, com sidecar.

    o site deles eh http://www.bugsonmyface.com

    as fotos sao muito boas

  3. Rodrigo disse:

    uma perguntinha básica, de onde ele tira dinheiro? pois comida e gasolina não caem do céu.

  4. Lucas Martin disse:

    Bacana, mas sem patrocínio… hay que tener mijones!

  5. Paulo disse:

    Alguém já fez isso de sair pelo mundo de Kombi?

  6. Harry - BSB disse:

    Sabe o que é mais bacana, ele passou por lugares considerados perigosos e como disse “sobreviveu”.
    Ah se minha mulher fosse mais corajosa!!! Eu venderia tudo, compraria um Defender 110 e té mais…Ia fazer a revisão dos 100 mil km na inglaterra…

  7. Lucas Carioli disse:

    Tem gente que sabe viver, de verdade.

  8. Maurício disse:

    Vai arriscar fazer o mesmo num Niva? Que aguenta… aguenta. Mas o conforto certamente não é o mesmo.

  9. Léo Engelmann disse:

    FG, não tem nada a ver com o tema, mas há um pequeno documentário aqui da empresa que, mais tarde, foi a Varig.

    https://www.youtube.com/watch?v=vnrgKjjf6pc

  10. Zeno disse:

    o Senhorzinho tem cara de super simpático, deve conseguir tudo na lábia e claro merece; a historia tem um ar de triste pois “perdeu” sua amada e companheira no meio do caminho…

  11. Victor disse:

    Só para ser chato: o Mercedes é “o principal parceiro”, não “principal parte”…

  12. Gilberto disse:

    Mercedes é Mercedes…

  13. Focastro disse:

    Por acaso viram em 1:43 a distância para São Paulo?
    Era meu sonho, ganhar uma boa grana e meter o pé.

  14. Rafael Martins disse:

    Fiquei emocionado demais com essa história.
    Por isso que eu gosto tanto desse Blog. Histórias belíssimas, fatos desconcertantes, crônicas da vida urbana, filosofia do cotidiano….Valeu demais!

  15. Tulyo Cruz disse:

    Cheguei tarde. O vídeo foi removido pelo usuário!

  16. CB disse:

    O vídeo foi removido do youtube, vídeo original neste link: http://www.bbc.co.uk/news/magazine-18910560

  17. Fernando Rodrigues disse:

    Acabei de ver essa história no Facebook do Top Gear. Incrível! Pensei, já já o Flávio estará postando isso, batata!

  18. Kleber disse:

    Uma palavra apenas!!!

    Sensacional!!!!!!!

    Quanta história pra contar tem este senhor, sua esposa e seu fiel escudeiro Mercedes Benz!!!

  19. Mauricio disse:

    Ainda bem que é assim FG

    Graças a Deus! Graças!

    E ainda será por muito tempo.

    Gente especial é uma benção.

  20. Ildácio Guimarães disse:

    esse cara é fo** ,eu tenho um fusca 64 que ate hj eu ando com ele nunca troquei foi o carro do Meu avô comecei a dirigir em 2002, meu apelido era fuscão, pq quando eu entrava na sala de aula com cheiro de gasolina todo mundo falava, haha.

  21. Felipe Lima disse:

    sera q ele foi taxado quando passou por aqui soh pq a placa dele nao eh de SP? o_O

  22. Rafael Balneário disse:

    Lindíssima história!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Aqui na praia brava divisa de Itajaí e Balneário Camboriú vi um casal com um 2Cv branco, vieram da Patagônia e vão nas próximas semanas para o Equador.

    Meu tio já foi aqui de SC até o Nordeste com um Voyage 1989 mas isso foi em 1992. Não tirei da minha cabeça ainda de um dia ficar pelo menos uns 20 dias nas estradas.

    Parabéns para quem pensa dessa forma como eu e um super, mega parabéns para quem faz isso!!!!!!!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>