MENU

Friday, 28 de September de 2012 - 6:51F-1

O INGLÊS ALEMÃO

SÃO PAULO (bye, Schumi) – E Lewis Hamilton, como igualmente noticiamos ontem à noite, fechou por três anos com a Mercedes. Michael Schumacher se despede da F-1 em Interlagos, pela segunda vez. Isso se não resolver correr na Sauber, sabe-se lá… Não, claro que não.

Hamilton vai levar uma boa grana, 200 milhões de reais pelo período de duração do contrato. “Um novo desafio”, falou o inglês.

Eu jamais imaginaria que Lewis pudesse deixar a casa onde começou. Na minha cabeça, e na de muita gente, seria piloto eterno da McLaren.

Foi uma grande surpresa. E uma mexida e tanto no mercado. O que Hamilton será capaz de fazer na Mercedes, não sei. É preciso, antes de mais nada, que Ross Brawn acerte a mão num carro, como fez em 2009. Schumacher, nos seus três anos pós-retorno, não fez muito, assim como Rosberguinho. Uma única vitória, de Nico neste ano, é pouco para o tanto que a Mercedes investe e para aquilo que se esperava de uma “nova grande”.

Hamilton, até hoje, só teve filé na F-1. Vai pegar uma alcatra. Vamos ver se consegue prepará-la direitinho.

168 comentários

  1. Cléber Fabbri says:

    Imagina se o Rosberguinho começar a dar pau no Hamilton?

  2. David says:

    No começo do ano, o Alonso disse no começo do ano que o Hamilton seria o cara que ele estaria de olho, pois mesmo sem o melhor carro é um cara que sabe tirar tudo do carro, acho que ano que vem veremos isso, concorda Flavio Gomes?

  3. Paulo Pinto says:

    Martin Whitmarsh: “Hamilton cometeu um erro, deixando-nos.”

    Alonso, Vettel, Raikkonen e principalmente Pérez, pensam diferente.

  4. Roberto says:

    Eu acho que o Hamilton não fez boa troca, porque até agora a Mercedes não mostrou o que veio fazer na F1, mas eu espero que esteja enganado, porque o Hamilton é um grande piloto!

  5. É ele aceitou o desafio, e agora só resta saber se ele vai conquistar o mundo ou se ele vai xingar o mundo. Como o Lewis Hamilton é um Cabeça de Chave casca grossa, acaba sobrando para Mercedes a responsabilidade de fazer um carro vencedor. Agora eu acho que o Nico Rosberg deve se transformar em um segundo piloto, apesar de ser alemão. Só vendo para crer !

  6. Paulo Pinto says:

    Nenhum dos dois trocou seis por meia-dúzia.
    Perez trocou 3 por 6.
    Hamilton trocou 6 por 3.

    • Carlos says:

      É por aí mesmo. Agora é que a criatura do Dr Franksdennis vai ter que provar a que veio.
      (Dr Franksdennis = Dr Frankeisntein + Ron Dennis, adaptado para “Franksdennis” em homenagem ao homem que teria afirmado que o piloto “é só um detalhe”.)

  7. ms says:

    é por este tipo de atitude que pra mim fica cada vez mais claro que o maior problema de hamilton não é a equipe, nem o carro, nem a namorada, nem….etc,etc,…o maior problema, (eu diria até “o maior adversário” ) de hamilton é seu próprio descontrole emocional…..

  8. jujubinha says:

    “Hamilton, até hoje, só teve filé na F-1. Vai pegar uma alcatra. Vamos ver se consegue prepará-la direitinho” KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK MORTA!

  9. Paulo Pinto says:

    Ainda tem coelhos nessa cartola.

  10. George McCrae says:

    Cara, imaginei também que o Hamilton faria a carreira toda na McLaren pela a identificação que tem pela equipe. Mas legal a chegada do Pérez na McLaren. A volta de um piloto latino após 7, sendo o último o Montoya.

  11. JULIO says:

    É Flávio, também estou surpreso mas acho que Hamiltom vai se dar bem na Mercedes, vai ter que ser mais agressivo, e vamos ter ótimas corridas com ele tentando mostrar serviço.

  12. Paulo Henrique says:

    O pior é o cara trair kem o criou, lançou, fez dele um campeão; apenas por grana, pq carro de verdade ele só ia ter na Mclaren ou algum carro de Adrian Newey…

  13. Edmilson says:

    Queria saber de vc, Na verdade o Schumacher foi dispensado pelo time da Mercedes e o Hamilton Dispensou a McLaren? Dois opostos, Schumacher saindo pela porta dos fundos. O Hamilton se dá ao luxo de esnobar a McLaren, coisa que qualquer piloto daria a vida pra sentar no cokpit prateado e vermelho. Hamilton escreve mais uma página na F1.

  14. Maurício MV. says:

    Aposto que a Mercedes vai p/ cabeças agora.

  15. Luiz G says:

    Acho que tá todo mundo maluco! (…Se bem que a F1 tá de pernas pro ar, então, vale tudo.)

    -Hamilton foi pra mercedes e só! Ofereceram uma bolada e o cara aceitou. Normal.

    -A McLaren precisa de mais alguém, pois não pode ficar com um carro só. Logo, chamou o melhor custo-benefício da categoria. Um cara jovem, com algum talento e muita grana. Super-normal.

    -Schumacher não vai pra Ferrari, pois se a Ferrari o quisesse, teria chamado-o de volta 3 anos atrás pra ficar ao lado de Alonso depois que Felipe rachou a testa.
    A Ferrari hoje não tem mais Jean Todt, nem Ross Brawn, logo, Schumacher vai fazer o quê lá?
    Ele só foi pra Mercedes porque “confia” no Ross Brawn….o papo de gratidão era pra “fazer bonito”.
    Se ele não se aposentar agora, vou acreditar que ele não suporta a esposa e aceita qualquer coisa pra não ficar em casa…!!

    -Senna ou Massa na Sauber seria o fim da picada. Não posso acreditar que os dois se rebaixem tanto. Ou Massa fica na Ferrari, ou vai pra Stock Car.

    -Ou Senna fica na Williams ou vai pra Nascar Camping Truck com Nelsinho Piquet.
    Fazer o quê na Sauber aos 30 anos de idade??…

    Bobagens á parte, creio que mais nada muda na F1 e a Sauber fica com um piloto que leve uma grana forte. Ou Bruno Senna ganha uma corrida ainda nessa temporada pra se garantir na Williams (se vira!!)….Ou…Camping Truck!

  16. Edmilson says:

    O Hamilton tem tudo pra se dar bem na Mercedes. A Mercedes cansou de tantas barberagens do Schumacher, Acredito até que a gota d’agua foi Cingapura. Outra coisa: Acredito que Ross Brawn estava sem parâmetros para avaliar o carro pela inconstância dos seus pilotos, não sabia se era o carro ou os pilotos, com Hamilton ele saberá exatamente. Simples assim.

  17. Patrick says:

    Ilustre FG
    Antes de mais minhas saudações
    Estas mudanças, pelo menos a do Lewis não é surpresa para mim, alias já tinha escrito aqui no seu espaço, era evidente o desgaste entre ele o Whitmarsh, o Lewis fez o que achou certo para a carreira dele, e a Mclaren também pensou em si, então não vejo problemas nisso. Acredito que um piloto, não deva ter sempre o melhor equipamento, porque assim fica difícil de saber o seu real valor, vejo muita gente criticando o Hamilton pela sua decisão de sair, o que não deixa de ser irônico, pois é constantemente apelidado de ser uma cria da Mac e que nunca teria coragem de largar o “osso” pois ele o fez, acredita no seu talento, ou seja acha que tem condições para “vingar” na Mercedes, é realmente disso que a F1 precisa pilotos confiantes no seu talento e disposto assumirem desafios, de que adiante ficar no time e não se sentir feliz, e mais importante não ter a confiança no chefe? É muito cedo para proferir discurso em relação ao ano que vem, sendo este ainda nem findou… Os três últimos anos não foram fáceis, nem para o Hamilton nem para a Mclaren, houve falhas e excessos de ambos os lados, o Whitmarsh vai ter a casa como quer e Lewis vai fazer a sua vida, a unica questão é a seguinte, capacidades técnica, a Mclaren é a melhor que a Mercedes, mas o braço ai a Mercedes vai levar vantagem, por nos segundos e detalhes o Hamilton vai fazer a diferença, mas até então tupo é pura demagogia disso e daquilo, fico feliz pelo o Perez, porque vai aprender a lidar com a pressão de estar numa equipa de ponta, apenas tem que lembrar de algo que o Senna dizia, 1º o meu primeiro adversário é o meu team mate, então ele sabe que a prior a Mclaren vai concentrar tudo no Button, porque ele agora é o chefe, então nada de ideias de quer de frente, até porque acho que não vai ser essa a postura do Perez, ele tem talento e rapidez, baste que confie no seu próprio potencial, sobre o Button, é certo que tem um título mundial, mas o seu legado na F1, vai ser ressumido ao que ele fizer no próximo ano, se for capaz de liderar a equipa, maravilha, mas se falhar… Acredito que Ross Brawn sabe muito bem o que faz, e não deve ser julgado, por um temporário falta de resultado, seu registro é sua cartão de visita, e ela esta recheada de sucesso, acho que vai ser um casamento útil entre ele e Hamilton! Mas como disse, ainda é muito cedo para previsões sobre o futuro! Se o ilustre me permite, o Bruno Senna, está a ser injustamente julgado, para quem tem tão pouco tempo de F1, a Willians não é tão inocente nas criticas que o o piloto brasileiro recebe, os críticos de plantão já contabilizarão o manancial de erros da equipe nas corridas? Apenas vêm os números da qualificação porque assim convêm, o Pastor leva quanto tempo na equipe? Quando estavam na GP quem era mais rápido?

    P.S – Ilustre perdão pelo o testamento!

  18. Luiz G says:

    Se a Ferrari quisesse Schumacher, por que não o chamou em 2010 ao invés de chamar Alonso?…Isso não faz sentido.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *