DOMINGO (3)

SÃO PAULO (mais 20) – Eu teria muito a dizer dos meninos e meninas da Warm Up. Todos. Daqueles que foram sábado à nossa comemoração (não sei quem pagou a conta), e daqueles que por alguma razão não puderam aparecer. Fiquei feliz demais com a vinda do Chico lá de Novo Hamburgo, da Paulinha, de BH, e do Paranhos, de Salvador. E de todos que são aqui de SP, ou das redondezas.

Mas acho que já falei tudo que podia quando escrevi sobre os 20 anos da agência, e acho também que, mesmo rapidamente, disse a eles o que queria dizer. E o Victor Martins disse muito mais, no seu blog.

Faltam muitos, na foto. Estavam do lado de fora do boteco, bebendo, fumando, conversando, ou comendo bolo. Foi uma noite inesquecível. Só tenho a agradecer a essa molecada. Jornalistas de primeiro time, que me ensinam o tempo todo a lidar com este ofício com alegria, perseverança, seriedade e competência.

Acho que já disse isso um dia — e se disse, repito: se há um legado da Warm Up, é o de jogar essa turma no mundo.

wup20

Comentários