E ACABOU MESMO…

SÃO PAULO (falta só o papel) – Para que não passe batido, Didi Mateschitz confirmou hoje, ainda que informalmente, que a parceria entre a Red Bull e a Renault terminou. Falou abertamente sobre o período que se avizinha, com a Ferrari (sem muito ânimo, inclusive), e, ao tratar o fornecimento dos motores italianos como algo temporário, colocou ainda mais lenha na fogueira da Volkswagen.

Subscribe
Notify of
guest
6 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos José
Marcos José
6 anos atrás

A marca favorita é a Audi mas não ficarei surpreso se o Grupo VW escolher a Bugatti!!

Eduardo_SC
Eduardo_SC
6 anos atrás

Bem que a VW poderia trazer de novo o nome Porsche à F1. Coisa linda ver o nome TAG-PORSCHE escrito de novo em um fórmula.

Tuta Santos
Tuta Santos
6 anos atrás

Um passarildo me contou que a vermelhez errebeérrica quer se juntar ao escarlate mais famoso da terceira pedra a contar do sol.

Glauco
Glauco
6 anos atrás

Se a VW comprar mesmo a RedBull, ela (a VW) ainda vai ter que decidir que marca vai operar na F-1, VW, Audi, Porsche, Lamborghini, Bugatti, Seat, Bentley ou Skoda.

Como será o dilema para escolher seu próximo motor: AP, Boxer, V12, W16. Ou vai ficar no o VR6 mesmo ?

Vamos esperar o resultado, pelo menos, existem opções.

Betocam
Betocam
Reply to  Glauco
6 anos atrás

Do jeito que estes motores da F1 estão sem graça, acho que vão colocar mesmo é um motor electrolux 1600 watts.

Betocam
Betocam
Reply to  Glauco
6 anos atrás

Do jeito que esses motores da F1 estão sem graça, acho que vão colocar mesmo é um motor electrolux 1600 watts.