MENU

Saturday, 29 de December de 2018 - 11:25Gomes, Grande Prêmio

“GP ÀS 10”: KEEP FIGHTING

Mais sobre os cinco anos do acidente de Schumacher aqui.

30 comentários

  1. Paulo Pinto says:

    É um triste aniversário e ao mesmo tempo, uma vitória da vida que busca forças para continuar na pista.

  2. Wagner says:

    Recentemente vi um comentário que seria da Sabine, dizendo que alguns dias depois de encerrado o contrato com a Mercedes ela ligou para ele, e ele disse que não precisava mais ligar e que iria sumir aproveitar a vida ou algo assim.
    Torço para que esse acidente seja uma boa fraude e que ele esteja aproveitando a vida como ela mencionou.
    Parabéns ao Schumi pela pessoa que foi, tomara que realmente não esteja sofrendo.

  3. Brabham-5 says:

    “Schumacher chega aos 50 anos e inspira Vettel, Leclerc e até Max Verstappen”

    “Percebo que um piloto muito trabalhador pode correr no mesmo nível de um muito talentoso. Mas quando o piloto talentoso é muito trabalhador, ele se torna praticamente imbatível.” As palavras poderiam muito bem ser de Michael Schumacher, mas são de Charles Leclerc, que chega, aos 21 anos, na Ferrari, posto que sempre almejou”.

    Hamilton sempre apontou Ayrton Senna como sua grande influência, mas revelou que sempre escolheu ser Schumi nos jogos de videogame e guarda uma recordação especial do ex-piloto. “Na última corrida dele, me enchi de coragem e fui perguntar se ele trocaria de capacete comigo. Ele trocou e é uma das coisas mais legais que tenho na minha casa”.

    “Sinto muito a falta dele. Não só por sua experiência enorme, dentro e fora da pista, mas também porque ele era mais brilhante e simpático que as pessoas imaginam. Ele tinha muito talento e instinto, mas também pensava muito no que fazia. Sinto falta de ter seus conselhos, não necessariamente de como pilotar, mas coisas dos bastidores, do trabalho em equipe, a politicagem da F1. Ele tinha muita experiência de sua época na Ferrari”. (Sebastian Vettel) .

    Vettel conheceu Michael quando tinha seis anos, em um evento de kart na cidade natal do heptacampeão, Kerpen. “Éramos em umas 100 crianças e ele cumprimentou um a um. Foi um dia fantástico para todos nós. Ele sempre foi meu único ídolo no esporte. Meu quarto era cheio de pôsteres dele”.

    Para Max Verstappen, a convivência com Schumacher era costumeira em sua infância, já que ele e seu pai, Jos, eram amigos e foram companheiros de Benetton. “Eu era muito jovem, mas era divertido. Não pensava muito em estar de férias com o grande Michael Schumacher. Eu era novo demais e ficava brincando com o filho dele”. Mas Verstappen vê com bons olhos uma característica de Schumacher que sempre dividiu opiniões durante sua carreira: vencer a qualquer custo. “Isso mostrava o desejo incrível dele de ser o melhor. Faz parte de ser o melhor e querer ser o melhor”, acredita o holandês.

    #keepfightingmichael

  4. Brabham-5 says:

    “O alemão teve uma carreira altamente vitoriosa na F1. Conquistou recordes importantes e se tornou sinônimo de eficiência, competitividade e sucesso. Foi sete vezes campeão do mundo. Em 1994 e 1995, levantou as taças pela equipe Benetton. Depois, talvez o maior feito de sua trajetória, tirou a Ferrari de um jejum de mais de 20 anos de seca. Foram cinco campeonatos consecutivos, entre 2000 e 2004. Ao todo, Schumi conquistou 77 voltas mais rápidas, 155 pódios em 307 GPs, 68 poles e 91 vitórias – essa última marca ainda é um recorde.

    Poucos times na F1 viveram fase tão espetaculares quanto aquela Ferrari comandada por Todt, Ross Brawn, Rory Byrne e Schumacher. Michael se retirou das pistas pela primeira vez em 2006. Mas retornou em 2010, quando Brawn decidiu liderar a volta da Mercedes à F1. A segunda aposentadoria aconteceu no fim de 2012. Ao sair de cena, deu lugar a Lewis Hamilton, hoje o competidor que mais se aproxima de seus números.”

    #keepfightingmichael

  5. CRSJ says:

    A Família de Schumacher vai ser Conservadora até Fim. Parabéns Schumacher pelos seus 50 anos!

  6. Chupez Alonso says:

    Sua memória nunca pode ser esquecida.

    Nem suas histórias:

    https://m.youtube.com/watch?reload=9&v=gqyz6WcxJD8&feature=youtu.be

  7. Paulo Pinto says:

    Gostei do visual. Está parecendo um monge tibetano…

  8. Pasinatto says:

    Excelente último GPàs10 de 2018. Isso até por volta dos 16 minutos. Mas ninguém é perfeito. Feliz 2019!

  9. ags says:

    Feliz 2019..Don Gomes……………….

  10. Sergio Teixeira says:

    Qual sua interpretação do que disse o Jean Todt que assistiu o GP do Brasil com ele?

  11. Alberto says:

    Grande Flávio Gomes! Concordo em gênero, número e grau com tudo que você disse sobre o Schumacher e sobre o Brasil. Infelizmente o momento não é muito promissor mas temos que resistir. Grande abraço!

  12. Rodrigo Tossato says:

    Sou e sempre fui Fan de Shumacher…infelizmente é um final de vida triste para ele e família. Não sou um cara de ter ídolos e ele é o unico que tenho tal sentimento.
    Keep Fighting…

  13. Mansell says:

    Infelizmente ele não anda e não enxerga quase nada.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *