…FICA NA SPRINT

SÃO PAULO (resolvido) – Podia começar o texto assim: a partir de agora, o que acontece na Sprint fica na Sprint. E comecei. Então, vamos em frente. A F-1 mudou o formato das minicorridas de sábado, que serão seis neste ano. Para lembrar: com 100 km de percurso, elas foram introduzidas em 2021 com pontos para os três primeiros colocados e resultado determinando o grid da corrida de domingo. Foram três na primeira temporada. Ano passado, a pontuação foi ampliada para os oito primeiros, novamente com três edições e resultado, de novo, formando o grid do GP. Agora, será diferente. O que acontece na Sprint fica na Sprint.

Será assim, valendo já a partir de Baku, neste fim de semana — a primeira das seis Sprints do ano, sendo as outras na Áustria, Bélgica, Catar, Austin e Interlagos. Na sexta, treino livre de uma hora e, depois, definição do grid para a corrida de domingo no conhecido formato das classificações: Q1, Q2 e Q3. Assim, na sexta teremos o pole-position para o GP do Azerbaijão. Pausa, voltamos domingo. Se o cara que fizer a pole quiser passar o sábado tomando sol na piscina do hotel, sem problema. Aparece domingo e larga na pole.

No sábado, o evento ganha autonomia. Seu resultado em nada influirá no grid da corrida principal. Será realizada uma classificação curtinha apenas para formar o grid da Sprint, chamado de “Shootout Qualifying”, ou SQ. Terá meia hora de duração, com 12 minutos para o SQ1, dez para o SQ2 e oito para o SQ3. Nas duas primeiras partes, todos devem usar pneus médios. Na última, que define os dez primeiros do grid da Sprint, macios. A Sprint em si será como tem sido: um terço da distância original do GP (cerca de 100 km) com pontos para os oito primeiros, sendo oito para o vencedor e um para o oitavo colocado.

A ideia é fazer com que ninguém corra a Sprint cautelosamente, com medo de perder posições no grid de domingo. Isso, na avaliação da F-1, vinha fazendo com que os pilotos tivessem uma abordagem meio conservadora nessas minicorridas, pelo receio de fazer alguma merda e despencar no grid da prova de verdade. Agora, o cara pode fazer o terceiro lugar na sexta, brigar pela vitória no sábado, bater no muro, fazer zerinhos e terminar em último, mas seu terceiro lugar no grid de domingo está garantido.

A ideia é essa. Gostaram?

Subscribe
Notify of
guest

56 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Emerson de Oliveira
Emerson de Oliveira
11 meses atrás

Faz parte dessa água de arroz que esse pessoal da Liberty quer fazer da F1. Não é quantidade e muito menos a Nascarizaçao do evento que vai faze-lo melhor, parece difícil de as pessoas compreenderem isso. A F1 é técnica por excelência, e isso precisa ser ressaltado no seu formato. Jogaram uma parte importante do evento (a classificação, que é sim atrativa e muito legal) para uma sexta-feira que ninguém vai assistir. Mataram a classificação em pró de uma sprint que, de bom, tivemos só uma em Interlagos. Não aprovei, e acho que a F1 toma um caminho bem perigoso quando opta pelo entretenimento barato para assistir de pipoquinha e Coca-Cola na mão.

Vinicius
Vinicius
11 meses atrás

E quem ganhar mais sprints leva a Taça Guanabara.

Flavio Vaitte
Flavio Vaitte
11 meses atrás

A ideia é boa Flavinho, mas eu penso que o mais legal seria: treinos na sexta, definição da pole sabado pela manha, SPRINT SÁBADO À TARDE e CORRIDA INTEGRAL NO DOMINGO com as posições do resultado da sprint

André
André
11 meses atrás

Quanto mais corridas melhor ainda.

João Ricardo Wilde Neto
João Ricardo Wilde Neto
11 meses atrás

Gostei e não gostei…

Ok, as sprints ficarão mais competitivas e mais legais de assistir.
Os pilotos serão mais competitivos, em tese, pois os pilotos não arriscarão espatifar com o carro e poder ficar sem no dia seguinte, a ponto de não haver tempo hábil para reparar.
E se detonarem com alguma daquelas peças que custam posições nas largadas?

E o que ficou mesmo sem sentido é o fato da sprint ter sido criada para dar mais emoção na qualificação, porém nesse formato agora, a qualificação do GP ficou mais sem graça ainda, na sexta, muito provavelmente com menos audiência do que uma qualificação regular.
E as Sprints, viraram novas corridas, ainda que pequenas, em um calendário já bastante farto.

A raridade gera exclusividade, sabe aquele conceito do menos é mais?
Quanto menos corridas, mais valor cada uma delas tem. Se a F1 virar novela na TV, o público não vai se importar de perder um capítulo ou outro de vez em quando. Cada vez menos vamos nos preoucpar em acordar de madrugada para assistir um GP do outro lado do mundo, sendo que tem mais outros tantos pela frente… e as sprints.

Barreto
Barreto
11 meses atrás

Engraçado como a F1 era simples e saborosa até alguns anos atrás.
A cada duas ou três semanas: café da manhã, globo rural e corrida. Até o almoço hinos tocados e tudo resolvido. Boa parte das provas era assim.
Hoje temos dezenas de provas, corrida curta, punições duvidosas, punição porque não cumpriu a punição direito, prova interrompida por besteira, limitação de testes e peças, anulação da punição. Tá confuso e só falta começarem a intervir nas provas porque alguém viu uma embalagem de cachorro quente na pista.

Mauricio Rocha
Mauricio Rocha
11 meses atrás

Trocaram seis por meia dúzia.

Paulo Z
Paulo Z
11 meses atrás

francamente….essa nova era da F1 cheia de nuances, peculiaridades, regrinhas e tal tá bem chatinho de acompanhar.
Saudade de quando as coisas eram mais simples.

Antonio Seabra
Antonio Seabra
11 meses atrás

não gosto dessas Sprint Races,
Entoa, digamos que ficou….”menos ruim”

Dimaz
Dimaz
11 meses atrás

ja q eh pra inventar regra q facam a sprint com os pilotos reservas/de teste… eles teriam q cuidar do equipamento, ou seja, ser rapidos mas cautelosos, e ao mesmo tempo seria um mini-campeonato…

lagerbeer
lagerbeer
11 meses atrás

ahhh.. agora tindi !!

marcos
marcos
11 meses atrás

Toda tentativa é válida… mas uma “sprint” de 100km é ridícula. Muito longa. Reduz drasticamente qualquer possibilidade de alguma zebra pq qd alguem de tras eventualmente largar bem ou se livrar de algum acidente, 100km da tempo suficiente para os de sempre alcançar e passar. Acho q 50km (pra menos) ja tava de bom tamanho….

Rodrigo
Rodrigo
11 meses atrás

Se querem mesmo emoção e corrida diferenciada à qualquer custo, poderiam dar pontos para os 8 primeiros colocados no shootout qualy, e depois inverte o grid desses 8 pontuados para a sprint, com certeza ia ter pega entre quem pontua no qualy e depois tentar correr o máximo para pegar mais pontos na corrida saindo um pouco mais atrás.

Last edited 11 meses atrás by Rodrigo
Rafael
Rafael
11 meses atrás

Complementando, tem muitas ideias boas pra sprint, porém não pode ser um evento MELHOR que o de domingo, isso iria descaracterizar totalmente a coisa né, um evento sobrepor o outro. eles tem que fazer algo “ruim” suficiente pra domingo continuar sendo melhor

Rafael
Rafael
11 meses atrás

Só não curti esse Shootout Qualifying.
podia invertir grid, ou classificação do campeonato, qualquer coisa mais simples do que ter OUTRA classificação.

SULLIVAN
SULLIVAN
11 meses atrás

Só complementando aqui tá Flavio, eu não me lembro qual gp era, se foi mais de 1, e acho que foi ano passado me desculpem to com preguiça de googlar quem souber que nos brinde, ok, mas ficou muito bonita a REDBULL na cor branca. ABRAÇOS

rbr.jpg
SULLIVAN
SULLIVAN
11 meses atrás

Acho que MAXEMILIAM VERSTAPEN esta dando as cartas na F1. O HOLANDÊS VOADOR estava reclamando das corridas Sprint e que isso era desestimulante, etc e tal e agora logo em seguida já fizeram as alterações, resta saber se ficou do jeito que MAX queria,
Uma coisa que to curioso é se a REDBULL vai manter as cores quando correr com patrocínio FORD particularmente não gosto de fordeco, e o Brasil nem Forde mais, a RBR correu com coloração branca e ficou muito bonita então que seja branca ou a atual,
edu aquele abraço, obrigado pelas menções, não há reconhecimento maior

Jorge Luis
Jorge Luis
11 meses atrás

Flavinho acho a Sprint sensacional no sabado. Essas montadoras gastam bilhoes de dolares por ano e tem que aparecer mais mesmo. Só acho, como o amigo falou abaixo, que a Sprint teria que favorecer as equipes menores. Grid invertido seria legal … Imagina o Max e o Hamilton largando na ultima fila …. Abraço !!!!

Allan Guimarães
Allan Guimarães
Reply to  Jorge Luis
11 meses atrás

Então… Quem já correu com grid invertido já sabe que tem gente que até para na pista pra na corrida seguinte largar mais a frente. Somente seria viável se a pole da sexta valesse para as duas corridas

Yuri Campos
Yuri Campos
11 meses atrás

A única adequação que eu faria seria na classificação da sprint.

Uma volta lançada única seguindo a ordem de classificação do campeonato, ou seja, o primeiro no campeonato iria primeiro e na sequencia até o último. Todos de pneus macios novos.

A pista ficando mais emborrachada e rápida poderia colocar pilotos que estão em piores colocações no campeonato mais a frente e gerando um grid “misturado” na sprint.

Allan Guimarães
Allan Guimarães
11 meses atrás

A pontuação com margem de 1pt de diferença ainda não faz valer a pena o risco de ser mais agressivo. Uma sugestão seria a pontuação antiga da F1 até os 8 primeiros (10-8-6-5…)

Leandro
Leandro
11 meses atrás

Eu particularmente não gosto da idéia de ter sprint race na F1 e agora na MotoGP, mas é o que temos, paciência.

Vitor Rodrigues
Vitor Rodrigues
Reply to  Leandro
11 meses atrás

Somos dois. Sprint, calendário enorme estilo Nascar com uns autódromos sem sal, intervenções confusas dos comissários… a Liberty tá perdendo a mão da coisa. Vejamos onde vai dar.

RODRIGO BARRETO FEITOZA
RODRIGO BARRETO FEITOZA
11 meses atrás

Na teoria sim, agora na prática, somente domingo no almoço pra sabermos se vingou ou não.

Tony Mietto
11 meses atrás

ou seja, inventaram essa sprint race mas até agora ainda não sabem o que fazer com ela…

Carlos Jose Pimenta Franco
Carlos Jose Pimenta Franco
11 meses atrás

Algo não vai bem na F1, e há tempos. Mexe, remexe e fica tudo no mesmo. Acho que a F1 como acompanhei nos últimos 55 anos acabou. Acompanhei pois já não vejo mais com tanto entusiasmo, como antes. Mas…sucesso.

Vitor Rodrigues
Vitor Rodrigues
Reply to  Carlos Jose Pimenta Franco
11 meses atrás

Nem tenho tanto tempo assistindo F1, comecei a acompanhar com afinco no início dos anos 90. Também não me considero resistente à mudanças, mas tenho a nitida impressão se que a Liberty não está sabendo equilibrar a promoção do seu valioso produto levando em consideração a essência da F1. Todos gostam de espetáculo, mas a qualquer custo? Emoções fabricadas? Sei não…

Carlos Jose Pimenta Franco
Carlos Jose Pimenta Franco
Reply to  Vitor Rodrigues
11 meses atrás

Perfeito. Gostei do: MAS A QUALQUER CUSTO. E foi exatamente isto que se viu na ultima corrida. Um espetáculo artificial, e isto, está cada vez mais claro. Enfim, eu particularmente, falo de mim, não tenho mais o mesmo entusiasmo em assistir como antes.

Bruno
Bruno
11 meses atrás

Duas corridas em um final de semana é anticlímax. Porque não deixar uma sprint no domingo, treino no sábado.
Particularmente acho as corridas de F-1 chatas, pela quantidade de voltas.
Grande abraço Flávio !

Neno
Neno
11 meses atrás

Gostei F,Gomes
a ideia é uma corrida extra desvinculada.
uma pergunta Flavio, se o piloto desmanchar o carro dele numa pancada ou tiver problemas mecanicos pode mudar o carro pra corrida de domingo sem punições???? Os pilotos e equipes são obrigados a participarem da Sprint?

Sander Elias
Sander Elias
Reply to  Flavio Gomes
11 meses atrás

Seria legal se pudessem usar os pilotos reservas

Bento
Bento
11 meses atrás

Em vez de ficarem tentando reinventar a roda, se é emoção que querem, porque não liberar pneus a vontade tanto nos treinos quanto nas corridas e a volta do reabastecimento? Deixem que cada equipe faça suas contas e, se o piloto e a equipe resolver começar a corrida com meio litro no tanque para ganhar mais posições e depois parar para reabastecer X vezes, problema de cada um… para o público ia ser muito mais emocionante que as tais sprints.

Bruno Laporta
Bruno Laporta
11 meses atrás

Uma boa adaptação. Renderá boas corridas porque todos estarão livres para um “tudo ou nada” sem consequências dominicais.

Januário
Januário
11 meses atrás

Pelo visto, sprint race virou moda – veja-se F1, Moto GP – e os Grande Prêmio de domingo que se cuidem. No futuro, periga termos spint sexta, sábado e domingo e, para ficar mais com cara de videogame, uma delas sem regras (tipo filme rollerball). Sempre novas novidades para entreter o público. Já viram que sou das bem antigas e, talvez por isso, ache tudo meio sem sentido e inustidado, não vale para estatísticas (de pole, vitórias), mas vale pontos para o campeonato. Para mim, mais uma da era das lacrações.

Carlos Jose Pimenta Franco
Carlos Jose Pimenta Franco
Reply to  Januário
11 meses atrás

Boa. Concordo

Allan Guimarães
Allan Guimarães
Reply to  Januário
11 meses atrás

Discordo. Sexta feira é dia útil em todo lugar desse mundo (ou maioria absoluta)

Celio Ferreira
Celio Ferreira
11 meses atrás

Um treino livre apenas ? Pouco tempo para ajustes no carro.
Tem chefe que vai chiar se as coisas derem erradas …aguardem..

Fábio M.
Fábio M.
11 meses atrás

Ficou dois GP´s em um.
Poderia até oficializar
Assim, sábado, GP da Europa, domingo, GP do Azerbaijão
Sábado, GP da Estíria, domingo, GP da Áustria
Sábado, GP da Valônia, domingo, GP da Bélgica
Sábado, GP do Golfo, domingo, GP do Catar
Sábado, GP do Texas, domingo, GP dos EUA
Sábado, GP de São Paulo, domingo, GP do Brasil.

Ian
Ian
11 meses atrás

A pontuação de sábado segue mantida? Se não, agora que o dirigente de equipe vai mandar os pilotos tirarem o pé no sábado. Para que correr o risco de destruir o carro no sábado se não vale nada para o campeonato? Se não vai virar dinheiro no fim do ano pela posição no mundial de construtores? O efeito vai ser contrário…

Fernando
Fernando
11 meses atrás

Quase perfeito….no SQ1,2 e 3 eu iria com 12 voltas para cada um e treino de uma hora. Sempre preferi esse formato, do que o atual

Leandro
Leandro
Reply to  Fernando
11 meses atrás

Concordo, bem mais prático eu acho.

Marcos Bassi
Marcos Bassi
11 meses atrás

Sei que deve ser uma pergunta cretina…mas me foge a resposta…Por que não faz essa programação de sábado ..Sprint e tal ..na sexta…e a classificação no sábado?

Ciro Magalhães
Ciro Magalhães
Reply to  Flavio Gomes
11 meses atrás

o treino livre de sexta é onde será feito o acerto básico para todo o fim de semana. Se a sprint fosse na sexta, teria o SQ e depois a Sprint, sem nenhuma chance de mudar o acerto, seria um caos (alguns gostariam)

Yuri Campos
Yuri Campos
Reply to  Marcos Bassi
11 meses atrás

Eu acho que perderia relevancia tanto na tv quanto no automdromo se fosse na sexta, afinal precisamos trabalhar ne? kkkkkkk

Allan Guimarães
Allan Guimarães
Reply to  Marcos Bassi
11 meses atrás

Quem assiste F1 na sexta? (Sim, claro que tem, mas há de convir que é imensamente menor do que no sábado, já que a galera trabalha e nem todo mundo cumpre 44h semanais). Corrida sempre vale mais que classificação.

Tales Bonato
Tales Bonato
11 meses atrás

Parece uma ideia bem melhor. Veremos o resultado.

Victor Penteado
Victor Penteado
11 meses atrás

Eu detesto a Sprint, mas assim acho que ficou mais palatável.

Só acho que piora a questão do excesso de corridas durante o ano. Vão ser 29 qualys e 29 corridas no ano, chatíssimo. E provavelmente a Red Bull vai ganhar umas 27

Ruan Pinzetta
Ruan Pinzetta
11 meses atrás

Também acho que tinha que ser uma volta só pra cada piloto no SQ. Iria aumentar o CC (coeficiente de cagaço).

Wagner
Wagner
11 meses atrás

Não creio que haverá mudança significativa no quesito prudência dos pilotos na corrida sprint pois se eles baterem a viatura nesta corrida, correm o risco de ficar a pé no domingo em função da falta de peças e o tempo demandado no conserto.

Adriano de Avance Moreno
Adriano de Avance Moreno
Reply to  Wagner
11 meses atrás

Concordo. E se o piloto não estiver na zona de pontuação, e concluir que é arriscado forçar para tentar chegar mais à frente, ele pode apenas se contentar em terminar na posição que está, a fim de não comprometer seu carro. Afinal, dependendo da batida, pode dar perda total, e aí o domingo, onde as coisas são mesmo pra valer, iria para o vinagre…

Cláudio Cardoso
Cláudio Cardoso
11 meses atrás

Ao menos a sexta-feira vai valer alguma coisa quando tiver a sprint race.

João Luiz Marques
João Luiz Marques
11 meses atrás

Tomara que, na prática, fique legal mesmo

Caco Brandenburg
Caco Brandenburg
11 meses atrás

Gostei.

Mas poderiam ter feito algo de diferente no SQ tb. Mudar o formato do treino, não apenas o tempo.
Algo como já foi no passado, por exemplo, apenas uma volta lançada por piloto, sozinho na pista.