CHEGA LOGO, 2025!

SÃO PAULO (ô, vidão…) – Como faz habitualmente, foi com um comunicado direto e reto que a Ferrari anunciou agora há pouco que Lewis Hamilton será seu piloto em 2025. Quando vestir o macacão vermelho pela primeira vez, o inglês terá 40 anos de idade. Desde os 13 está sob o guarda-chuva da Mercedes. Primeiro na McLaren, de 2007 a 2012, e na equipe de fábrica desde 2013. Pelo time alemão ganhou seis de seus sete títulos mundiais. O outro foi pela McLaren com motores Mercedes.

É o maior movimento da história no mercado de pilotos da F-1. As notícias começaram a surgir ontem à noite a partir de postagem do perfil “formu1a.uno”, da Itália. Hoje pela manhã, a Sky Sports, da Inglaterra, noticiou a saída de Lewis da Mercedes, ainda no condicional. Liguei para um amigo ex-Ferrari, hoje ocupando cargo importante em outra casa da F-1. “Parece que desta vez é verdade”, ele me disse, profundo conhecedor das coisas e das pessoas em Maranello. Já sabia.

A situação evoluiu numa velocidade que tornou obrigatório o reconhecimento das partes envolvidas. Já não dava mais para esconder. Toto Wolff convocou a equipe para uma reunião na fábrica de Brackley, na Inglaterra. Por chamada de vídeo, no começo da tarde, avisou que Hamilton estaria deixando a equipe no fim do ano. Às 16h de Brasília, a Mercedes soltou o comunicado abaixo:

O nome Ferrari não é citado. Informa-se que Hamilton tinha um contrato até o final de 2025 — assinado no fim de agosto do ano passado — que possuía uma cláusula de opção para o segundo ano a cargo do piloto. E ele a exerceu antes mesmo de começar o primeiro campeonato do novo compromisso. “Aceitamos sua decisão de buscar novos desafios”, diz o chefe do time. “Tivemos a relação mais bem sucedida da história do esporte e temos muito orgulho do que conseguimos juntos. Sabíamos que um dia essa relação terminaria, e esse dia chegou.” Estão aí em cima os números. Pela Mercedes, Hamilton conquistou 82 vitórias em 222 GPs, subiu ao pódio 148 vezes e fez 78 poles. Ninguém tem nada para reclamar do outro. Poucos minutos depois, a Ferrari divulgou seu monossilábico comunicado. O fato estava consumado. Como disse meu amigo, “parece que desta vez é verdade”. Dependendo de quem te diz isso na F-1, “parece que” se traduz como “é isso aí, pode publicar”. Foi o que fiz no começo da manhã.

Exatamente uma semana atrás a equipe italiana renovou o contrato de Charles Leclerc até 2029. Carlos Sainz, assim, deixa Maranello no final deste ano. Seu destino está atrelado à Audi. Há quem diga que ele pode acabar na Red Bull — não é impossível –, ou na própria Mercedes — pouquíssimo provável. Claro que agora todos os holofotes se voltam para a vaga aberta por Hamilton. A lista de candidatos é vasta, tem também Alexander Albon, Mick Schumacher, Esteban Ocon… E dois nomes que teriam impacto semelhante — jamais igual — ao do anúncio de Hamilton na Ferrari: Sebastian Vettel e Fernando Alonso. Por fora, muito por fora pela idade, corre Andrea Antonelli, jovem prodígio italiano que a Mercedes pegou ainda de fraldas, no kart, quando tinha 11 anos. Ele ganhou dois campeonatos importantes de F-4 e vai direto para a F-2 nesta temporada. Mas tem apenas 17 anos. Devagar com o andor.

É cedo, isso parece muito claro, para apontar um nome com grandes chances de acerto. A Mercedes foi pega de surpresa. Sabia que um dia deixaria de contar com Hamilton, que esse dia estava cada vez mais perto — tanto que o último contrato assinado, para os padrões da F-1, era de curta duração –, mas achava que só perderia o piloto para a aposentadoria, e não para uma rival do tamanho da Ferrari. Por isso, nunca pensou em alguém à sua altura — a “solução Russell” já estava em execução para quando o momento chegasse.

Agora é diferente. Surgiu uma necessidade urgente a partir de um fato inesperado — há relatos de que Wolff só foi avisado por Hamilton ontem à noite e a imprensa italiana diz que o estafe de Sainz já sabia desde a semana passada que algo estava acontecendo; de qualquer forma, foi repentino.

ATUALIZAÇÃO: Toto Wolff contou, na sexta-feira, que foi avisado por Hamilton durante um café da manhã na quarta-feira na sua casa — dele, Toto — em Oxford.

Nas redes sociais, foram descobertas algumas pistas enigmáticas, como o anúncio da renovação do contrato de publicidade da cerveja Nastro Azzurro com a Ferrari, aí em cima.

Foi publicada, a foto da esquerda, dois dias atrás. Notem a miniatura escolhida: número 44, o de Hamilton. Usado, na Ferrari, por Maurice Trintignant na sua única vitória pela equipe, no GP de Mônaco de 1955 (outro piloto ferrarista correu com o #44 uma vez, Giancarlo Baghetti, em 1966, mas nem se classificou para o GP da Itália).

Como boa parte da comunicação hoje em dia é feita por redes sociais — falo de perfis relevantes, não de “produtores de conteúdo” ou “influenciadores digitais” –, foi interessante acompanhar o andamento das postagens ao longo do dia. A Mercedes, por exemplo, fez um post pela manhã no Instagram lembrando o 14º aniversário do primeiro teste com um carro da equipe, em 1º de fevereiro de 2010, com Michael Schumacher em Valência. Algo como “não está acontecendo nada, pessoal!”. A Ferrari, por sua vez, colocou um breve vídeo de duas pernas de piloto entrando num cockpit e era… Leclerc! Até Vettel, fanfarrão, postou algo esquisito anteontem: um número 10, uma foto dele de macacão da Red Bull e a legenda “me preparando para a próxima temporada”. A Red Bull brincou com trecho de um vídeo de Verstappen e Pérez dizendo: “Hei, eles não trocaram os pilotos!”, fala Max, ao que Checo responde que “sim, trocaram sim!”.

Mas, àquela altura, jornalistas especializados já estavam em campo atrás de confirmações, em vez de repercutir e repostar memes, montagens fotográficas e bobagens aleatórias que inundaram as redes. A reunião de Brackley foi acompanhada por uma repórter da Sky do lado de fora da fábrica. As ações da Ferrari na Bolsa de Nova York tiveram alta expressiva, elevando em US$ 7 bilhões o valor da empresa. Todo mundo lembrou das relações de Hamilton com Frédéric Vasseur, atual chefe da Ferrari. Ele era seu comandante na equipe ART em 2006 (foto abaixo), quando conquistou o título da GP2, e na ASM Formule 3 no ano anterior, quando Lewis foi campeão da Fórmula 3 Europeia. Junte-se a isso a saída de Loïc Serra, diretor de performance da Mercedes, para a Ferrari — com quem Hamilton se dá muito bem e deposita total confiança. Por fim, foi muito lembrada a relação pessoal que o inglês tem, há anos, com John Elkann, presidente da Ferrari, neto de Gianni Agnelli (1921-2003), ex-controlador da Fiat, que o escolheu como sucessor. Elkann é hoje presidente da Stellantis, resultado da fusão dos grupos Fiat Chrysler e PSA Group, holding que detém hoje a produção de 14 marcas de automóveis diferentes — em ordem alfabética, Abarth, Alfa Romeo, Chrysler, Citroën, Dodge, DS, Fiat, Jeep, Lancia, Maserati, Opel, Peugeot, RAM e Vauxhall.

O dia termina sob o impacto de uma notícia sem precedentes, dado o tamanho das partes envolvidas — o melhor piloto de todos os tempos, a equipe mais famosa de todas e a outra que detém a maior hegemonia jamais registrada na F-1, com oito títulos mundiais seguidos de construtores. No passado, muitas transferências foram rumorosas, como Senna da McLaren para a Williams, Prost da McLaren para a Ferrari, as demissões da Williams dos campeões Mansell e Hill, as contratações de Schumacher e Vettel pelo time italiano, ou mesmo as idas e vindas de Alonso entre Renault, McLaren e Ferrari. Nada, porém, pode ser comparado com o que acompanhamos hoje.

Como será o 2024 de Hamilton na Mercedes? É difícil dizer. O mais provável é que seja bem parecido com o de 2023, salvo alguma grande surpresa — com sorte, ganha uma corrida. Em algum momento, os alemães terão de esconder algumas coisas de Lewis sobre o carro de 2026, que já deve estar na prancheta. Sainz, coitado, será um morto-vivo na Ferrari. Na Itália e ao redor do mundo, os fanáticos torcedores da Ferrari contarão os dias até a virada para 2025. Nas outras equipes, que têm muitos contratos terminando no final do ano, a movimentação atrás dos melhores pilotos será intensa.

De tudo, uma conclusão difícil de negar: depois de uma temporada pouco competitiva, em que apenas um piloto e um time brilharam, uma mexida dessas faz bem para a categoria. A F-1 voltou ao noticiário com força neste primeiro dia de fevereiro. Amanhã já tem carro novo sendo apresentado, o da Haas. Daqui a 20 dias começa a pré-temporada, no Bahrein. E o Mundial de 2024 será um ótimo aperitivo para o de 2025 — que é o que importa, agora.

Subscribe
Notify of
guest

133 Comentários
Newest
Oldest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
André
André
5 meses atrás

Vai ser difícil ver o Hamilton na Ferrari, porque gosto do piloto, mas não sou fã da equipe, uma vez que ela não respeita os pilotos. Estou mais interessado em saber quem irá ocupar a vaga na Mercedes.

Marcio Henrique
Marcio Henrique
5 meses atrás

Então, se não estou enganado Hamilton, de fato, conversou com a Ferrari ano passado. Negaram no começo, mas depois confirmaram. E mais, houve uma demora muito grande para ele renovar com a Mercedes. Acredito que, à época, ele costurou algum acordo macarrônico com a Ferrari, no sentido de renovar com a Mercedes por 2 anos, sendo o último ano como opção, e anunciar, assim que possível, seu desejo de não exercer a opção e mudar para Maranello.

Chupez Alonso
5 meses atrás

Se voce acha que 2024 sera chato a F1?
Aguarde,
Em 2025 estréia “THE LADY IN RED” com L.Hamiltom no papel prmcipal, produzido nos Estúdios Ferrari, emocoes garantidas e também muitas risadas. Será o lançamento do ano

O crítico
O crítico
Reply to  Chupez Alonso
5 meses atrás

Sobrou até pro fase oral…

Danilo
Danilo
5 meses atrás

Lendo os comentários aqui chego a conclusão de q as paixões, vícios e racism.o – mal disfarçado – se sobrepõem ao bom senso… as pessoas têm o direito de não gostar do Hamilton ou da Ferrari e decretarem o insucesso da transferência- eu mesmo como fã dele tenho um certo ceticismo se ele terá sorte ou tempo para ter sucesso lá. Geralmente reclamamos da monotonia da vida e quando acontece algo diferente e louco esculachamos… nao faz muito sentido. Piloto
e equipe assumiram riscos enormes e saíram da zona de conforto, enfim deram um tempero diferente, apenas acho q independente do resultado deveríamos brindar a coragem de ambos.

Chpez Alonso
5 meses atrás

Hamiltom vai aprender a conjugar o verbo:
ferrei, ferrastes, ferrari…..

Braulio
5 meses atrás

Esse negocio de Hamiltão na Ferrary já esfriando segunda feira ninguém falará mais nisso
#Ferradahamiltâo@24.

Mario
5 meses atrás

Gentem, a coisa vai ser feia, Hamilton terá de usar em solo italiano colete a prova de balas, escolta armada, veículo blindado e até disfarce se necessário. ( não sei como se disfarça LH). Tudo por conta da Ferrary, tá tudo no contrato, eu lee.

Braulio
5 meses atrás

I hate Lewis Hamilton.
Pronto falei.
Não vou me aprquenar frente a ratos de comunidades distantes.

Danilo
Danilo
Reply to  Braulio
5 meses atrás

Pelo significado e força da sua frase vc demonstra q é sim bem pequeno.

BRAULIO
BRAULIO
Reply to  Danilo
5 meses atrás

Maior que os ratos

Amaral
Amaral
5 meses atrás

Frédéric Vasseur sempre foi diligente, trabalhador e humilde. Desde os tempos em
Que sua família tinha uma distribuidora de artigos de limpeza em Piaçàve

O crítico
Reply to  Amaral
5 meses atrás

Amaral Neto, o repórte, sabe tudo pela internet, e dá-lhe wikipedia.a wikipedia facilita a vida dos pux sak.

O crítico
O crítico
Reply to  O crítico
5 meses atrás

O idiota fake é incansável. Mas eu também sou.

Markonikov
Markonikov
5 meses atrás

Quem será que fez o pior negócio, Hamilton ou a Ferrari?
LH é bananeira que já deu cachoo e Ferrari é só um nome, não tem mais tradição e nada de italiana. O espetáculo é circense mais vai só nisso!

O crítico
O crítico
Reply to  Markonikov
5 meses atrás

Bananeira cara, hein?

Markonikov
Markonikov
Reply to  Markonikov
5 meses atrás

Roubaram meu nome agora? Nunca disse isso … alou FG, incrível que essa gadaiada agora tá fazendo comentários com o nome alheio … aqui é HAM44 GOAT …

O crítico
O crítico
Reply to  Markonikov
5 meses atrás

Bem vindo ao clube, Camarada. Até o fase oral parece que estão falseando.

Last edited 5 meses atrás by O crítico
Gilson
Gilson
Reply to  Markonikov
5 meses atrás

O objetivo principal foi atrair mídia e grana. Imagine o quanto de patrocínio tal transferência para a Ferrari pode render.

Lewis não tem mais o que fazer na F1. Ganhou tudo e está pode de rico, porém, nunca pilotou para Ferrari. Cumprirá seu contrato e depois se aposenta.

O. Borges de Medeiros
O. Borges de Medeiros
5 meses atrás

Lendo e relendo aqui me diverti muito, informações boas, pertinentes mas acima de tudo muito comédia, muito legal.
Mas esse estardalhaço vai acabar logo logo, semana que vem esfria, a novidade fica velha, as ações despencam, etc, Luiz Hamilton e Ferrari são figuras velhas raposas grisalhas não trazem a principio novidade alguma, não acrescentam nada além do que já tem, novidade boa seria a ferrri andar bem, e só vai dar emoção daqui u ano daí sim pra valer, muita coisa acontece, veremos. Agora moro de dar dar risada do vegano Hamiltom comendo a comida italiana na frente das cameras, é pra constar nos anais, acho que vai dar umas garfadas forçadas e em seguida vai ao banheiro vomitar,e vai tomar vinho, vai se ajoelhar perante o império católico, deverá passar sede pois não sabe pedir água em italiano….Acho que estou errado talvez os Tifiosi se apaixonem pela novidade só resta saber quanto durara essa paixão
E a Mercedes tá triste ou aliviada?
E a Turma do Max e REDBULL tão que só riem ou ascendeu a luz amarelo, soou o alarme, pelo meu ver eles se preocupam só com eles mesmos, se mantiverem o homogeinidade continuaram rindo rindo rindo.
eu acho que excluindo-se as localidades onde houves gps de F1 o Luiz Hamilton nunca pos os pés na Itália. Quanto ao falar italina ele fará um curso rápido para engasgar algumas frases nas entrevistas pra delírio da galera, tem 1 ano pra fazer isso

Chupez Alonso
Chupez Alonso
5 meses atrás

Já é 2025 na Austrália!

Rumo ao 8cta!

IMG_0243.jpeg
Markonikov
Markonikov
Reply to  Chupez Alonso
5 meses atrás

Já tá loiro o nosso LH?

Markonikov
Markonikov
Reply to  Markonikov
5 meses atrás

Cala a boca fake …

Murillo
Murillo
Reply to  Chupez Alonso
5 meses atrás

Cara na boa. Hamilton talvez seja o maior de todos os tempos. Mas tudo passa, ele será importante para a Ferrari pq vai levar gente da Mercedes pra lá, então acho que a Ferrari vai melhorar, mas acho que Lewis não será mais rápido que Leclerc.

Se a Ferrari melhorar Charles irá disputar o título, eu se fosse Hamilton miraria em vencer uma corrida em Monza.

Danilo
Danilo
5 meses atrás

Ah sim, parabéns Ferrari, nem sou fã, mas deu voadora no lustre – q delícia será ver Hamilton X Leclerc.

Danilo
Danilo
5 meses atrás

Eu como fã do Hamilton e da Mercedes, confesso q fiquei atordoado e meio triste com a mudança no primeiro momento… Agora pensando friamente eu concordo com o Flavio q é a maior transferência da história… pode dar muito errado para o Hamilton – o Schumi precisou de 5 anos – porém ele saiu zona de conforto e assumiu riscos dobrando a aposta no alto dos seus 40 anos sendo hepta… que coragem. A graça da vida são as loucuras q subvertem a normalidade.

Jeferson
5 meses atrás

Na Itâlia os puristas esperam a anos ver a Ferrari pilotada por sangue italiano, terão que esperar muito ainda, isso o Jamiltom não tem nunca terá e não há nenhum piloto italiano de F1 bom momento, aliás será que já teve? E LH fala italian?

Jeferson
5 meses atrás

Hamiltom pode ir pro quinto dos inferno e a puta que pariu….Mas F1 só tem nome pra mim MAX!

O crítico
O crítico
Reply to  Jeferson
5 meses atrás

Mais um fãzoca tresloucado do noro do motorista do capetão.

Chupez Alonso
Chupez Alonso
5 meses atrás

Comemoraram a renovação de contratão por 2 anos.

Só 6 meses depois…

IMG_0256.jpeg
O crítico
O crítico
Reply to  Chupez Alonso
5 meses atrás

Fase oral e suas fixações. Tadinho, tão foras de seu alcance…

Tales Bonato
Tales Bonato
5 meses atrás

Eu era fã de ferrari ate agora….
Ferrari agora nem de graça.

O crítico
O crítico
Reply to  Tales Bonato
5 meses atrás

Mais um da turma dos que disfarçam o preconceito.

Emerson
5 meses atrás

CHEGA !

O crítico
O crítico
Reply to  Emerson
5 meses atrás

Eu, hein?

Pablo
5 meses atrás

Flavinho em ti a galera acredita, aceita, confia o problema é o palco e as armações momtadas por equipes empresarios e tudo mais, a notícia é boa da troca de pilotos ficaremos todos ansiosos e será divertido, resumindo o teu furo jornalístico é bom não duvidamos de ti eu prefiro até teus comentários pessoais do que informações repassadas suas experiências fizem diferenças és um dos maiores especialista da internete brasileira. Go ahed!

Lucio de Barbacena
5 meses atrás

Quero ser um mico de circo se ele ganhar uma corrida pela Ferrari, vai fazer menos que Massa e Rubinho, podem conferer

O crítico
O crítico
Reply to  Lucio de Barbacena
5 meses atrás

De Barbacena? Tá explicado.

Sebastião Lucena
Sebastião Lucena
5 meses atrás

Cuidado gente com o golpe, ferrari dando lucro??? conta pra outro!!! carrão esportivo ninguem mais quer virou brega! coisa cafona de mal gosto, só bandido ostentação que compra, quanta gente séria atualmente que voce viu a bordo de uma ferrari???Pensem bem amigos o negocio não é bem assimm

Markonikov
Markonikov
Reply to  Sebastião Lucena
5 meses atrás

Cala a boca gado

O crítico
O crítico
5 meses atrás

Esses comentários de que Luiz Hamiltom toma pilulas para embranquecer é uma mentira da por. Ele está mais BLACK do que nunca, e dá-lhe black power, lgbt e tudo mais….

O crítico
O crítico
Reply to  O crítico
5 meses atrás

Por favor, FG e equipe, extirpem esse fake de merda do blog, vocês conseguem identificar quem é quem. E você, canalha covarde, tá se divertindo é, sua besta? Coisa de idiota psicopata, que não tem mais o que fazer.

Julio Diaz
Julio Diaz
5 meses atrás

Final de carreira melancólico para o LH e dois anos perdidos pra Ferrari.

O crítico
O crítico
Reply to  Julio Diaz
5 meses atrás

Outro visionário, que só enxerga em preto e branco.

Jader
Jader
5 meses atrás

Não acredito que fará diferença na Ferrari, ainda mais se a equipe mantiver a escrita atual de carros pouco competitivos.

O crítico
O crítico
5 meses atrás

Obrigado Flávio pelas fantásticas inforMações e comentários extraOrdinários.
Maior Notícia dos últimos anos para quem sabe agitar a F1 que tá monopolizada agora pElo Holandês Voador, MAX EMILIAN VERSTAPPEN, o menino prodígio, o comequieto, e sua Máquina Voadora REDBULL,
Embora Ferrari e o Luiz Hamilton sejam velhos e conhecidos nomes no Circo da F1, juntos nunca estiveram.
São estas as incógnitas:
-Será que MAX/REDBULL continuam imbatíveis? se sim nada mudara!
-Quem pilotara a mercedinha vaga ano que vem? são muitas opções mesmo e tem o efeito cascata pode surgir varias mudanças nos demais times embora só 3 no momento tem competitividade…..
-E a Ferrari continuara péssima? se sim nada mUdará, ela já teve SEBASTIAN VETTEL, Fernando Alonso e Charles/Carlos não são exatamente ruins
-E a mercedes vai ou não vai?
É isso aí!

O crítico
O crítico
Reply to  O crítico
5 meses atrás

Esse fake de bosta é o antigo sullivan. Por favor, tirem esse imbecil de circulação aqui.

Markonikov
Markonikov
Reply to  O crítico
5 meses atrás

Cara tá usando meu nome também… que povo doente, tudo gado do uol

Chupez Alonso
Chupez Alonso
5 meses atrás

Essa transferência do Hamilton pra Ferrari, após um contrato recém assinado com a Mercedes, é muito estranha, tão estranha quanto se o Pelé resolvesse se aposentar no Corinthians.

IMG_0209.jpeg
Markonikov
Markonikov
Reply to  Chupez Alonso
5 meses atrás

Tá se mordendo né kkkkkkkk ganhar títulos com 25 anos é fácil, quero ver com 40 …

Chupez Alonso
Chupez Alonso
Reply to  Markonikov
5 meses atrás

Também acho!

Também quero ver!

Rumo ao 8cta!

IMG_0244.jpeg
O crítico
O crítico
Reply to  Chupez Alonso
5 meses atrás

Inconformado, né, fase oral? lady baba tá preocupada.

Tales Bonato
Tales Bonato
5 meses atrás

Sou fã de primeira hora do Hamilton. Fui dos primeiros a apostar que ele, rockie, iria embolsar o Super Alonso em 2007. E a sequência mostrou o quanto ele foi diferenciado. Lamento muito ele ter perdido “de bobeira” o campeonato de 2007. Seria octa e o único campeão da F1 no ano de estréia.

Mas tem um ponto que não vejo entrar em discussão: na história da F1, além do Alonso algum outro piloto 40então teve desempenho de ponta? Suficiente para ganhar corridas e, principalmente, campeonatos? O quanto Hamilton já decaiu, com a idade, nas suas habilidades de sobre-humano?

Porque existe uma chance razoável dele fazer um papel parecido com o de Schumi na Mercedes 10/11/12. Tornar-se um embaixador, levar muita experiência e conhecimento para o time mas sem resultados expressivos.

Gostaria de estar errado.

A comparação de desempenho com o Leclerc dará uma medida parecida com a dupla Schumacher / Rosberg.

Last edited 5 meses atrás by Tales Bonato
Markonikov
Markonikov
Reply to  Tales Bonato
5 meses atrás

Fangio foi campeão com quase 50 …

Wagner Ribeiro
Wagner Ribeiro
5 meses atrás

O Hamilton e o Sainz passarão a partir de agora a receber o café frio e sem açucar.

Markonikov
Markonikov
Reply to  Wagner Ribeiro
5 meses atrás

Com certeza …

Sebastião Lucena
Sebastião Lucena
5 meses atrás

AQUI SE FAZ AQUI SE PAGUA!

Vamos Ver se o Luiz Hamilto consegue fazer a metade que o nosso brasileiro bravo FELIPE MASSA fez na Ferrari e teve seu título de 2008 roubado, surupiado. #MassaCampeão2008F1

Markonikov
Markonikov
Reply to  Sebastião Lucena
5 meses atrás

Ahhh gado, cala a boca

Charles
Charles
5 meses atrás

A Garganta Profunda Flávio foi fenomenal, que furo jornalístico. Agora reparem o símbolo da Ferrari (que por sinal é feio pra carayo!) é um cavalinho saltitante na cor preta . Luiz Hamilto já era bemvindo desde o início…. Certamente manterão a cor mas vão mudar para uma gazela saltitante. A Ferrari não é mais italiana tá na maõ de estrangeiros faz tempo.
E a Cabeça do Charlão Lhecerc como está?
E o Sainz que tá de aviso prévio?

Markonikov
Markonikov
Reply to  Charles
5 meses atrás

Homofobia é crime, seu fdp

paulo maia
paulo maia
5 meses atrás

Pode dar bom pro Drugovich. Se a Mercedes optar por um piloto experiente na dupla com Russell, só ttem o Alonso.

Charles
Charles
5 meses atrás

ESSE ANÚNCIO MUITO ANTECIPADO DE UM ANO É ESTRANHO E PROPOSITAL.
ALGO ATÉ PATÉTICO!
MAS NADA VAI MUDAR SE EM 2025 VERSTAPPEN AINDA ESTIVER VENCENDO TODAS !!!!!
 E ESTA É A GRANDE PROBABILIDADE!!!
ENTÃO PODEM SE ACALMAR.

O Crítico
O Crítico
5 meses atrás

Incrível os tempos modernos: Um preto piloto oficial da Ferrari!
Até ontem eles nem deixariam-o sentar-se no carro pra tirar uma foto e se ele encostasse a mão na lataria eles já iam lá passar uma flanela……
Muito bom ver isso
Agora podemos dizer que existe a cor Preto Ferrari !
E que se Mercedes já era agora também Ferrari é carro de Preto!
viva a igualdade.
Vamos Ver, pena que vai demorar

Markonikov
Markonikov
Reply to  O Crítico
5 meses atrás

Isso ae amigo … essa gadaiada racista está mordendo as costas

O crítico
O crítico
Reply to  Markonikov
5 meses atrás

Esse aí de cima é fake, covarde até em colocar ideias que são minhas, não dele. Procure mais acima que você entenderá como esse idiota pensa mesmo.

Alex
Alex
Reply to  O crítico
5 meses atrás

Mano, não é por nada… mas tu é chato heim? Pelamor…

O crítico
O crítico
Reply to  Alex
5 meses atrás

Sou chato mesmo, porque incomodo os idiotas que se manifestam por aqui. Crítico é pra isso mesmo. Enquanto houver besteiras proferidas estarei na ativa. Ainda mais com um retardado se passando pir mim.

Valdomiro
Reply to  O crítico
5 meses atrás

quer dizer que onde tiver besteira voce está…. entendi!

O crítico
O crítico
Reply to  Valdomiro
5 meses atrás

“Onde tiver besteira”. É por aí mesmo, amiguinho.

Cansei de Lero Lero
Cansei de Lero Lero
5 meses atrás

Timming é tudo.

Até ontem só se falava no veto da Liberty e equipes à Andretti. Como a F1 não tinha visão, como não empolgava, etc, etc, etc… repercussão negativa em todos os “trenddings”

Hj, só se fala no mercado de pilotos, como foi uma movimentação sensacional. “Chega logo 2025”

Todos esqueceram da Andretti.

A Liberty sabia da transferência do Hamilton para a Ferrari e acertou o momento da divulgação das informações do jeito que melhor lhe servia. Negócios são negócios.

Cansei de biro biro
Cansei de biro biro
Reply to  Cansei de Lero Lero
5 meses atrás

A Liberty sabia antes da Mercedes? Hahahahahahaha

Thiago Bosco
Thiago Bosco
5 meses atrás

Eu me atrevo a dizer (baseado totalmente em critérios pessoais) que essa mudança do Hamilton para a Ferrari salvou a F1, a audiência do ultimo ano dele na Mercedes fará muito bem para a categoria e trará pelo menos mais 2 anos de grande atenção do público em um possível 8º titulo e na volta da Ferrari a glória de conquistar um mundial.

Germano JS
Germano JS
5 meses atrás

Tá certo o Hamilton,sabe que contra um Verstappen no auge ele tem poucas chances de voltar a vencer algo.
Então é melhor receber todos os holofotes (ele adora), além de ganhar milhões de dólares. Será uma bela forma de se aposentar.

Germano JS
Germano JS
5 meses atrás

A parte do “melhor piloto de todos os tempos’ foi licença poética, espero.

Marcos Bassi
Marcos Bassi
Reply to  Germano JS
5 meses atrás

Licença poética ou não…eu concordo plenamente….

Jader
Jader
Reply to  Germano JS
5 meses atrás

Nos números/estatísticas, é sim o melhor de todos.

marcos de souza alencar
marcos de souza alencar
Reply to  Germano JS
5 meses atrás

N adianta chorar.. Max ainda n chegou lá, mas pode chegar.

O crítico
O crítico
Reply to  marcos de souza alencar
5 meses atrás

Com você?

Markonikov
Markonikov
Reply to  Germano JS
5 meses atrás

Se chupa gado … pula do prédio

Nico Rocha
Nico Rocha
5 meses atrás

Anotem: Monster Energy na Ferrari também…

Gus
Gus
5 meses atrás

E enquanto 2025 não chega, temos 2024 para acompanharmos uma transferência de natureza semelhante em termos de impacto: Marc Márques numa equipe satélite Ducati da MotoGP, fato inédito até então. Comece logo 2024!

Gus
Gus
5 meses atrás

Impossível não se entusiasmar com tal notícia! O piloto mais bem sucedido da F1 com a marca mais querida e respeitada. Que coragem têm o Hamilton, vai peitar o Leclerc que – apesar dos pesares – ainda é o dono do time, e não vai de modo algum facilitar a vida do britânico (vide Monza 2021). Grande notícia, Hamilton ainda queima! Não duvidaria que ele aceitaria uma vaga ao lado do sanguinário e robótico (combina?) Max na RED BULL, se surgisse a oportunidade…meus sinceros respeitos, a ele e a Ferrari. Terão a minha torcida.

Chupez Alonso
Chupez Alonso
5 meses atrás

Momento em que Hamilton liga para Toto Wolf e comunica sua saída da Mercedes.

Rumo ao 8cta!

IMG_0210.jpeg
Marcio
Marcio
5 meses atrás

Se a F1 estivesse na Globo, o narrador falaria:
Meu saudoso amigo Ayrton tinha o sonho de encerrar na Ferrari, e o Lewis, que é fã do meu saudoso amigo, está fazendo isso para homenagear meu saudoso amigo.
Lewis é Brasil
Toca o tema da vitória pro Lewis

O Crítico
Reply to  Marcio
5 meses atrás

E o Ayrton se retorcendo là no caixao com essa palhacada yoda

O crítico
O crítico
Reply to  O Crítico
5 meses atrás

Sai fora, fake!

sergio
sergio
5 meses atrás

Fui censurado? Eu só expliquei ao Critico, que provavelmente tem problemas cognitivos, que não sou “minion racista” ( sou mais negão) e nem citei ou elogiei.o piquet pai. Só me referi ao que estava escrito em uma camiseta que o filho usava. Se não foi por isso, foi porque eu falei da dupla dinamica que transmite os eventos?

Chupez Alonso
Chupez Alonso
5 meses atrás

O Russel já sabia!

Rumo ao 8cta!

IMG_0208.jpeg
Aguinaldo
Aguinaldo
5 meses atrás

Texto brilhante, isto sim eh saber noticiar um acontecimento.
Que venha logo 2025!

Paulo Dantas Fonseca
Paulo Dantas Fonseca
5 meses atrás

Gola profunda, estava curtindo uma ressaca danada, havia repetido o prato de lasanha e tomou uma dúzia de taças de vinho, acordou no sofá com o Giovanni lambendo a sua boca. A carga da bateria do celular estava baixa, e a caixa postal apontava quarenta e quatro chamadas. Após espetar o fio na tomada para carregar o celular , acionou o código da caixa postal , os primeiros recados em italiano com xingamentos quem havia vazado a informação do contrato de Lewis Hamilton com a FERRARI, para a temporada de 2025. já pelo vigésimo sexto recado apontava o número do celular de Totó , bravejando e dizendo que a notícia havia estragado o seu dia, digo, não estragou o ano 2024.
A temporada de 2024 será de Max.
A temporada de 2025 será diferente.

Carlos
Carlos
5 meses atrás

Claro que, envolvendo duas equipes icônicas e o piloto recordista de vitórias na categoria, a mudança gera muita atenção.

Mas pesa muito também a surpresa, dadas declarações midiáticas de amor de Hamilton pela Mercedes, mesmo nos anos sem vitórias. Por exemplo, na Austrália, em 2023: “Me sinto incrível, continuo a sentir-me muito em casa. É família. Eu me vejo com a Mercedes até meus últimos dias, para ser honesto. Se você olhar para as lendas, Sir Stirling Moss esteve com a Mercedes até o fim de seus dias”.

Se 2023 tivesse sido um ano repleto de troca de farpas (não me refiro às reclamações de rádio, que sempre existem) entre piloto e equipe, a reação do público não teria sido tão grande assim.

E que venha a temporada de 2024, mesmo com a expectativa de 2025.

Last edited 5 meses atrás by Carlos
Luciano
Luciano
Reply to  Carlos
5 meses atrás
  • “,,,com a Mercedes até meus últimos dias…” parece que alguém andou mentindo.
  • Será que que a Mercedes perdeu o Hamilto ou o Hamilto perdeu a Mercedes???, será que a Mercedes se livrou do Hamilton ou Hamilton se livrou da Mercedes??? que será que será que será…….
Afonso Muzzo
Afonso Muzzo
5 meses atrás

Flavinho, só uma eventual correção, no começo do texto “não é desde 2013”?

Cícero
Cícero
5 meses atrás

Bem que poderíamos pular essa temporada (24). Acredito que será uma cópia de 23, sendo assim…chega logo 2025.