MENU

sexta-feira, 3 de julho de 2009 - 12:50Colunas Grand Prix, Stock Car

COLUNA 1

SÃO PAULO (tem TV, parece) – Reginaldo Leme fala sobre as mudanças no regulamento da Estoque em sua coluna de hoje. Está aqui, para ler e comentar.

20 comentários

  1. Jozesinho disse:

    Entre as 3 melhores ja eh demais, talvez entre as 5 mehores vai

  2. Capitão Nascimento disse:

    Seu Reginaldo Leme, o senhor é um fanfarrão!
    Tu é muleque!
    Pede pra sai!

  3. Harlan Rodrigo disse:

    O que é que vc acha Flávio, sobre essa afirmação do Reginaldo de que a Stock está incontestavelmente (não sei se ele usou essa palavra) entre as 3 melhores categorias de turismo do mundo?

    RESPOSTA DO FG:

    Eu acho que não está nem entre as três melhores de São Paulo.

  4. MSM disse:

    Sou contra a ter reabastecimento em corrida de Turismo, mas essa mudança na regra é melhor do que a anterior. Agora todas as equipes vão ter que fazer uma melhor estratégia, e, também um pouco de sorte, para fazer o pit stop no momento mais adequado.
    Quanto aos pneus será interessante os carros de trás com pneus melhores que os da frente, vai ter uma “pressão” do pessoal que vem atrás.

  5. Alessandro Alves disse:

    Infelizmente o Reginaldo Leme está ficando ‘velhinho’ e ‘gaga’. Dizer que a Stock no Brasil e umas das 3 maiores categorias de turismo é forçar (em muito) a barra, pois para mim é uma categoria ‘enganação’.
    É tão importante que a Globo transmite somente 10 minutos de corrida. Ah, por favor!!!
    E concordo com o Fernando. O programa de dele no SportTV, que deveria ser uma chamariz para aqueles que gostam de automobilismo, é apenas mais um na programação, não trazendo nada de ‘relevante’ para aqueles que acompanham de perto o automobilismo em geral.

  6. Milton disse:

    Bom, aparte tudo isso que o RL falou, eu acho o seguinte:

    Meu, mas como mexem nos regulamentos da Estoque, hein?
    parece que nunca estão satisfeitos… é” mais uma regrinha aqui, mais uma emendinha ali, uma diferencinha acolá”…afe maria…

    E isso porque, equipamento por equipamento, são todos iguais… imagina o quanto os “regulamentadores” iriam patinar se tivessem que lidar com carros diferentes, como, por exemplo é hoje na F-Truck, ou até mesmo na Classic Cup… aiaiaiaiai…

  7. Fernando Kesnault disse:

    Estou com o Roberto Martinez, o Reginaldo Leme por estar a muito tempo na companhia do Galvão Bueno, ficou um bozó de verdade. E o programa dele na SporTV?? Fico a esperar uma melhora, mas ele só fala de f-1 e do mesmo assunto em todos os programas, é muito enfadonho e entediante. Pra´falar que a Stock está entre as 3 melhores cat. turismo deve estar a ganhar uma “graninha” ou então realmente não esta a entender de nada de automobilismo nestes anos todos e é um “tapadão”.

  8. Luiz Fernando disse:

    Reginaldo pelo jeito anda bebendo na caneca de Galvão Bueno. Minha opinião vai ao encontro da dos demais comentários neste blog. Se o cara considera a Stock entre as três no mundo (deve ser a terceira, senão ele teria dito ‘entre as duas’ ou a primeira), qual o critério da “eleição”? E mais: se o cara é jornalista, que tal citar a fonte da informação?
    Parece que Reginaldo desconsidera todo o seu passado, no qual acredito que tenha visto corridas e categorias das mais memoráveis.
    Seguindo o rumo atual, logo estará escrevendo livros à la Lemyr Martins.
    Diria até que o atual trabalho do jornalista global não combina com o contexto do http://www.grandepremio.com.br.

  9. E eu que fiquei esperando a coluna para ler isso.”…Uma das três mais importantes categorias de carros de turismo do mundo …” … que tristeza!!!! Tempo perdido.

    Obs.: vale lembrar que os comentarios dele sobre Fórmula 1 são bem mais pertinentes e em sua maioria valem a espera pela Coluna que já leio a anos.

  10. Nestor 2T disse:

    Respeito muito o Reginaldo. Mas ele poderia respeitar sua própria biografia e ser menos chapa-branca (ou chapabranca?). Para ficar no mesmo sítio e ler a realidade da Estoque, Flávio, coloca no ar novamente aquela coluna do Ingo quando ele conta o que rolou e porque rolou quando sairam dos Omegas para as “bolhas”.

  11. regi nat rock disse:

    Xará, pisou na bola, ou no freio ou na embreagem.
    Fica cada vez mais dificil levar a sério suas colunas, opiniões e que tais.
    Lamentável, para dizer o mínimo.

  12. Wagner Brasília disse:

    Olha acho até que podemos retirar a NASCAR, mas mesmo assim ainda sobram DTM, WTCC, V8 australiana, Turismo inglês, TC2000 e por aí vai.
    Gosto do RL, mas estou começando a ficar bolado com esta defesa que ele faz da Stoque.
    Tenho uma sugestão para tí FG.
    Que tal o Mi Bueno tecer comentários sobre as colunas, seria impagável.

  13. Paulo K. disse:

    Comentario ufanista e infeliz do Reginaldo. Nascar, DTM, WTCC, V8 Australiana são campeonatos de prestigio internacional e que podem ser vistos aqui no Brasil pela TV. A Stock nem é transmitida na integra por aqui.

  14. Nelson disse:

    Deixa o cara trabalhar, gente. Falou pouco mas disse tudo. A stock é tudo de bom. Tem o Cacá, o Popó, o Nonô e o Bobo da Corte. Esse último também atende por “telespectador”, da rede bobo, lógico.

  15. Maurício Freitas disse:

    É tão importante a categoria que a Globo, detentora dos direitos de televisioamento, não a transmite.

    Reginaldo, Reginaldo, não nos substime…

  16. Maurício MV. disse:

    É triste ouvir alguém com tanta kilometragem no mundo do automobilismo dizer tal absurdo (uma das três mais importantes categorias). Escrevendo tamanha bobagem periga perder,aos poucos,o conceito que tem com os fãs do esporte.

  17. Geraldo disse:

    Só pelo preâmbulo já se percebe a “enganation” …. “Uma das três mais importantes categorias de carros de turismo do mundo …” O Regi forçou a barra …. Mas, fico com o comentário do Arnold … Se não gosta, não leia ….

  18. Mark Kweirotz disse:

    “Já considerada uma das três mais importantes categorias de carros de turismo do mundo graças ao nível de equipes, pilotos e organização, a Stock Car brasileira… ”

    Eu li essa coluna hoje cedo no Estado e parei quando me deparei com essa afirmação.

    Sempre tive muito respeito pelo Reginaldo Leme, sempre o achei um contraponto menos afetado ao “pachequismo-pedantismo-bozó*” do Galvão Bueno. Sempre assistia ao programa dele nas terças e quintas no Sportv.

    Desde que ele começou a afirmar coisas como essas da frase que destaquei acima, passei a vê-lo de forma diferente. Assim ele subestima a todas as pessoas que tem um mínimo de cultura de automobilismo.

    Imagino que ele considere as seguintes categorias de turismo como mais importantes: Nascar, DTM e Stock Car Brasil (talvez não nessa ordem). Ele desconsidera a TC 2000 argentina, a V8 Supercars australiana e por aí vai.

    Prezado Reginaldo Leme, com todo respeito, saiba que nós, fãs de automobilismo, sabemos muito bem quais são as categorias de turismo mais importantes do mundo.

    A Stock Car pode ter sua importância, mas não passa de uma categoria de equipamentos padrão e com motorização de origem obscura. Um teatro que visa levar os mais incautos ao erro de crer que realmente existe participação das montadoras no desenvolvimento dos carros.

    O que mais me aborrece é isso: parece que a emissora oficial da categoria precisa se aproveitar de um eventual desconhecimento dos telespectadores como porta de entrada para plantar seu ponto de vista e suas verdades.

    A Rede Globo parece achar que seus telespectadores são idiotas, fato que parece ter sido comfirmado pela opinião do aprentador do principal jornal da emissora que, em uma visita que nove professores universitários fizeram à Globo no dia 23/11/2005, comparou o telespectador do Jornal Nacional ao personagem Homer Simpson: “O telespectador do jornal é como Homer, segundo Bonner, porque teria dificuldade de ‘entender notícias complexas e pouca familiaridade com siglas como BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social)’”

    Parece que o Reginaldo Leme, profissional que aprendi a respeitar, decidiu se alinhar com o modo de agir de seus empregadores, utilizando suas manifestações para propalar informações que não correspondem à verdade, ou que, no mínimo, são subjetivas.

    Seria mais condizente com um jornalista de grande reputação como ele é, escrever “na minha opinião a Stock é uma das maiores do mundo”.

    Dizer que “É” a categoria mais importante é tomar emprestada a opinião alheia e dizer que ela se coaduna com a sua.

    Dizer “É” é afirmar que todos concordam com sua verdade, e, isso, no mínimo, soa pretensioso.

    Da próxima vez que for fazer uma afirmação assim, deixe claro que é sua opinião e diga também qual o embasamento de que se utiliza para afirmar o que afirma. O papel de “impositor de verdades” não lhe cai bem.

    —-

    * Para os mais jovens, que eventualmente desconheçam, Bozó era um personagem criado por Chico Anysio que se vangloriava por ser funcionário da Rede Globo.
    Achava que, por causa disso, todos deviam concordar com ele e lhe estender tapete vermelho.
    Seu bordão era: “Eu, eu trabalho na Globo, tá legal!?”

  19. Roberto Martinez disse:

    Respeito o Reginaldo, mas discordo totalmente com a classificação entre as três melhores. Sem contar os fórmulas e protótipos, além da NASCAR , que acho um caso a parte, temos:
    - DTM
    - FIA GT
    - V8 Super Cars Australiano
    - WTCC
    - BTCC
    - TC2000- argentino. Isso mesmo, arrepia até de escrever, mas é verdade.
    - TOP RACE – Idem anterior

  20. arnold disse:

    reginaldo leme stock car nem leio!! desculpa regi….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>