MENU

quinta-feira, 31 de janeiro de 2013 - 13:02F-1

RAZIA LÁ

razialaSÃO PAULO (Bahia também) – Luiz Razia, vice-campeão da GP2, baiano arretado, fechou com a Marussia e será companheiro de Max Chilton na única dupla 100% estreante de 2013. Pelas contas do amigo Rodrigo Mattar, será o 30° brasileiro a largar em um GP na história. A equipe não é novidade para ele. Em 2010, quando estreou como Virgin, o time o tinha em seus quadros como piloto-reserva (foto). Depois, Razia vestiu uniforme da Lotus verde, também, e chegou a participar de treinos livres em fim de semana de GP na China e no Brasil, em 2011. No ano passado, participou dos testes de novatos pela Force India e pela Toro Rosso.

Campeão sul-americano de F-3 em 2006, há sete anos Razia exerce intensa atividade em categorias internacionais, como A1GP, F-3000, World Series e GP2. Sua melhor temporada, sem dúvida, foi a passada com o vice na série que antecede a F-1. Perdeu o título para Davide Valsecchi no final, mas foi ao pódio nove vezes e venceu quatro corridas.

Jovem, 23 anos, tem, portanto, uma boa experiência e um currículo bastante aceitável. É simpático, sorridente, bom de mídia e de microfone (fez várias participações em programas da Globo no ano passado, especialmente). Passei a prestar mais atenção no rapaz quando, em outubro de 2006, por conta própria, colocou um adesivo do meu site, o Grande Prêmio, em seu carro de F-3. Achei muito simpático. Tem a foto aqui. Não havia interesse algum envolvido. Ele, apenas, sempre foi leitor do site, fã da gente, essas coisas. Quando fechou com a Virgin, no fim de 2009, até brinquei que estávamos, finalmente, colocando nosso primeiro piloto na F-1.

O que sempre me intrigou nessa trajetória de Razia foi a ausência de patrocinadores pessoais. Tudo indica que os degraus foram sendo vencidos graças à fortuna de sua família. Não sei avaliar com precisão quanto foi gasto até chegar à F-1, mas não é segredo para ninguém que nas categorias menores, com raríssimas exceções, só se corre pagando. Esses treinos pela Force India e pela Toro Rosso, igualmente, não devem ter sido baratos. Em geral, os pilotos jovens obtêm suas vagas com patrocínios. As equipes vivem disso no mundo inteiro. No caso de Razia, nunca houve envolvimento de empresa alguma.

Esse cockpit deixado vago por Timo Glock na Marussia tem valor estimado em US$ 10 milhões. Um pouco mais, um pouco menos. Estamos tentando levantar, no Grande Prêmio, se há patrocinadores brasileiros que vão ajudá-lo. A própria assessoria do piloto se disse surpreendida hoje quando a informação foi veiculada pela primeira vez, na Sportv, e não soube nos informar.

Cumpre lembrar, porque é informação de domínio e interesse público, que a mãe de Razia, Ana Elizabete Vieira Santos, foi detida em dezembro de 2011 na operação Terra do Nunca da Polícia Federal, que investiga esquema de grilagem de terras em São Desidério, cidade próxima a Barreiras, no oeste da Bahia, onde ela era tabeliã. O caso ainda está na Justiça. Ela já havia sido condenada, segundo este link do Terra aí em cima, a mais de oito anos de prisão por falsificação do livro de protocolo de seu cartório.

Não sei de onde vem o dinheiro para a vaga de Razia na Marussia. Tomara que seja de grandes patrocinadores dispostos a apostar na carreira de um garoto que é rápido e obstinado nas pistas.

83 comentários

  1. Cristiano disse:

    Falando em escândalos, como que ficou aquele processo de trabalho escravo numa fazenda dos Senna na Bahia?

  2. Eduardo Britto disse:

    FG, admirável seu post, cheio de informações que não ficaram só no aspecto esportivo, mas nos brindou com lances que nenhuma outra mídia colocaria assim, na lata. Uma aula de destemor para jovens jornalistas, o que faz dessa atividade realmente uma “profissão arriscada”, para os que se atrevem. Valeu! ET.: você ficou me devendo uma resposta: o que houve com a Estadão-ESPN? Ou é assunto tabu pra você?

  3. Eduardo_SC disse:

    Razia só teria uma saída para reverter as acusações: colocar um “bode na sala” pilotando bem e ganhando corridas num futuro longínquo. Ser um novo herói para Brasil. Arriscado, porque é uma possibilidade remota e o que mais se ouve desse tipo de equipe são comentários de lamentação dos narradores durante a corrida.

  4. Jefferson fernando disse:

    Já sei quem bancou os testes e as temporadas dele até chegar na fórmula 1, como vc mesmo disse nunca houve patrocínio, mas a partir desse ano vai ser diferente, vamos ter um pool dos maiores fabricantes de máquina de lavar do país, brastemp, consul, eletrolux, para continuar a ajudar o garoto.

  5. Alex disse:

    Se for dinheiro sujo, que caia fora logo e não fique nem até o fim do ano. A gente sabe que F1 não é flor que se cheire. Deve haver historinhas de arrepiar ali, principalmente quanto aos patrocínios. Mas um coisa é achar, outra é saber de suspeitas diretas.

  6. Gerson disse:

    E se o cara daqui uns anos vai parar numa Lotus, ganha algumas corridas, a Globo elege o cara com “herói e ídolo” nacional…Esqueceremos do histórico familiar e do dinheiro (na hipótese de se confirmar) suspeito ou sujo que bancou seu início na F1????

    Todo “ídolo” patrocinado pela Globo vira ‘santo’.

    Alguns fazem até milagres…

  7. Luciano Saraiva disse:

    Flavio Gomes tem bolas!

  8. Rodrigo disse:

    Se a mãe dele foi condenada, ou está sendo investigada, que isso fique em nome dela, que ela responda por isso. Que ninguém condene o menino previamente. O que fizer na pista, vai ser na pista, que lá fique, que lá escreva sua história.

    Muitos daqueles que torcem o nariz agora dizendo que ele está na F1 por causa de dinheiro ilegal, rezam e vão À Missa todos os dias em igrejas recheadas de ouro roubado de colônias escravizadas ao longo dos séculos. Esses, não são culpados pelo ouro roubado; nem Razia, pelo “mãetrocínio”.

  9. Bira Martins disse:

    FG, bom texto e imparcial como sempre. Uma semana atrás eu estava viajando de moto de Barretos a Morrinhos – GO e num posto na cidade de Prata -MG, encontrei algumas pessoas de Barreiras – BA. Comentei sobre o Razia (antes do anuncio da F1) e pude perceber o quanto ele é querido por lá.
    Torço por ele.

  10. George McCrae disse:

    Vai precisar de um milagre para se firmar na F1 com boas apresentações num carro ruim para buscar algo melhor em 2014… Sei lá, mas tenho um pressentimento que o Razia terá um futuro promissor na F1…

    • Eduardo Melo disse:

      Por um lado é realmente difícil mostrar serviço, por outro lado a única pressão que ele terá é vencer o companheiro de equipe. Ninguém espera muito deste carro, mas se ele conquistar algum resultado surpreendente (talvez em função de quebras dos outros ou uma daquelas corridas malucas onde a chuva vem e vai) pode ser que consiga conquistar um espaço em uma equipe média, para depois almejar algo melhor.

  11. CARLOS disse:

    Caro Flávio,
    Você é bom (jornalista), mas neste artigo você foi mau.
    Se o cara é simpático, fez propaganda gratuita para seu site, e você o trata assim, o que fará ao inimigo??
    Fui…

    • Marcos Ferreira disse:

      Carlos,

      isso é que faz o Flavio bom, só por que o cara foi amigável colocando um adesivo do site no formula dele, não é por isso que ele vai esconder a noticia e a verdade.

      • Giovanni disse:

        Exatamente. Sabe o que mais me chateia? É que a opinião do Carlos é o retrato da opinião dos brasileiros: não se conta ou expõe os erros de fulano, só porque ele é simpático, amigável. Ridículo. O Flavio Gomes tá certíssimo em expor os fatos e a verdade, doa a quem doer.

      • Marcos Araujo disse:

        Onde estão os erros do Razia? Se a mãe dele cometeu falcatruas ele é culpado? ele escolheu nascer do ventre dela? Pelo que eu sei o pai dele tem muita grana proveniente da soja cultivada no oeste da Bahia.

      • Danilo Cândido disse:

        Marcos, a grana para bancar o Razia vem dos pais dele e das empresas da família. Ele sempre teve dificuldades de patrocínios.
        Por isso que a informação do Sr. Flavio estava correta…

      • Alex disse:

        Aqui está um típico representante dessa mentalidade imunda, historicamente entranhada nesse país de palmeiras e belas praias: se é meu amigo, se me tratou bem, se é meu “cupincha”, então eu devo me calar ante as suspeitas que recaem sobre ele. Sim, claro! E a missão do jornalista que vá para a PQP, não é? Até quando seremos um país bananão!?!?!

  12. Edu Bassan disse:

    FG, isso, é que eu chamo de queimar o filme… O piloto nem tirou o molde do banco e você já tostou o “coitado”…rsrs. Eu desconhecia essa história e agora, confesso que esse atleta perdeu minha empatia… Outra: se eu fosse patrocinar alguém, jamais associaria o nome de minha empresa ao de uma família suspeita de falcatruas. Vamos ver se um dia desses alguém tem coragem de interpelar o garoto sobre o espinhoso tema. (Revista Warm Up?…) Claro que da chapa-branca RG não se pode esperar nada…

  13. Daniel Grillo disse:

    Caro Flavio, se considerarmos Hernando da Silva Ramos brasileiro, Razia será “nosso” 31º representante… Forte abraço.

  14. EduardoRS disse:

    Eu sabia que o pai dele era fazendeiro grandão na Bahia, mas não sabia desse caso da mãe dele. Na real, são poucos os fazendeiros ricos no Nordeste e Centro-Oeste que não estejam metidos em algum tipo de rolo.

    Só vai gastar dinheiro andando lá atrás.

    • Alex disse:

      Beleza, Eduardo! Mas aumente o grau do binóculo e, principalmente, aponte para suas próprias planícies também. São poucos (quase nenhum) fazendeiro rico que não está metido em falcatruas, seja no nordeste, centro oeste, são paulo, rio de janeiro e os pampas do sul maravilha também. Aliás, nesse país, geralmente poucos são os ricos honestos, seja no campo ou na cidade. Ingenuidade a sua achar que é só no nordeste ou no centro oeste.

  15. Carlos Gabriel disse:

    Pelo que li seu pai é o maior produtor de suco de uva do Brasil…

  16. fernando duarte amaral disse:

    Quando entra essa estoria de familia rica, familia enrolada, nao se sabe de onde vem o dinheiro, acessoria nao sabe de nada etc etc, da ateh medo do resultado la na frente…

  17. Paulo Emilio disse:

    Rica e pobre Formula 1 atual ! Se o baiano não vingar como piloto poderá procurar o Bernie Ecclestone e mostrar o seu curiculo familiar ! Quem sabe em uns 10 anos ele não estará comandando a categoria ?

  18. Marcos Lima disse:

    Eu acho que depois desta, ele nunca mais vai pregar adesivo seu..

  19. Glauber disse:

    Sinceramente falando, sem qualquer pretensão de bancar o entendido ou o advinhador, quando abriu a vaga do Glock, achei que esta vaga seria do Razia.
    Sabemos que a equipe não é lá estas coisas. Não é mesmo. Mas o Charles Pic já demonstrou algum valor e já foi “promovido” a uma equipe melhor – a Caterham.
    Lembramos ainda o fato de que o Alonso começou na Marussia da época, chamada Minardi.
    Boa sorte a Razia, boa sorte a todos os estreantes.

  20. Marcelo disse:

    Esportivamente, perdi até o tesão em comentar, deixa eu adicionar mais essa filhadaputagem na lista abaixo, por causa disso continuamos com a Educação burra, Saúde doente e Segurança com muito medo!!!

    Lista de Escândalos políticos no Brasil que cobre fatos políticos marcantes chamados de escândalos, grandes investigações, leis controversas, e diversos. Os casos estão listados de acordo com a data do fato investigado ou acontecido.

    Anos 70
    Caso Lutfalla (1977)
    Caso Roberto Farina

    Anos 80
    Escândalo da Mandioca (1979 e 1981)
    Escândalo da Proconsult (1982)
    Caso Chiarelli (1988)

    Anos 90
    Caso Jorgina de Freitas
    Caso Edmundo Pinto (1992)
    Esquema PC Farias
    Caso Nilo Coelho
    Caso Eliseu Resende
    Caso Queiroz Galvão
    Caso Ney Maranhão
    CPI do Detran (em Santa Catarina)
    Escândalo dos Anões do Orçamento
    Caso Rubens Ricupero (também conhecido como “Escândalo da Parabólica”).
    Escândalo do Sivam
    Escândalo do Banestado
    Escândalo da Encol
    Escândalo da Mesbla
    Dossiê Cayman (ou Escândalo do Dossiê Cayman ou Escândalo do Dossiê Caribe)
    CPI do Banestado

    Década de 2000
    Caso Luís Estêvão
    Caso Toninho do PT
    Caso Celso Daniel
    Operação Anaconda
    Escândalo do Propinoduto
    Escândalo dos Bingos(ou Caso Waldomiro Diniz)
    Caso Kroll
    Escândalo dos Correios (Também conhecido como Caso Maurício Marinho)
    Escândalo do IRB
    Escândalo do Mensalão
    Mensalão mineiro
    Escândalo do Banco Santos
    Escândalo dos Fundos de Pensão
    Escândalo do Mensalinho
    Caso Escândalo da Quebra do Sigilo Bancário do Caseiro Francenildo)
    Escândalo das Sanguessugas (Inicialmente conhecida como Operação Sanguessuga e Escândalo das Ambulâncias)
    Operação Confraria
    Operação Dominó
    Operação Saúva
    Escândalo do Dossiê
    Escândalo da Renascer em Cristo
    Operação Hurricane (também conhecida Operação Furacão)
    Operação Navalha
    Operação Moeda Verde
    Caso Renan Calheiros ou Renangate
    Caso Joaquim Roriz (ou Operação Aquarela)
    Escândalo dos cartões corporativos
    Caso Bancoop
    Esquema de desvio de verbas no BNDES
    Máfia das CNH’s
    Caso Álvaro Lins, no Rio de Janeiro
    Operação Satiagraha ou Caso Daniel Dantas
    Escândalo das passagens aéreas
    Escândalo dos atos secretos
    Caso Gamecorp
    Escândalo dos Correios
    CPI das ONGs
    Operação Faktor
    A Privataria Tucana

    Década de 2010
    Caso Erenice Guerra
    Operação Terra do Nunca(2011)
    Caso Lutfalla(2012)

    http://pt.wikipedia.org/wiki/Anexo:Lista_de_esc%C3%A2ndalos_pol%C3%ADticos_no_Brasil

    Mãe de piloto Luiz Razia está entre os presos na operação Terra do Nunca. Esquema lidava com aquisição de papéis públicos para grilagem de terras:
    http://www.correio24horas.com.br/noticias/detalhes/detalhes-2/artigo/mae-de-piloto-luiz-razia-esta-entre-os-presos-na-operacao-terra-do-nunca/

    Segundo informações de bastidores, Ana Elizabete(mãe do piloto), passou mal ao saber que seria presa e precisou ser levada ao hospital mais próximo. Ela é ex-tabeliã e vive na cidade de Barreiras.

    O iBahia entrou em contato com Ana Elizabete por telefone, mas conseguiu apenas falar com seu marido, cujo nome é o mesmo do piloto baiano, seu filho. Aparentando estar tranquilo, Luiz Razia disse que estava em casa enquanto sua mulher presta depoimento. Segundo ele, Ana Elizabete deixou se ser tabeliã há três anos e foi detida apenas para esclarecimentos. “Eu também devo ser chamado para depor. Mas está tudo tranquilo. Assim que acabar o depoimento dela, ela volta para casa”.

    Mas, de acordo com a assessoria da Polícia Civil, há sim um mandado de prisão preventiva contra Ana Elizabete. Ela somente será liberada se os investigadores acharem que ela prestou todos os esclarecimentos. Caso contrário, fica à disposição da justiça.

    ***Bom lembrar, Ana Elizabete, já cumpria em liberdade, pena de oito anos e dois meses de prisão por falsificação do livro de protocolo do cartório. Não tem santinho nessa história…

    BRASIL, TOMA VERGONHA NESSA CARA SAFADA!!!

  21. Mauro Kondo disse:

    É que lá na Bahia dinheiro dá em coqueiro.

    (pelo menos nos coqueiros das áreas griladas dá)

  22. será melhor estar na F-1 para andar no fundão? ou ficar na GP2 disputando campeonatos? :-|

    • Aldo de Moura disse:

      Parece que não, mas o desempenho dos pilotos nas equipes nanicas é cuidadosamente observado pelos chefes de equipe do padock.

      Vide a surra que o Pic deu no Glock ano passado.
      Foi “promovido” para a Caterham que, teoricamente, é a menos pior das nanicas.

      Vale lembrar também que Webber e Alonso começaram na Minardi, uma das piores escuderias de sua época, ambos pelas maos de Flávio Briattori.

    • Ulisses disse:

      Um dos pilotos brasileiros mais inteligentes atualmente é o Farfus.
      Com a grana de que dispunha, foi conquistando o apoio da BMW conseguido (aparentemente) na raça, conquistou aos poucos o priviégio que é sentar em um daqueles “foguetes” de fábrica. Na minha opinião, vai disputar o título da DTM em 2013.

  23. charles disse:

    Tava bom demais pra ser verdade…

  24. leohora disse:

    Barreiras e região. Lá as terras são super valorizadas e a região é muito rica.
    Grilagem terras foi muito comum quando a nova fronteira agrícola da soja na região começou a ser explorada e pelo vista a prática ainda continua…
    As cidades da região são predominantemente ocupada por famílias que imigraram do sul do país, do Paraná e etc…. O que inclui a família do Razia.
    No link do Terra há também a informação de que o pai dele foi preso por porte de armas na mesma época…

    • Alex disse:

      Finalmente um comentário sensato.
      Barreiras e vizinhança são parte de um processo que assola a região central do Brasil: Tocantins, Goiás, Oeste da Bahia, Mato Grosso, etc. Agricultura e pecuária predatórias, grilagem de terras, corrupção de servidores e assassinato de pequenos agricultores, de índios e remanescentes quilombolas. É a expansão da nossa fronteira agrícola, tão lindamente cantada nas reportagens tendenciosas das redes globos da vida. E lá tem bandido que veio de tudo quanto lugar: Rio Grande do Sul, Paraná, Minas, São Paulo, Bahia e gringo, claro. Democracia total.

  25. Gustavo Oliveira disse:

    Concordo que é um ótimo piloto, mas Marussia é triste.

    O cara tem talento, experiência e vai jogar um ano de sua carreira no lixo, apenas pelo “prazer” de pilotar um carro de F1. Deveria fazer mais um ano de GP2 e em 2014 tentar um lugar melhor como Force India, Sauber ou Willians, onde poderia mostrar seu talento!

    Boa sorte ao menino, mas não espero nada mais que ficar entre os 4 ultimos do grid durante o ano todo! Desperdício de talento!

  26. Gerson disse:

    Me desculpe, mas ninguém “corre” nem “disputa” corrida ou campeonato de F1 em equipes como Marussia e HRT.

    Se o cara é talentoso, acho uma merda pra ele e uma prova (mais uma) que os pilotos brasileiros estão cada vez mais desvalorizados na hora de serem contratados para a F1.

    Fim de feira total.

  27. Estevão disse:

    Se entrou usando dinheiro duvidoso, que saia logo.
    Abs.

  28. Alex disse:

    Bem, é evidente que ele está chegando com dinheiro próprio. Pelo que vi ele possui patrocínios pequenos, devem estar abatendo alguma pequena porcentagem…

    Só espero que essa fortuna tenha sido acumulada de maneira legal

  29. Hermann disse:

    Espero que algum milagre ocorra na temporada e o Razia possa se destacar…

  30. Heitor disse:

    “- Sempre busquei representar meu país lá fora e levantar a bandeira do Brasil. Mas temos apenas investidores europeus nesse projeto e estamos ainda atrás de uma empresa brasileira para representar. E estamos encontrando muita resistência das empresas o que é frustrante, não acho legal.”

    Pelo menos é que ele disse para o http://globoesporte.globo.com/motor/formula-1/noticia/2013/01/luiz-razia-acerta-com-marussia-e-fara-sua-estreia-na-formula-1-em-2013.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>