MENU

terça-feira, 4 de novembro de 2014 - 18:07Corridas de clássicos

VENHAM, OPALÕES!

oldstock79

SÃO PAULO (por favor!)Foi em março que falamos aqui pela primeira vez da Old Stock Race, categoria que seria criada para colocar na pista de novo os Opalas da origem da Stock. Festejamos a ideia e ficamos todos ansiosos.

Bem, parece que a coisa andou, felizmente, e na quinta-feira vai ser realizado o lançamento oficial do campeonato. Reproduzo parte do release que recebi:

Na próxima quinta-feira (6), será realizado o lançamento oficial da Old Stock Race, categoria que trará a emoção de volta ao automobilismo brasileiro, com os famosos Opalões dos anos 70 e nomes como Paulo Gomes, primeiro campeão brasileiro da Stock Car (1979). O evento ocorrerá no Hotel Transamérica, zona sul de São Paulo, a partir das 19h30, com a presença de Emerson e Wilson Fittipaldi, Raul Boesel, Ingo Hoffmann, Bird Clemente e Chico Lameirão, entre outros ícones do esporte.

A nova categoria terá disputa nacional, com oito etapas, nas cidades de São Paulo (quatro), Goiânia, Curitiba, Cascavel e Porto Alegre (Tarumã). Serão duas baterias de 20 minutos por prova. O fechamento do calendário, que deverá ser divulgado até o final do ano, está na dependência da data de liberação do autódromo de Interlagos, que estará fechado até maio de 2015.

A produção dos carros, por sua vez, segue acelerada. Participarão Opalas com duas portas fabricados entre 1975 e 1979. Vinte exemplares estão sendo preparados e um deles é o de Paulo Gomes, que protagonizou “pegas” memoráveis na Stock Car e volta a competir depois de 10 anos longe das pistas. Além dele, nomes como Wilson Fittipaldi, Ingo Hoffmann e Chico Serra poderão participar, entre outros.

No comando da Old Stock Race estão Jorge Lemonias, o Gregão”, campeão da Stock Car Light em 1979 que estará de volta às pistas, Paulo Gomes e o ex-piloto e designer Paulo Soláriz, que cresceu nas pistas (ele também irá competir) e desde 2010 realiza a Velocult, exposição itinerante que promove o resgate e a preservação da história do automobilismo brasileiro.

Os carros, segundo as informações divulgadas, vão usar motores originais de seis cilindros com 290 hp de potência, além de freio a disco nas quatro rodas. Espero do fundo do coração que dê muito certo.  O carro da foto é o de Soláriz, que também desenhou e confeccionou os troféus do GP do Brasil de F-1.

Faço apenas uma pequena ressalva ao texto acima: a expressão “poderão participar” associada aos nomes de Wilsinho, Ingo e Chico. Vão por mim, meninos: somente mencionem pilotos famosos quando eles estiverem confirmados. A GT3, anos atrás, propagandeou que Piquet disputaria o campeonato. Ele nem chegou perto disso, e é claro que pegou muito mal.

Que os organizadores se empenhem em conseguir um bom grid. Depois, que façam as corridas. E que elas sejam espetaculares, como eram nos anos 70.

22 comentários

  1. Ednaldo disse:

    voce sabe se alguem vai transmitir na tv? please!

  2. Rafael Fernando disse:

    Caraca com sorriso de orelha a orelha aqui pela confirmação da etapa de Cascavel :), sou louco por Opalas inclusive ja tive um 78 e uma Caravan 79, e pretendo ter outro ainda, sempre fui mto frustrado por nao poder ter acompanhado a stock no tempo dos Opalões e nem ter assistido nenhuma etapa do Cascavel de Ouro q contava com Opalas, Dojões, Mavecos, Fuscas… e agora vou poder ver de perto os 6 canecos berrando na pista!!!!!

  3. Marcelo Pacheco #49 disse:

    Já comentei na pagina deles no face que acho tudo 10, mas as rodas 15 e com desenhos modernos não combinam com os carros de época, que usavam 14 e deveriam usar um modelo tbm retro e na verdade, Opalas “mais modernos” estáo sendo feitos mas frente e traseiras são retirados e recebem kits de fibra, conforme tenho acompanhado no Facebook da categoria.
    Tomara que de certo e que tenha o Ingo Hoffmann.

  4. Thiago disse:

    Nao nasci nessa época, mas gostaria MUITO de assistir um track day com esses opalões na pista.

    Sonho um dia!

  5. Duka disse:

    Espero que dê certo , Só não concordo com dirigente da CBA organizando categoria e se fosse faze-lo que fizesse então uma categoria escola !! ( Mas pra que nosso futuro no automobilismo mundial está garantido. Só que não)

  6. anacleto barros lima disse:

    imagina se volta todo aquele pessoal, paulao, ingo, fabio sotto, zeca e affonso giaffone, campello, gracia e luis pereira

  7. Ulisses disse:

    Espetacular!
    Ouso dizer que, se esses nomes todos forem confirmados, será espetáculo garantido, festa pura e terá muito público!
    Torçamos e oremos todos!

  8. GUS disse:

    Quase bom demais para ser verdade! Espero que tenham muito êxito, seria fantástico!!!!

  9. Dilor disse:

    Acho que não decola. Na época os opalas eram carros atuais para nossas ruas. Hoje são só lembranças. Acredito que criar uma categoria com carros modernos como peugeot 307, civic, subaru, focus entre outros, carros de mercado, que dirigimos e vemos usualmente, atrairia um novo público, não apenas os saudosistas.

  10. Mário Sérgio disse:

    CEREGATTI!!! cadê você ali na lista comendatore? FG lembrei do Ceregatti… muitas histórias de opala contada no farnel. Boa sorte a essa galera corajosa.

  11. Robertom disse:

    Para mim, é o automóvel mais importante da história das corridas no Brasil.
    Torço e espero que de certo!
    Mas como existe uma grande quantidade de espertos atuando no automobilismo nacional também fico preocupado.
    Com motor 6 cilindros (que é o que interessa), pelo menos aqui em SP, só poderia participar da “Força Livre Turismo B”, com alto nível de preparação e alto custo, enfrentando Omegas e correndo junto com categorias mais rápidas.
    Existiram muitos Opalas “de pista”, certamente alguns estão na “Arrancada”, uma parcela significativa virou sucata, mas ainda deve haver muitos entocados por aí.
    Na verdade este modelo (75-79) só foi utilizado na temporada de 1979 e neste ponto já acho que começou errado.
    Por serem mais fácil de achar, terem melhor aerodinâmica e por terem sido usados em 7 temporadas os modelos (80-86) seriam a melhor escolha.
    Dei uma olhada no esboço do regulamento e achei coerente, mas a porta ficou aberta para alguns “fornecedores exclusivos”, o que pode comprometer o Custo/Benefício da categoria.

  12. LucioSP disse:

    Bem…a única coisa a dizer eh ” taaaaca lhe pau””

  13. Zé Maria disse:

    Lindão. . .apesar da ausência das Scorro “Cruz de Malta”. . .será que não acham no “Mercado Livre” não. . .ou a própria fábrica dá uma força?
    Zé Maria

  14. Jonatas disse:

    Pinturaça desse Opala. Todo brancão, estilo táxi, super criativo esse Soláriz, hein?

  15. Jonny'O disse:

    E cuidado com a potencia…..cada 10 cv a mais é exponencialmente aumento de custos …..porque consome bem mais freios…pneus….suspensão….chassi…..espero que tenham juizo!

    E grid cheio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>