MENU

segunda-feira, 3 de agosto de 2015 - 18:08Automobilismo internacional

GUERRA À VISTA

SÃO PAULO (olha…) – Audi x Mercedes. A guerra está aberta no DTM, mas vai além daquilo que acontece na pista. Domingo, na Áustria, Timo Scheider, da Audi, deu um toque em Robert Wickens, que acertou Pascal Werhlein. Os dois pilotos da Mercedes foram para a brita e abandonaram. A briga era pela sexta posição.

Chovia, e tudo poderia ser interpretado com acidente de corrida, embora com possibilidade de punição (e Scheider foi desclassificado, realmente), não fosse um rádio levado ao ar com a voz do chefão da Audi, o lendário Wolfgang Ullrich. Em alemão, ouve-se algo como “tire eles da pista!”, no exato momento em que Scheider toca Wickens e este bate no companheiro, tirando os dois da pista.

Ullrich nega que estivesse falando pelo rádio com seu piloto. “Não falo com eles durante a corrida”, garantiu. “Não sabia que o rádio estava aberto e falei aquilo na adrenalina do momento, mas nunca dando instruções a Timo.”

Parece batom na cueca, mas dou crédito a Ullrich. É um cara respeitável, que tem uma história, especialmente em Le Mans, inatacável. Scheider justificou o toque dizendo que Wickens freou antes do que deveria — e o piloto da Mercedes admitiu que, naquelas condições, isso pode ter acontecido. Werhlein, no entanto, ficou puto dentro das calças e disse que o aconteceu foi muito óbvio. “Se a Audi quer ganhar o campeonato assim, quero apenas dizer que hoje eles começaram uma guerra.”

Mattias Ekström, da Audi, ganhou a prova, a segunda da rodada dupla, tirando a liderança de Pascal, que havia assumido a ponta no sábado.

Como disse, não acho que Ullrich iria dar uma ordem estapafúrdia como essa a um piloto, e também não acho que um piloto, num campeonato de alto nível como o DTM, faria algo assim. Mas, depois de Cingapura/2008, não duvido de nada.

27 comentários

  1. Andre disse:

    Ah!!! Tá!!! Se fosse o contrário creio que a opinião seria outra…

  2. marcos andre rj disse:

    Concordo com vc.

    Depois de singapura…

  3. Trapizomba disse:

    O video e’ bem claro. houve intencao clara de “jogar boliche” com os 2 da frente. E o audio logo antes? HA.

  4. Marcos José disse:

    Ah se fosse na F1…Pode ter certeza que isto não acabará bem para o campeonato do DTM se o “puto da vida” Pascal Wernlein vier perder o titulo no final do ano!!

  5. rodrigo tossato disse:

    Olha, o toque é claro e o audio da voz também…..não sei, acho que no calor do momento houve a ordem…e o Wolfgang estava desconfortável ao extremo na entrevista…

  6. Gustavo Oliveira disse:

    Com muita boa vontade dá para acreditar em uma sequencia de fatos infelizes: A lúdica ordem de Ulrich, a freada antecipada de Wickens e a o errro de Scheider. Mas, o vídeo é claríssimo, como já disseram aqui, o piloto da Audi executou a tarefa com precisão cirúrgica.

  7. José Brabham disse:

    O tom de voz não foi de uma frase dita como “reflexo” ditada pelo calor do momento. Parecia uma ordem mesmo… Mas não ouvi o “Timo”

  8. Gustavo disse:

    Dificil acreditar que foi sem querer a msg…..
    Mas mais dificil ainda, é o Audi ter errado a freada…..se tivesse na borracha….mas o Timo está totalmente fora da borracha…correndo naquelas condições desde a largada praticamente….foi intencional o toque…..

  9. Leonardo disse:

    Certeza que o toque foi devido ao comentário do chefe. Imagina o cara louco pra passar por cima dos que estão a frente e derrepente vem pelo rádio (detalhe que ele claramente diz TIMO) uma instrução para chutar as mercedes, com um respaldo desses até minha avó tinha tentado alguma coisa pra botar os carros da frente pra fora.

  10. Luiz Carlos Silva disse:

    Só sei de uma coisa. A “malandragem” foi executada com precisão cirúrgica!! Acho que nem arranhou o parachoque!!

  11. Nem achei tudo isso… Totalmente possível o Timo ter perdido o ponto de freada (estava sem visibilidade atrás do spray) além de que o da frente pode ter freado antes por causa da pista escorregadia e por estar brigando com o outro Mercedes.

    Na boa, pro chefe de equipe mandar uma ordem dessas literalmente nos tempos de hoje, com tudo gravado, ele teria que ser, no mínimo, uma anta… e uma anta não consegue ser diretor esportivo da Audi, podem ter certeza…

  12. Mauricio Maciel disse:

    Olhando o vídeo me parece proposital.

  13. fernando fernandes disse:

    Em outros esportes se fala “quebra ele” ou “mata ele”, mas nao quer dizer q se leve ao pe da letra a mensagem.

  14. Rafael Mafra disse:

    Vi ao vivo, também sou fã do Dtm. Timo Scheider foi campeão em 2008 e 2009, anda muito esse cara.

    A ultima “crise” que ocorreu na Dtm foi em 2007 quando Wolfgang mandou todos os carros sairem da pista em Barcelona em protesto a 3 toques que as Mercedes deram nos Audis. Depois as coisas ficaram bem com o bom diálogo de Norbert Haug.

    Fico torcendo muito para que isso acabe bem, com tanta coisa legal que tem na Dtm e acontece isso, é uma pena.

    Em 2002 o pega também foi grande vejam aí

    https://www.youtube.com/watch?t=12&v=6JD7pAXMB0I

  15. Marcos disse:

    Flavio, acho que você está esquecendo de uma treta semelhante entre as duas marcas em 2007, tempo que o Hakkinen corria pela Mercedes.

    Do que li a respeito do incidente, acho muito pouco provável não ter sido uma instrução deliberada.

    Até porque, complicado um cara nessa posição externar um desejo desses, não ?

  16. Rafael N. disse:

    Prefiro a explicação mais simples possível:

    - Timo, empurra eles!
    - pronto chefe.
    - Danke

  17. keniti disse:

    Assisti a corrida ao vivo (aliás, bandsports, se pagam pelo campeonato, tem que transmitir sábado em tempo real também) e antes do toque do Scheider, o Wickens o havia prendido para o companheiro Wehrlein, então líder do campeonato, passar pelos dois. Em suma: chumbo trocado.

  18. YEROSHA disse:

    Etá categoria bonita ,marcas,carros,circuitos,pegas ,ai que o Cacá deveria estar pelo menos o nível e outro.Agora pra mim esse W Ullrich estudou na mesma classe do Flávio Briatore .Atitudes como essa acho que são comuns em todos os esportes todos querem ganhar,o X da questão e quando é descoberta,quando vaza,ou seja crime perfeito, não se descobre.

  19. Celio Ferreira disse:

    Onde rola grana , seja o esporte que for , tem maracutáia ,

  20. Celso Okubaro disse:

    Tem que ser muito bom para fazer isto e a possibilidade de dar certo deve ser mínima. O comentário de Ullrich foi infeliz, mas em corrida, pode acontecer de tudo.

    Todos perderam, pois criou-se um clima desnecessário.

    E olha que os pilotos envolvidos encararam como um acidente de corrida, pois a pista estava bem traiçoeira.

  21. Eduardo disse:

    Maracutaias tem no automobilismo como em qualquer esporte mas ninguém chegaria a um posto tão alto dando ordens grosseiras,ordens como em Cingapura ou na Nascar a dois anos são dadas discretamente

  22. qwerty disse:

    Tem gente nos EUA achando tbm que ontem o Sage Karam da Chip Ganassi provocou uma bandeira amarela que ajudou muito o Dixon e prejudicou o Montoya.

  23. Paulo Fonseca disse:

    Prezado F&G : Baton na cueca KKKKK, foi engraçado,na verdade o cara disse com todas as letras som audível chuta pra fora ehehehehehehehehe………

  24. Tales Ramalho disse:

    Mais fácil convencer a esposa que a estava com a empregada na cama apenas conferindo se ela passou o lençol direitinho.

  25. Marques disse:

    Dá para ouvir claramente ele dizer “TIMO, coloque-o pra fora”. Ele diz o nome do piloto e vem com esse papinho de que não era uma ordem? Pode ter uma história bela em Lemans, mas cagou feio ontem.
    Espero que seja punido com rigor, assim como a Audi.

    • Tiago Oliveira disse:

      Tem que se esforcar muito pra acreditar que se diga isso pelo radio “por acidente e sem intencao de que seja uma ordem”.

      Quando teu chefe fala contigo “per du” e usa a forma imperativa, nao tem muita dúvida do que é pra fazer. A “sorte” foi pedir pra tirar 1 e levar 2.

      Ullrich cagou no poleiro e sentou em cima, e merecem punicoes pelo ato. Ullrich, Scheider e a Audi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>