MENU

quinta-feira, 8 de dezembro de 2005 - 11:51Automobilismo brasileiro

Medley fora das Mil Milhas

Acabo de saber que o Audi TT DTM dos Negrão está fora das Mil Milhas. Parece que seria preciso um lastro de 80 kg para adequar o carro ao regulamento. A equipe Medley argumenta que a estrutura poderia ser afetada e não vai colocar lastro algum.

Hummmmm… Posso estar redondamente enganado, mas 80 kg em lastro, bem distribuídos, não afetam carro algum no mundo. É como colocar uma pessoa a mais no banco do carona.

Os “medleyanos” vão querer me matar, mas estou achando que esse filme poderia se chamar “O medo do Audi diante do Jaguar”.

24 comentários

  1. Paulo Roberto Guedes disse:

    Eu acho que o Negrão amarelou. Será que ele queria outra moleza como o Campeonato Brasileiro de Endurance.

  2. Veberlei Gonçalves disse:

    o audi tt é um show, mas competir com essa mercedes dtm que está treinando em interlagos é sacanagem, com certeza se não quebrar vai dar mercedes na frente, e para os outros é férro, é férro.
    mercedes show

  3. André Buriti disse:

    Problemas estruturais? Se o carro sobreviveu a uma capotagem a 240km/h no fim do retão de Jacarepaguá como é que não pode aguentar 80 quilinhos de peso?
    Isso é aquela história “o medo de perder tira a vontade de ganhar”.

  4. Eduardo S SP disse:

    Link do Video do Aston Martin no Top Gear

    http://media.putfile.com/DBR968

  5. Ricardo Marx disse:

    Simples!!! 80Kg a mais vai fazer o Audi dos “Negão” gastar mais combustível.

    Ano passado o protótipo Z8 dos “Giaffone” bebia muito mais que o Audi dos “Negão” e mesmo assim liderou boa parte da corrida até quebrar. E olhe que o Audi dos “Negão” andava cerca de 30 minutos a mais que o protótipo Z8 dos Giaffone com a mesma janela pit stop.

  6. Bola disse:

    Na boa, essa desculpinha tá terrível hein. Qualquer engenheiro mecânico consegue distribuir os 80 kg no carro sem probelams de estrutura. Paga alguem pra arrumar isso!!! Se quiser passo meu telefone
    Isso tem cara de querer boicotar a reorganização da prova. Continuo afirmando pra correr tem de ter grana e organização mesmo!!!

  7. paulo aidar disse:

    pois eu aposto com quem quiser que o jaguar nao anda 500 milhas

  8. Dionei disse:

    Olha, eu acho também que não é Jaguar é o Aston Martin dos Piquet. Eu vi esse carro andando na mão do pessoal do programa TOP GEAR da BBC. Em um circuito pequeno que eles usam para comparar os carros. O Aston Martin – verde, sofisticado, potente (o motor soa como o de um F-1), e muito rápido -, andou em 1.07s, contra 1.18s de uma Macerati MC12, e .59s de um Renault F1 2004. O carro é um foguete…

  9. Pedro Leite disse:

    Sempre achei o Xandy Negrão um bundão. Taí a comprovação.
    Sem falar desse apelido duvidoso…

  10. Tuta disse:

    Gomes, cadê você? Eu vim aqui só pra te ler. Rise and shine!

  11. Eduardo S SP disse:

    – off topic –

    Só mesmo de V10 para Scuderia andar na frente nos testes, porque de V8 tão tomando mais de 1 segundo

    – –

  12. Anderson disse:

    Filinha pra ver se vai valer a pena eles nao competirem. Alias quem sabe se de ultima hora o pessoal da Medley correr e ganhar as mil milhas.

    É ver pra crer.

  13. Kadu disse:

    Flávio!!!

    EU QUERO MEIA CAIXA DE BOHÊMIA!!!!!

    Abração!!!

    Kadu

  14. Guilherme Corrêa disse:

    Orlando,

    Sou de Araraquara, moro em sampa desde 87, porém conheço bem a lenda de F1 aposentados na fazenda Fittipaldi….garanto a vc não existe nada por lá. Existiu no fim dos anos 70 o primeiro carro que hoje foi restaurado. Foi descoberto sabe-se lá como. Aliás o Emerson foi alertado faz uns 5 ou 6 anos sobre a existência de um F04 em frangalhos …disse que iria colocá-lo para nadar mas não mexeu uma palha. Na fazenda dele não existe nada. O que existe de interessante em Araraquara é um carro do Tite Catapani (um Super V dos 70´s).

    Abraço

    Guilherme Corrêa

  15. Aliandro Miranda disse:

    O motivo que alegaram, depois levaram o carro do Rubinho, era que “estava dando muita dor de cabeça”, segundo algumas pessoas que trabalham perto do galpão.

    Talvez depois da matéria o olho começou a crescer em cima e o pessoal do Piquet acordou!

  16. orlando disse:

    caro indiana: o Emerson Fitipaldi em sua fazenda no município de Araraquara, mantém autos de primeira linha de corrida, é o que dizem na cidade, parace que a Lotus
    preta encontra-se guardada, portanto, pista para o indiana. saudações orlando

  17. Giandro disse:

    Sim Eduardo, era o Warm Up. Foi o primeiro fórum de automobilismo que eu frequentei inclusive. O FG fechou por causa de uns arruaceiros. Mas a galera se reuniu o criou o Donwforce, o qual eu também faço parte hoje em dia. O FG foi camarada e quando o fórum entrou no ar ele colocou o link no site Grande Premio e tal, atitude bacana na minha opinião. O link do DF é http://www.downforce.com.br/forum

  18. Eduardo S SP disse:

    Gomes
    A uns 2 anos ou mais o GP teve um forum não teve ? Que fim levou ?

  19. Eduardo S SP disse:

    Gomes

    A Capuava Racing tá com um Mercedes DTM mais novo não está ?

    Sem contar o Aston Martin

  20. osawldo disse:

    Serei meio do contra: eu não gosto muito desse esquema de levantar vários ítens por dia num blog. A gente acaba perdendo o fio da meada. No formato antigo do blig a gente começava uma conversa e levava em frente por vários dias, até. Acho que poderia haver uma forma de manter o velho sistema de debates & bate-bocas e também de implantar esse modelo mais dinâmico.

    Voltando ao meu tema favorito dos últimos tempos: já imaginou alguém dizer diante do Piquet que houve empate técnico entre ele e Reutman ou ele e Prost? Porvavelmente a transmissão seria interrompida por atentado ao decoro público…

  21. Guilherme Corrêa disse:

    Flávio,

    Lembrei agora que te enviei uma bobagem faz uns 3 anos. era um texto muito do pretencioso onde eu descrevia as incríveis vitórias de Emerson e seu F5A (um carrinho Machbox amarelo que eu tinha) no alpendre da minha casa em Araraquara. Hoje meu sobrinho garante as vitórias do Rubinho no Playstation. Sintomático não é?

    Abraço

    Guilherme

  22. Gomes disse:

    Foi retirado algumas semanas depois por funcionários do Piquet, a quem o carro foi cedido pela Arisco, sua primeira proprietária. Parece que foi para o Rio.

  23. Guilherme Corrêa disse:

    Caro Flávio,

    Acompanho atentamente seu trabalho (sim eu lia/tenho o Boto do Reno). Audis TT a parte gostaria de saber qual foi o destino do carro do Rubinho que vc literalmente “descobriu” no programa Limite.

    Grande abraço
    Guilherme

  24. Eduardo S SP disse:

    Será que é só medo de Jaguar ou de Aston Martin

    Porque quem acompanhou as 24H de Mans sabe o quanto que os Aston Martin andaram, mais importante que isso, a constancia deles em andar rápido

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *