MENU

Thursday, 22 de December de 2005 - 17:43Kombi & cia.

The end

Não vou dizer o nome de quem mandou, porque o pai dele trabalha na VW. Mas eis o que saiu no jornalzinho interno ontem na fábrica de São Bernardo do Campo:

Marque esta data: 23 de dezembro de 2005. Nesse dia, será produzido na Anchieta a última Kombi com o motor mais popular da história da indústria automobilística: o boxer4, refrigerado a ar. Desde 1957, foram manufaturados artesanalmente 6.282.284 unidades desse motor no Brasil. O presidente Hans-Christian Maegner e o vece-presidente de Operações, Joerg Mueller, fizeram questão de se integrar nesta foto aos empregados cujas vidas fazem parte da historia do boxer.

Como disse o blogueiro, quanto cinismo… Matam e vão ao velório! Argh. Bem, acabou.

6 comentários

  1. Alain Prost says:

    Agora não há mais nada.

  2. Jason says:

    Ei… mas o motor refrigerado a ar continuará a ser fabricado por mais alguns anos pela Volks – inicialmente cem por mês, para reposição.

    O que parou de ser feito foi modelo da Volkswagen usando motor refrigerado a ar… Essa faixa tá errada!

  3. jones says:

    deveria todos carros ser fabricados assim e todos sentar perto juntos
    desculpe me o portugues

  4. joelson says:

    Isso tá com cara de ” O apocalipce da Kombi”, algem se recorda dos problemas que a antiga versão com radiador dava. É o retorno da incendiaria.

  5. Fábio k. says:

    Caramba, essa foto arrepia. O fim de uma era. “O motor mais popular da história da indústria automobilística”. Flávio, você tem razão, sinto muito, meu caro.

  6. Planeta says:

    Cinismo mesmo, lá, ou em outro lugar somos apenas um número qualquer!!! Não importa quantos anos de trabalho dedicamos, ele não se importam..

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *