MENU

quarta-feira, 6 de agosto de 2008 - 4:40Pequim 2008

POR QUE PEQUIM?

PEQUIM (estufado) – Eu estava na França em 2005, quando o Comitê Olímpico Internacional escolheu Londres como sede dos Jogos de 2012. Paris era cidade-candidata e considerada favorita por muita gente, porque o projeto dos organizadores era um dos mais bem elaborados de todos, com ênfase no meio-ambiente e na inserção do evento no dia-a-dia da cidade, sem grandes obras faraônicas e prevendo, por exemplo, que os deslocamentos do público e da imprensa seriam feitos majoritariamente a pé.

Os parisienses estavam confiantes na vitória e foram à praça que fica em frente à Prefeitura esperar pelo anúncio do COI, mas acabaram saindo frustrados. Fiquei triste pelos franceses. Os planos eram lindos e uma Olimpíada em Paris, convenhamos, não é algo de se desprezar. Londres ganhou com uma proposta bem diferente, de revitalizar uma área decrépita da cidade. Haverá um legado, pois, embora o custo seja muito mais alto.

O mesmo aconteceu em Barcelona em 1992. Estive na cidade um ano antes, quando a F-1 realizou sua primeira corrida em Montmeló. A capital catalã era um canteiro de obras e se transformou graças à Olimpíada. De cidade decadente e cheia de problemas, virou uma das mais belas da Europa, graças a um sólido projeto de reurbanização que não terminou com os Jogos, ao contrário — persiste até hoje, com planejamento e controle.

Pequim gastou os tubos para fazer esta Olimpíada, ergueu uma estrutura que não dá para reclamar, mas não é uma unanimidade. Não desperta grande simpatia de todos os participantes, apesar do esforço dos chineses em fazer tudo direitinho. Ontem, por exemplo, a equipe de ciclistas dos EUA desembarcou na cidade com máscaras negras sobre a boca e o nariz, num “protesto contra a poluição”. A poluição não se importou muito com as reclamações e continua por aqui.

E é o máximo que veremos em termos de protestos, porque as manifestações políticas, em geral ligadas à violência no Tibete, estão proibidas — os comitês olímpicos nacionais orientaram seus atletas a não meterem o bedelho na questão. Assim, a vilania chinesa fica reduzida à poluição, um pouquinho à censura na internet, e o resto que se dane.

A China, até outro dia — na minha escala de tempo, 20 anos são “outro dia” — era abominada pelo Ocdiente, por seu regime fechado, de desrespeito aos direitos humanos e tudo mais. Aí, deu uma guinada econômica, virou uma potência que cresce a taxas inacreditáveis e fez com que o mundo passasse a depender dela. Afinal, é um país de 1,3 bilhão de pessoas que precisa comprar muita coisa por aí afora para continuar crescendo. E, por isso mesmo, ninguém mais ousa criticar a China. De inimiga, virou parceira.

Não deixa de ser uma enorme hipocrisia. O mundo se curva ao poder econômico chinês e já não se importa se seu regime político não se encaixa naquilo que se convencionou chamar de democracia.

O Ocidente fechou definitivamente os olhos para os pecados chineses em troca de seu mercado de 1,3 bilhão de pessoas. E é por isso, só por isso, que Pequim foi escolhida sede dos Jogos de 2008. Não tem nada a ver com os belos olhinhos amendoados de seu povo, nem com o sorriso acolhedor de sua gente.

41 comentários

  1. Renata disse:

    Flávio,
    adorei o Blog super interessante
    Parabéns..
    e muito obrigado
    vc enriqueceu minha cultura

  2. Valmir Passos disse:

    Concordo com várias coisas FG. Porém, a violência e o desrespeito aos direitos humanos são características normais de regimes ditatorias, sejam de direita ou de esquerda. E nisso, a China é mestre. Maior potência econômica do planeta atualmente, porém, é um país de miseráveis. É também o país que mais polui atualmente, e o campeão na fabricação de produtos falsificados. Os que efetivamente tem um padrão de vida melhor são pouco mais de 200 milhões, incluindo obviamente os membros do “Partido” Comunista.
    Hipócrita a China, assim como são hipócritas os EUA, Cuba, e nosso presidente, achando que merecemos sediar uma Olimpíada.

  3. Carlos disse:

    parabens pelo blog

    A COI elegeu a China mesmo por causa do retorno financeiro.Existe muitas cidades que realmente mereciam sediar uma olimpiada. Não concordo da china,devido a falta de respeito aos direitos humanos e a liberdade de expressão,que mesmo aqui exista muitos problemas sociais,pelo menos nós temos liberdade!!!!

  4. daniel disse:

    se os paises que participam dessa olim-piadas do pateta
    deveriam boicotar geral esses chineses e americanos são piores que os nasistas são os caras que vão a cabar com o planeta ai talvez eles queiram se mudar para marte para destruir tudo por lá tambem !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  5. Ricardo Leite Lopes disse:

    O projetos deviam vir a frente da política.
    Eu moro no Rio e o Pan nos deixou como legado um condomínio de prédios, uma arena poliesportiva, uma reforma no complexo do Maracanã e o estádio do engenhão, um estádio de 1º mundo cercado de 3º mundo por todos os lados.
    Nenhuma obra de infraestrutura, nenhum centimetro de trilho de trem ou metrô, e de quebra ainda destruíram o autódromo.

  6. passoskis disse:

    Direitos humanos? qual o Pais que não viola os direitos humanos, direitos é relativo e as obrigações? a China fez por merecer saiu de um regime coletivo para o capital, é uma pena, olhe no que deu, maior economia do planeta e nós ocidentais? choramos miseria.

  7. Paulo Barros disse:

    Prá ser sincero estou de saco cheio com a China. O mundo inteiro quer fazer negócio com eles e fica essa hipocrisia, na qual ser sede dos jogos foi incluída.
    Os caras exploram mão de obra escrava de criancinha órfã, poluem mais que todo mundo, espancam e matam opositores, trucidam manifestantes no Tibet e o resto do mundo tem que fingir que não vê, prá transmitir o “maior evento esportivo da hitória”. Babaquice sem tamanho, vou assistir só porquê sou viciado em esportes, mas sinceramente, dane-se a China. Quero mais é que caia um meteoro em Pequim. Depois dos jogos, é claro….

  8. Jorge Almir Pedroso disse:

    FG, aqui em casa perguntamos todo dia: “Por que Pequim?” “Por que a China”. Um país de tiranos com verdades absolutas sobre seu povo (belo povo), onde está a maior quantidade de lixo tóxico do planeta! Os Jogos Olímpicos devem representar o galardão da liberdade! Tá, não sou tão ingênuo, sei que tudo se move por grana. Mas macular dessa forma a Olimpíada…realmente, tirou o tesão de assistir a tudo com o mesmo prazer. Abraços dos fãs, Jorge e Daniela

  9. Realista disse:

    As olimpiadas viraram uma forma das potencias demonstrarem poder e supremacia tecnologica, a questão humanitaria infelizmente foi esquecida, vejamos o caso do tibet e iraque.

  10. O VERDADEIRO disse:

    A CHINA ESTÁ FAZENDO A MAIOR FROTA DE INVASÃO DA HISTÓRIA,, VOCÊ ACHA QUE ELE ALIMENTAM O POVÃO COM AREIA DOS DESERTOS CHINESES?

  11. Jef disse:

    Todo mundo sabe, que assim como a antiga URSS, que trata-se de um país “Comunista”, e num país comunista assim como cuba, não existe democracia. Nas olimpiadas em moscou ninguém estranhou a falta democracia, porque então a perplexidade agora, ou é novidade a falta de liberdade na china? Ela nunca se propos a isto, e democracia não é critério para escolha de uma sede pelo COI.

  12. Jose Maria disse:

    A China continua a mesma, mantêm um regime maldito, com leis arbitrarias e desumanas. Tentam a todo custo ludibriar, a nós ocidentais, com falsas e mentirosas informações. O que vemos naquele país é algo ridículo, um povo escravo e miserável, com fachada de sorrisos fáceis, um autêntico teatro. Para se escolher Pequim como sede das Olimpíadas, houve, com certeza, interesses de toda sorte, que não, puro e simplesmente, dos esportes. – Os caras são os reis das falsificações, da pirataria universal e do desrespeito aos direito humanos e, mesmo assim, foram agraciados com essa oportunidade de sediar os Jogos Olímpicos, símbolos da paz e da ética, preceitos esses, não observados pelos seus fanáticos e arcaicos líderes/múmias/comunistas. O mundo retroagio ao nível mais baixo, tudo errado!!!

  13. Antonio disse:

    Eu acho este blog preconceituoso, demcracia como imaginamos, não é receita para felicidade e a China tem 4500 anos de Historia, enquanto os gregos estavam fundando suas cidades estado a China já era Potencia junto com o Egito.
    O que vcs é tem medo do futuro e o futuro é a China mandando no mundo economica e politicamente, é só questão de tempo.
    Como disse um Chines: A mil anos a China sabe que dominará o mundo.
    Então aproveitem a queda dos imperios Ocidentais e preparam-se para o nova Onda que vem da Ásia o novo Eixo do mundo dentro de 30 anos.

  14. Will disse:

    E pq o Rio de Janeiro foi escolhido para sede do PAN ???? e os pecados brasileiros ??? vamos olhar os nossos narizes tb…abç

  15. chauvet disse:

    Amigos, concordo com os comentários. É um absurdo ovacionarmos um país que literalmente joga crianças no lixo (conforme matéria feita pela Marie Claire americana há anos), espanca jornalistas, isola a Praça da “PAZ” Celestial, escraviza seus trabalhadores, mulheres e crianças, pirateia tudo e todos. O coitado do Barão de Coubertain deve estar rolando no túmulo: o ideal olímpico foi comprado. Mas SALVE AS OLIMPÍADAS E O ESPÍRITO OLÍMPICO !!!

  16. zezinho disse:

    é…

    qual será que seria o legado de uma olimpíada no rio?
    impulsão do turismo?

  17. PAULO MACHADO disse:

    NÃO IMPORTA ONDE FOSSE REALIZADOS OS JOGOS OLÍMPICOS,
    SEMPRE AVERÁ CRITICAS, ALGUMAS CONSTRUTIVAS E OUTRAS
    DESTRUTIVAS.
    CABE A NÓS BRASILEIROS “NÃO IMPERIALISTAS” TORCER PARA
    QUE TUDO OCORRA BÉM E QUE APÓS OS JOGOS TENHA ALGUMA
    EVOLUÇÃO POLÍTICA PARA O POVO CHINÊS.

  18. Excelente observação. Pensei até que ia ficar sozinho nessa, pois estou boicotando os jogos olímpicos este ano (não vou assistir a nada), pela primeira vez na minha vida.
    Como diria Nelson Rodrigues, este não é o fim da picada, mas de todas as picadas.
    Não sei se fico triste, atônito, embasbacado ou revoltado com o comportamento ovino do público e dos jornalistas com relação a tantas violações da dignidade humana.
    Quo vadis?

  19. Hugo Caldas disse:

    Exelente análise Flávio! Seu blog está sendo nossos olhos, nos fazendo enxergar além da opinião viciada da televisão. E na sua opinião eu confio, apesar de discordar em algumas questões políticas. Mas democracia é isso aí. Avante meu caro!

  20. Giovanni disse:

    Ué, mas não é isso que conta hoje em dia? Ganhar muito dinheiro, seja do jeito que for, para ser “melhor pessoa” que os que tem menos? A China está só seguindo a cartilha, e faturando alto com a hipocrisia do mundo ocidental.

    E por falar em hipocrisia, por que os atletas dos EUA não desembarcam na China vestidos como os prisioneiros de Guantânamo? Quem eles pensam que são para pôr o dedo na cara de quem quer que seja? Melhor mesmo é pensar só no esporte, e deixar a política para segundo plano…

  21. fabricio disse:

    o pais é deles,eles fazem o que eles quiserem;
    quem nao gostar simplesmente nao assiste e nem compra produto pirata na 25.

  22. Gilson disse:

    Pois é, o COI foi comprado e ai esta a Olimpiadas sendo realizada na china, país fechado, que não respeita os visitantes, como ocorreu com os jornalistas Japoneses,
    Jogos Olimpicos, tem que ser realizados em países literalmente democraticos e fim de papo.

  23. Paulo Pereira disse:

    Na teoria, os ideais olímpicos não compactuam com o modelo chinês de governo/ditadura. Na prática, reina a hipocrisia dos governos das demais nações – quando o politicamente correto seria não escolher Pequim e não enviar delegações para a China. Mas o dinheiro fala mais alto.

  24. fernando maloqueiro disse:

    chinês tem que ser tratado igual ao modo que tratam cachorros e outros animais, na base da paulada.

  25. Flávio Berto disse:

    Caro Flávio, é muito divertido ver como as pessoas continuam achando desculpas para atitudes hipócritas quando há um interessante benefício por traz de tudo.

    Hoje em dia continua sendo mais fácil justificar o injustificável com a boa e velha desculpa que todo mundo faz. Afinal, desde que não aprontem com a gente, não tem problema algum, certo?

    O grande mundo dos negócios continua e continuará se importando somente com as montanhas de cifrões, pois pra muita gente o que conta mesmo é cash in the box!

    Já que infelizmente não temos poder suficiente para modificar esse quadro, vamos torcer ao menos para que a grande parte dos atletas faça valer o tal espírito olímpico, que disputem os jogos de forma limpa, respeitem seus adversários e nos passem, ao menos por alguns dias, a sensação que ainda dá pra ver um pouco de luz no meio dessa poluição toda (literalmente falando … )

  26. valter disse:

    no seu comentario vc fale q a 20 anos a china nao era nada e hj
    realmente um potencia economica e tem muita gente nesse brasil q diz q o pais e jovem 500 anos………..
    valter

  27. Luiz Fernando A Pereira Jr disse:

    Flávio, na mesma data eu estava em Londres, onde a história também foi pitoresca: dias antes, haviam repercutido uma “entrevista” (off-tube) do presidente francês, dizendo que não se podia levar a sério um povo com comida tão ruim quanto os ingleses.

    No dia seguinte à escolha, os jornais britânicos estamparam uma propaganda com endereço certo, trazendo o símbolo olímpico e dizendo o seguinte:
    “Nós temos a pior comida. Mas temos as Olímpiadas”.

    Neste dia a cidade acordou muito bem humorada, mas, por incrível que pareça, foi dormir estarrecida: era 07 de julho de 2005, data em que Londres sofreu os ataques terroristas no metrô…

  28. Acarloz disse:

    Concordo, mas concordo mesmo !

  29. Carlos Miguez disse:

    É tudo verdade, e dou um exemplo.
    O filme “07 anos no Tibet”, famoso em metade do mundo e campeão de bilheteria, não passou em nenhuma das milhares de salas de cinema dos EUA por pressão do governo Norte-Americano. A razão: preocupação com a opinião pública na véspera do fechamento de importantes acordos comerciais, pois o filme mostrava os chineses invadindo o Tibet.

  30. Tuta disse:

    Ficou razoável esta tua acolherada de letras aí, viu, ô Goma.

  31. Jason disse:

    Americanos com máscaras de protesto contra a poluição?

    Ué… mas os EUA não são o país mais poluidor do mundo?

  32. HC disse:

    Deu no jornal aqui q os puliça chinês desceram a porrad.a em jornalistas japoneses q filmaram algo sobre o atentado q matou policiais.
    Vc poderia descobrir e escrever mais sobre o jornalismo na China. O q os jornalistas estrangeiros estão comentando sobre o tema? Afinal, o povo chinês tem acesso à alguma informação correta sobre as coisas chinesas? Os jornalistas tem medo? O ambiente é agradável ou hostil?

  33. DUKE disse:

    Mas e demais! Esses ciclistas americanos deviam ficar nas suas proprias casas, assistindo TV, comendo batatas fritas e tomando Coca-Cola e nao fazer protestinho para aparecerem! Ou nao sabiam aonde vao competir?!

  34. Nick B. disse:

    É isso aí, Fla.
    Money is money, não é mesmo?!
    Vamos varrer a sujeira para debaixo do tapete e vamos lucrar. É a máxima do mundo globalizado.

    Oh! Eles não sabem de nós! E os urubus continuam passeando a tarde inteira entre os girassóis. (Blitz – Bete Frígida).

    Abraços.

    Nick B.

  35. Tohmé disse:

    E escolha de Pequim foi obviamente política, devido ao potencial de consumo desse país.

    Estive em Londres, exatamente no bairro que tem o principal ginásio das olimpíadas de 2012 e está magnifico. As docas estão sendo transformadas em escritórios de publicidade, arquitetura, etc. Existe a estação de metrô e trem Excel, que na verdadade abrigará um Shopping Center. Coisa de 1º mundo.

  36. Ali disse:

    Entao estamos falando do diabo(china) contra a bondade(os anjos ocidentais). Esses anjos que defendem os direitos humanos e tudo mais…. Me desculpa Flavio, mas esperava mais de voce, ja o ocidente nunca mínima ao direitos humanos, pelo contrário, no último século mataram mais gente que todo o resto do mundo. Essa baboseira de direitos humanos mencionanda sempre foi a forma de pressão dos anjos(ocidentais) para que a china abrisse a porta do paraíso(1.3 bilhao de pessoas). E esse assunto de china vilã já ta parecendo folhetim da Veja, uma baboseira maior que a outra pra tentar iludir o mero leitor neutro que ainda acha que EUA, democracia e liberdade são sinônimos.

  37. Filipe Araújo disse:

    Isso prova que nenhuma das guerras travadas em nome da democracia e fianciadas pelo Tio Sam tiveram realmente a intenção de “libertar” um povo oprimido pelos seus tiranos.
    Incrível o que o poder econômico pode fazer.
    A máscara caiu. Se estiver dando lucro, o tipo de regime que se exploda! E com ele o seu povo e todas as agressões aos direitos humanos de que temos notícia.

  38. vivi disse:

    ah,eu me esqueci.

    estou adorando esse blog olímpico. parabéns

  39. vivi disse:

    eu amo os Jogos olímpicos, mas esse eu estou achando uma grande hipocrisia.

    Espírito olímpico lado a lado com sérias violações dos direitos humanos. O que fizeram com os jornalistas japoneses foi o cúmulo do absurdo. Espancaram os caras por duas horas dentro de um hotel.

    Como você mesmo disse: tudo em nome de 1,3 bilhão de consumidores……nojento demais

  40. Marcelim disse:

    Fg, Pequin foi escolhida há anos atrás, vencendo a disputa com Osaka. O COI alegou problemas de trânsito na cidade japonesa, se não estou enganado.

    Os investimentos e as obras em Osaka já estavam em andamento desde 1993 mais ou menos, embora todo o pacote para dar uma renascida na cidade começou em 1988, com a construção do aeroporto de Kansai, feito em uma ilha artificial e que custou algumas dezenas de bilhões de dólares.

    Os japoneses construíram outra ilha artificial com um complexo esportivo, um ginásio fantástico, o Osaka Dome, construíram várias linhas novas de metrô, tudo isso quase dez anos antes da olimpíada e alguns anos antes da escolha.

    Como a escolha de Nagano como sede dos jogos olímpicos de inverno de 1998 passou por acusações cabeludas, como suborno dos membros do COI, deve ter pesado para escolher Pequim, afinal ia pegar mal se uma sede japonesa vencesse de novo…

    Mas Tóquio está ai, competindo com o Rio e se depender apenas das qualificações, podemos desistir desde já. Mas como rola muita politicagem e sujeira na escolha das sedes, tudo é possível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>