MENU

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009 - 16:06Grande Prêmio, Stock Car

GRANDE RICARDINHO

SÃO PAULO (meu professor) – Ricardo Maurício, campeão da Stock Car, é o grande entrevistado desta semana no Grande Prêmio. A primeira parte do papo com Marcelo Ferronato está aqui. Ele fala sobre os anos de Europa, a importância das categorias de base (foi campeão da F-Ford brasileira) e o início na Stock.

Ricardinho (o diminutivo se aplica, ele tem a minha altura) foi, digamos assim, quem me deu a primeira chance de guiar alguma coisa rápida. Ele tinha 14 anos. Depois de ganhar mais um título no kart, me convidou para dar umas voltas na sua baratinha. Essa foto é daquele dia, em novembro de 1993. Não me esqueço nunca. Consegui capotar o kart dele em Interlagos! Ainda de cabeça para baixo, quando ele chegou correndo para ver o que tinha acontecido, eu não sabia nem como pedir desculpas. E o garoto, ainda um adolescente, me deu a lição: “O importante é que você está bem. Kart a gente compra outro. A vida é uma só!”. Pode?

Depois disso, acompanhei muito de perto sua carreira europeia, especialmente na F-3000. A Stock representou uma ressureição para ele, num momento em que as portas para os monopostos haviam se fechado.

A segunda parte vai ao ar amanhã. Não perca!

34 comentários

  1. Fulvio Oliveira disse:

    Parabens pro Ricardinho :) Nao sabia de sua vitoria na Stock.

    Meu avo tinha um bom pedaco da lateral do F-Ford dele: “Transcontinental FM 104.7”. Em… 1995? Lembro dele ir visitar a radio la em Mogi das Cruzes.

    Guardo com carinho a camiseta, adesivos e autografo.

  2. André Mello disse:

    Fala Flavio! Aqui é o André, chevette 56.

    Me conta mais sobre essa história do capotamento, realmente fazer isso com um kart é uma proeza das grandes!! rsrsrsrsrs…..

  3. Luis Fernando disse:

    Li a segunda parte da entrevista e achei que faltou o Ricardo falar sobre o episodio da saida dele da Katalogo Racing, acho que em 2004 ou 2005, quando o Fernando Parra quis amarrar ele com um contrato esquisito

  4. Renato Muller disse:

    Quando vi a foto pensei: “caramba, o que o Kimi Raikonnen está fazendo ao lado do Ricardo Mauricio?”. Acho que isso explica o motivo do acidente…

  5. Acarloz disse:

    Putz cara ! e voce crucificou o Ceregatti quando ele aparou a grama toda do kartodromo com aquele seu carrinho, lembra?

  6. Askjao disse:

    Mais uma pra lista das proezas que tenho que fazer antes de morrer.. capotar um kart. Sei que vai ser muito difícil, mas se precisar, vou pedir a sua ajuda FG…

  7. Christian Sartori disse:

    FG, tu é que nem eu, tinha cabelo e é abduzido por discos voadores enqto o carro capota e retorna com ele de ponta cabeça….kkkkkkkk

  8. Eric disse:

    Obrigado FG pela expilcação do capotamento.

    Acredito 100 % nessa sua versão…..afinal,capotar um kart requer um talento fora do normal.

  9. Pedro Paiva disse:

    FG, o correto de acordo com a nova deforma ortográfica é discovvoador e pontaccabeça…
    “Kart a gente compra outro e você paga”, acho que foi o que ele quis dizer.
    O Ricardo é muito talentoso. Pelo shape, achei que iria se dar muito bem nos monopostos na Europa, principalmente depois que entrou na equipe de formação de pilotos da Red Bull. Mas não deu, e ele voltou por cima. Mandou muito bem esse ano.

  10. Eduardo Cruz disse:

    Pô, legal que vc colocou sua foto pelo menos de capacete recebendo as instruções do Ricardo. Mas e aí, aquele cara que aparece abraçado com ele e parece com você, mas tem cabelo, é teu irmão que você levou junto pra ver o passeio??

    hahahahaha

  11. Ricardo Barbosa disse:

    Galera, capotar um kart é algo muito comum e acontece com frequencia em campeonatos disputados, mas comum mesmo quando se tem um outro piloto a sua frente e sua roda dianteira toca a traseira desse piloto a sua frente. Agora se não foi assim realmente gostaria de entender como capotou (pode ter errado a curva da balança, batido a lateral do kart na zebra e virado….resumindo……barbeiragem mesmo…rss) mas conta ai pra gente, pelo jeito todo mundo ficou curioso…

    RESPOSTA DO FG:

    Não lembro direito. Provavelmente estava rápido demais, como de costume. Mas as investigações na época concluíram que fui abduzido por um disco-voador (discovoador?) e não era eu que estava pilotando. Fui devolvido à Terra já de ponta-cabeça (pontacabeça?).

  12. jorge roberto alves pereira disse:

    Sou mais um querendo saber:

    Como conseguistes a proeza, o ato supremo, o ” capolavoro” de capotar um KART?!?!?!?!?!?!?! E na primeira vez?!?!?!?!?!?!?!

  13. Pé de Chumbo disse:

    Capotou um Kart?

    Putz…..

  14. CorredorX disse:

    Essa é do tempo que o Gomes tinha cabelo.

  15. Marcos Micheletti disse:

    Conheço dois sujeitos que capotaram karts. Um chamava-se Joaquim, ou outro, Manuel…

  16. HC disse:

    Na PRIMEIRA chance de guiar o kart o cara acha q vai quebrar o recorde do circuito e capota…
    É um bração mesmo!!!!

    Agora falando sério, aqui em Ctba um moleque morreu debaixo de um kart uma vez.

  17. Mauro Domingos disse:

    Baralho FG!!!! Como tu conseguiu capotar um kart??? hahahah ( Desculpe, mas não deu pra segurar a risada… )

  18. Cabra disse:

    Da série Grandes Frases que Não Foram Ditas:

    ““O importante é que você está bem. Kart VOCÊ compra outro. A vida é uma só!”

  19. disse:

    Vendo só FG, influenciou na carreira do moleque.

  20. Marcelo Giordano disse:

    Meu professor também!
    O Ricardo Maurício foi meu instrutor nas aulas práticas no Manzini
    Fiquei feliz por ele na conquista do título na stock.

  21. Guilherme Luccia disse:

    Conseguiu capotar um kart?

    Impressionante!!! rsrsrsr

    Abs,

  22. Anonimo R. disse:

    Hahaha.. realmente, muita habilidade!

  23. Chico Rulez! disse:

    Eu tenho uma amiga que capotou um Palio a 30km/h (subiu no meio fio e usou uma árvore como apoio, tenho inclusive fotos pra comprovar), mas capotar Kart eu nunca ouvi falar. Parabéns pelo feito histórico! hahahahaha

  24. Jonny'O disse:

    Putz !!!!Chorei de rir !

    Mas o melhor de tudo é quem passa pela vida e tem historias pra contar .Grande Flávio!

  25. Jonas disse:

    Então ele não cresceu mais da foto até hoje??

  26. Ainnem Agon disse:

    FG, discorra como foi essa capotagem de kart, em pelo menos 3 línguas (incluso o esperanto), com no mínimo 20 linhas, em caneta azul.

  27. kalil disse:

    Nesta epoca o seu telhado ainda tinha telhas né.

    A voz continua a mesma mais os cabelos quanta diferença

  28. Fábio Costa disse:

    Boa tarde a todos!!

    Grande FG!!, você ainda tinha cabelos nessa foto…
    Capotar um kart realmente é coisa fina (risos), coisa pra poucos.

    Abração!

  29. Daniel disse:

    olha, flávio gomes com cabelo ao vento hahahaha
    sem maldade

  30. Diretor disse:

    Capotar um kart? Pois é!

  31. Eric disse:

    FG….como vc consegiu capotar um kart???Conta aí vai…..machucou???

    O Ricardinho merece mesmo…gente fina esse cara.Nessa foto ele tinha 14 anos só….

  32. Cacete, chefe.
    Capotar um Kart, que proeza.
    Pra quem não sabe, o chassi desse trambolho é “feito” pra não capotar, é pra fazer curvas e zigue-zagues sem dó, desde que o pneu aguente, não escorregando!!!
    Deve ter dado uma barbeirada e usado uns pneuzinhos como rampa.
    Ou outro kart.

    Credo!

    E eu impressionado com sua batida no final da reta oposta, do lado contrário da curva!!!

  33. Al Unser Jr. disse:

    é muita habilidade… capotar um kart, não importa aonde! é algo impressionante!!!

  34. ALEX B. disse:

    Flavinho, entao tens influencia no campeonato do Mauricio?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *