COLUNA DO MEIO

SÃO PAULO (a última) – E, finalmente, o texto de Andre Jung pós-GP da Alemanha. Para ele, o “segundo tempo” da temporada vai ser duca. Aqui, ó.

Subscribe
Notify of
guest
3 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
leny
leny
12 anos atrás

Se eu nao to enganado, quase todos abandonos do Piquet foram por erros dele só. Pega todasas corridas do ano passado desde Australia eté no Brasil, q vergonha. Po se o carro é ruim terminar la atras se torna um resultado óbvio mas, ficar rodando saindo da pista coisas assim, po da licença arrumem outra desculpa vai. Q bom a MCLAREN voltou andar la na frente como é bom ver o HAMILTON pilotar

Lucius
Lucius
12 anos atrás

Massa tinha um padrinho forte, contrato com a Ferrari. A estréia na Sauber foi ruim, ficou só treinando, voltou e teve apoio para melhorar.
Piquet só leva porrada de todos os lados.

Conrado Andrade
Conrado Andrade
12 anos atrás

Excelente coluna. Mais uma, inclusive.
Sucinto nas idéias e realista nas palavras.

Massa realmente está em ascenção, desde que entrou na Ferrari em 2006 especialmente. Foi um brasileiro que passou poucas e boas, conseguiu dar a volta por cima, e não relaxou: continua em ascenção.

Até ano passado, mesmo sobrando em velocidade no campeonato – na minha humilde opinião – ele devia em duelos tanto ofensivamente quanto defensivamente. Hoje, andando no pelotão do meio, vem afinando esse ‘probleminha’ dele. É notável sua melhora.

Ele ‘contra’ a pista é excelente. Mas quando aparecia alguem no retrovisor ou na frente, ele caia muito de produção. Hoje, já não é mais assim. Muito legal mesmo! Massa conquistou minha torcida e não sou nada patriota. Torço pro Kimi, se me perguntarem, pois é o piloto que mais gosto.

Pelo que Nelsinho vem sofrendo na Renault, podem ter certeza de que ele sai calejado e absurdamente forte pra uma próxima temporada. Essa bagagem que ele está assimilando ao lado de uma equipe hostil e de Alonso, – caso ele tenha uma ‘sobrevida’ na F1 – vai ser extremamente útil pra se tornar um piloto fortissimo no futuro. Podem me cobrar depois, caso ela tenha essa chance.

NAP já se mostrou MUITO³ talentoso em duelos, desde seu ano de estréia – basta lembrar o ‘Olé’ que ele deu na Turquia, em cima de Button e Kovalainen; em cima das duas Toyotas no Canadá; segurando Hamilton e Kova, na França, enfim… – só está faltando um carro bom pro seu estilo de pilotagem.

Acho Piquet Jr. muito melhor que Pizzonia e todos os outros brasileiros “que não deram certo” – exceto Bernoldi – na F1. Piquet não tem feito nada de mal pro que o pessoal vem falando aí. Ele é frequentemente comparado em uma situação complicadíssima, desfavorável e injusta. E o pessoal fala com toda a propriedade de que ele é um piloto ruim que me deixa perplexo.

Não consigo é entender como Rubens ainda está aí… sinceramente… mas tudo bem… não é um mal piloto de fato. É um PÉSSIMO competidor.

abraços