MENU

segunda-feira, 31 de agosto de 2009 - 14:24Foto do dia

FOTO DO DIA

Mais uma de Brasília/1974, agora colorida, a arquitetura que é a marca da cidade lá atrás, os guard-rails nacionalistas em verde-amarelo… Um pouquinho de arqueologia.

15 comentários

  1. Ricardo Bigliazzi disse:

    O Emerson é espetacular!!!

    Essa, para mim, foi a Mclarem mais bonita…

    Era para o Emmo ser TRI ou TETRA-Campeão… o cara era muito bom, rápido e “poupador” de carro… um verdadeiro Mestre!!!

    Eu me lembro da prova e foi nesse ano que conheci Brasilia… lembro dos outdoors na cidade… só não me lembro se foi antes ou depois da corrida.

    Tempo bom… visita que fez Eu gostar de Brasilia e sempre ficar feliz ao voltar…

    Só sinto por uma coisa, nunca antes na historia do Pais os inquilinos foram tão quadrilheiros como a trupe que por lá vive nos dias atuais.

    Abraços

    Imperador.

  2. João disse:

    Não sei se é por que são os primeiros carros de corrida que eu me lembro de ver na vida, ou por que é um fato, mas seja como for, eles eram lindos! O design, na minha humilde opinião, perfeito.

  3. weider carvalho disse:

    os predios da asa norte no fundo,que maravilha !!!
    eu tinha 3 anos de idade em 1974.
    o barulho do motor era tão alto que quem mora va na asa sul,escultava os motores acelerando nas retas.
    meu pai falava.
    que brasilia com a população ainda pequena,mas que foi uma loucura para a cidade.uma prova dissofoi o RED BULL DAY 2008

  4. joir magno disse:

    eu acho que é amarelo e preto e foi uma corrida bem legal essa eu ví.

  5. ORLANDO C R BRANT disse:

    Não sei se voce conhece mas, mesmo assim vai a dica:
    Abra o site do FOTTUS, leve a pagina até o fim e clique no número 21. Voce vai encontrar belíssimas Cars and Girls (esta só com carros antigos);

    Larga o pé do Barrica, já tem muita gente metendo o pau. Geralmente gente que não sabe andar nem à pé e se acha; Atenção viuvinhas, Ayrton Senna NÃO vai reencarnar.

    Abraço, Tchau.

  6. disse:

    Que época, fizeram o GP Brasil e foram inaugurar Brasília.

  7. Rodrigo Vilas Boas disse:

    Cidade linda! Brasiliense com muito orgulho!

  8. Roberto Borges disse:

    Como os carros eram belos nesses tempos!
    Tinham personalidade própria. Não me lembro como foi a corrida, apenas alguns flashs me vem à memória, mas o restante da tropa que estava participando…embora esse tenha sido um ano de vacas magras de campeões na pista: só Hulme, Hill e o Fittipaldi, os dois anteriores no ocaso da carreira.

  9. FABIANO ROCCO disse:

    Flávio, foi uma semana que o Emerson fez barba e cabelo (tem hífen?), venceu o GP Oficial válido pelo Campeonato de 1974 em
    Interlagos no domingo dia 27 de Janeiro de 1974 e no domingo seguinte, 03 de Fevereiro de 1974 venceu a prova extra-campeonato em Brasília.
    Apesar dessas alegrias esportivas, acabou sendo uma semana trágica para o Brasil e a cidade de São Paulo em particular, com o incêndio do Edifício Joelma, na sexta-feira, 01 de Fevereiro de 1974, com 189 mortos, 5 dias após o GP de Interlagos e ante-véspera do GP extra-campeonato em Brasília.

  10. ALEX B. disse:

    Anos de “plunbum”, meu! LISARB ao maximo e ufanismo patetico!

  11. Roberto Martinez disse:

    Linda foto, Mclaren M23 do “velho” Rato…

  12. GERALDO CASSELLI JÚNIOR disse:

    Já comentei em um post anterior quando estive lá para assistir a prova . Me lembrei que o pessoal utilizava Dodginhos & Dodgões cedidas pela Chrysler . Parece que as montadoras não tiveram boa experiência com a cortezia . E após a corrida , os pneus utilizados ( e inutilizados ) mas identificados , foram levados a um depósito que era também escritório da Goodyear , na SIA (quem é de lá deve conhecer) . Naquele período , se deixava os pneus no local dos GPs . Hoje ao que eu saiba , êles levam embora e são mais cuidadosos no trato com os novos , pois conforme fotos da época , se via muitos pneus novos soltos e deformados . Será que o acidente de Mark Donahue em 1975 , mudou essa atitude ?

  13. Zalex disse:

    Freiando para a ‘bruxa’… hoje olhando desse ponto, os prédios fecham o fundo.

    Uma coisa que marcou nessa corrida em 74, foram as sessões de cinema no drive-in que existe até hoje dentro do autódromo.
    Lord Hesketh dono do carro que James Hunt pilotava era o mais animado, assistia as sessões sentado no châo, fora do carro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *