MENU

Monday, 7 de May de 2012 - 0:40Nas asas

VARIG, 85

SÃO PAULO (Varig, Varig, Varig) – O Denisson de Angelis nos lembra que hoje, dia 7 de maio, a Varig completa 85 anos. Bem ou mal, ela continua existindo. Na minha visão simplista de mundo, enquanto houver um avião com a rosa dos ventos na cauda, a Varig continua existindo. E ele nos manda esse comercial delicioso de… De quando mesmo? Um dos clássicos das propagandas da Varig, mais recente, daqueles que marcam um bordão, uma brincadeira, uma expressão.

Saudades de voar Varig…

23 comentários

  1. Ricardo Sandri says:

    Eu como apaixonado por carros, motos, barcos também amo aviação. Ao ver essa postagem me veio a mente outro comercial, o da VASP. Eu era criancinha e ficava vidrado na tv cantando junto essa música. Segue o link como sugestão para uma próxima postagem.

    Um abraço
    Ricardo Sandri

    http://www.youtube.com/watch?v=__1UJ5CBp10

  2. Rama says:

    Saudade da Varig, dos brindezinhos legais que davam para as crianças. Dos talheres de metal e desse puta espaço entre uma poltrona e outra que hoje só primeira classe tem, porque a executiva já deixou de existir faz tempo.

  3. Cardoso Filho says:

    Vijei ontem Sao Paulo – Salvador , sem saber desses 85 anos num avião VARIG. Acreditem ou não comentei com quem estava comigo que tem marcas que a gente aprende a gostar sem saber porque, e que sente falta delas quando não existem mais, e citei Varig, Mesbla, Mappin .
    Não houve nenhuma referencia da Gol, no voo, a esses 85 anos.

  4. morpetz says:

    Em tempo:
    A quebra da Varig pode ser colocado na conta do José Dirceu, correto?

  5. morpetz says:

    Minha primeira viagem de avião foi de Eletra II. SP-Rio-SP. Ida de Varig e volta de VASP.
    Depois voei muito de Varig antes de acabar (desculpe Gomes, mas para mim, acabou!) e no início da TAM, nos anos 90. Transbrasil e Vasp, nas suas longas agonias até sumirem, também.
    As refeições na Varig e na TAM eram sensacionais. O Cmte. Rolim chegou a carregar minha mala em Congonhas.
    Então derrubaram o WTC e a aviação mudou completamente. Para pior. Gol, Webjet, Latam e por aí vai.
    Hoje entro no avião torcendo para caber no ridículo espaço entre as poltronas, e para a viagem acabar logo.

  6. Ricardo Zeólito says:

    Quando esse comercial saiu eu tinha 5 anos… até hoje eu canto quando a viagem fica “amarrada”… seja de ônibus, carro, avião.

    “Pára um pouquinho, descansa um pouquinho…” rsss.

  7. José Brabham says:

    Ironia eh que este comercial foi feito para criticar a TAM, que hoje substituiu (?) a Varig como representante nacional nos céus mundo afora…

  8. José Brabham says:

    Hoje, chegando no Tom Jobim, vi um MD-11 cargueiro. Lembrei das vezes que voei num desses com as cores da Varig, e que a poltrona reclinava tanto que, da primeira vez que mudei a posição pensei até que estava quebrada… (depois soube que, perto do fim, a Varig mudou a configuração dos MD-11 e que nao estavam mais assim tão confortáveis).

    De qualquer forma, me dah saudades também…

  9. Gabriel says:

    Isso foi muito cruel Gomes. Anos tentando esquecer esta musiquinha grudenta! Só por isso irei lhe obrigar a escutar horas de músicas dos Mário Lúcio de Freitas (“Bananas de Pijamas / descendo as escadas”… ou “Fly Fly Fly quer a paz que o inimigo destrói”

  10. mario says:

    Todos os passageiros são brancos. E nenhum é negro.

  11. Lucas Giugno says:

    mais uma boa propaganda de cia aérea, no ritmo da final da champions league:
    http://www.youtube.com/watch?v=nRXSHLl5DvQ

  12. Mario Julio Machado says:

    Tambem sinto muita saudade da Varig, Principalmente, dos Electras. Meu avião predileto.
    Voei em todos os 14.
    Mas tambem é preciso lembrar que ela ficou grande depois de uma canetada dos militares e que passou a vida inteira sob o protecionismo. Só ela faturava em US$ e isso já lhe dava uma vantagem enorme sobre a Vasp e a Transbrasil. Acabou essa fase e ela não tinha preparo para sobreviver. Acho que foi a vingança da Panair do Brasil.
    De qualquer forma, sinto saudade. Bons tempos.

  13. Henrique says:

    Pior ataque do mundo, Pior ataque do mundo, Pior ataque do mundo, descansa um pouquinho, Sávio, Romário e Edmundo…

    • Coelho Ricochete says:

      Putz grila, é isso mesmo! Todo mundo zoava o Flamengo com essa musiquinha desse comercial da Varig. Portanto, esse comercial foi exibido entre 94-96, época em que o trio decepcionava. Lembro que o Romário chegou ao Flamengo depois do tetra de 94, Sávio já estava por lá (prata da casa) e Edmundo chegou pouco tempo depois. O momento mais marcante do Edmundo com a camisa do Flamengo foi o soco que ele tomou (e foi à nocaute) num jogo contra o Velez Sarsfield (acho que era a antiga Supercopa dos Campeões da Libertadores, hoje Copa Sul-Americana).

  14. Saudades de trabalhar na Varig. Único lugar que trabalhei onde via pessoas chegando bem cedinho na empresa com extrema satisfação de trabalhar todos os dias. Era uma grande empresa, uma “segunda Mãe”.

  15. Fernando says:

    Podemos obs. que o espaço entre as poltronas era bem maior que os de hoje, nesta época ainda existia uma certa preocupação com o conforto do passageiro, com os novos “conceitos” das empresas, reengenharias mirabolantes, viramos sardinhas em lata…….

    • Paulo says:

      Verdade Fernando, mas olha o que fizeram agora: Numa das últimas viagens que fiz peguei um 737 pintado com as cores da Varig (na verdade é da Gol), um voo Congonhas-Confins com uma distância entre poltronas que me fizeram sentir mal mesmo, sem frescura. Ainda tive o azar de pegar o assento do meio.

      • Calma, ao menos o plano é que a água continue gratuita na Gol (a barrinha só em trechos muito longos).

        Agora, você vai poder comprar outros itens pra comer. Mas desde que eles estejam disponíveis na aeronave, já que é comum você pedir, e vários não estarem lá. E claro, lembre-se de levar o dinheiro no valor certo, já que os comissários vão ficar reclamando de não ter troco.

        O Gomes sente falta da Varig, e eu já começo sentir falta da Gol que iniciou no setor com preços agressivos, e agora virou uma Tam Lado B.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *