ONE COMMENT

Muito, mas muito pior do que trapacear na emissão de poluentes, é ter colaborado com a ditadura, levando até operários à tortura. Os carros e os trabalhadores da Volkswagen merecem todo meu carinho e respeito. As pessoas que dirigiram a empresa nos anos de chumbo, nenhum.

faban70

Comentários

  • A Fiat foi condenada no Brasil em 1998 por fazer a mesma coisa nos Unos………Quanto à tortura dentro da fábrica de uns 20 mil funcionários à época, se a polícia chegasse lá, pegasse alguém e desse uns safanões lá dentro, a “Rádio Pião” não ia saber de nada?
    Fofoca e Fábrica são praticamente sinônimos…..

  • Pelo menos dois fatos abjetos marcam a história da VW: primeiro, a colaboração com a ditadura, relatado pelo Flavio e, em segundo, a própria gênese da empresa dentro do nazismo, tendo uma relação direta com o seu expoente maior, Adolf Hitler – fundador, junto com Porsche, da empresa. Nesta foto, vemos o fuhrer inaugurando a primeira fábrica, em Wolfsburg: http://imguol.com/blogs/40/files/2013/05/hitler.jpg
    Obviamente, os dois fatos não guardam nenhuma relação entre si. Atestam, apenas, que as manchas na história dessa empresa são tão ou mais infames do que suas trapaças reincidentes. A VW já usou esse expediente de fraudar testes de emissão no próprio EEUU em 1974, envolvendo 25.000 carros. Conclusão, a Volks, que já tinha motivos para se envergonhar do passado, agora, com 11 milhões de carros envolvidos no novo escândalo, também pode se envergonhar do seu presente.

  • Prezado Flavio Gomes, discordo da sua afirmação! Creio que seja muito pior trapacear na emissão de poluentes, do que ter colaborado com a ditadura, levando até operários à tortura.

    No evento da ditadura, apenas os trabalhadores eram castigados. No episódio de maquiar o nível de emissão de poluentes, todo mundo é prejudicado: homens, mulheres, idosos, crianças, bebês, os animais, o meio ambiente como um todo!

    Meu sinceros respeitos às pessoas que sofreram com a ditadura, mas uma empresa do porte da FezComVagem mentir sobre o quanto de poluentes está jogando em nossos pulmões é intoxicarmos como Adolf Hitler fez nas câmaras de gás!

    Já não gostava da FezComVagem antes deste escândalo! Agora detesto!!!

  • A VW, a Globo, quase todos os Bancos, a Mercedes, a Ford, a GM, colaboraram com a Ditadura. Thanks God! Estamos vendo hoje no país o que realmente esta gente desejava. O poder pelo poder e enriquecimento próprio. É a descrição perfeita dada por George Orwell no livro a revolução dos bichos, e todos sabemos que é o porco Napoleão desta história. O pior ela se repetiu várias vezes em vários países no Mundo durante o século passado.

  • Sinceramente acho um escândalo maior a demora na implantação no Brasil de motores que queimem diesel de forma mais limpa.
    De quando em quando aparece notícia, sem maiores repercussões, de quantos meses de vida a poluição, especialmente advinda da quiema do diesel, causa em cidades como São Paulo.
    Pior ´é que nesse caso, vai-se matando comunista, capitalista, nazista aos poucos.
    E nesse caso, nem é o caso de alguém mentindo. As fabricantes dizem que não implantam os motores limpos porque não tem diesel mais limpo. A produtora de diesel diz que não distribui o diesel melhor porque tem pouco caminhão que uso o diesel limpo. e assim se vai.
    Quando virmos no Brasil carros de passeio a diesel, como no caso atual da VW, então, seria um grande escândalo para nós.

    • Ué?!?! Brasileiro tem complexo de inferioridade nesta hora! A Petrobrás produz diesel S-10. Na Europa o diesel é S-8. Isto significa 10 e 8 partes por milhão de enxofre, respectivamente! Ou 10 e 8 ml de enxofre em 1.000 litros de diesel. A diferença de 2 ml em 1.000 litros não é justificativa para as montadoras.

      Ocorre que as características do petróleo extraído no Brasil (pouca fração de diesel) e a quantidade de veículos (transporte rodoviário com ônibus e caminhões) fazem com que haja falta de diesel; se colocar carro movido à diesel então, pode encarecer ou até faltar o produto para o transporte público ou de cargas.

      A legislação ambiental brasileira é uma das mais avançadas do mundo! às vezes, até mais restrita do que a européia. O grande problema do Brasil é a falta de fiscalização do cumprimento de tais leis e normas!

      E, sobre o escândalo, quem me garante que que os alemães da FezComVagem não fizeram também ônibus e caminhões com o mesmo programa? Só teriam que mudar os parâmetros, já que o combustível é o mesmo!

      Como diria o narrador: “Gol da Alemanha!” Só que desta vez, ou é gol contra ou foi fraudado e maquiado para parecer legal!!! Literalmente!!!

      E pensam que só brasileiro é que faz mutreta!!!

  • Da prisão e tortura nunca fiquei sabendo, é fato novo até pra quem trabalhou muitos anos lá dentro da fábrica em SBC
    Claro que, durante as greves (tartaruga, já cruzar totalmente os braços ainda era punível com demissão na época) houve tensões e coisas do tipo, mas esse segredo aí ficou bem guardado.

    Falando em tortura e II G.M., um caso embaraçoso foi a prisão do nazista que trabalhava na chefia de segurança em SBC. A fábrica quis abafar, mas a “rádio peão” foi mais eficiente…

  • Sem lógica esse “ON COMMENT”, se fosse por isso deveríamos odiar a Alfa Romeo que serviu ao Mussolini (Alfa Romeo 6C 2300B), ou à Mercedes do Hitler (MB 770 K), ou ainda, Ferrari, Porsche, Nissan, Lamborguini, que serviram à Sadan Russein.

  • Flávio! Admiro vc como jornalista esportivo mas quando se posiciona nestes assuntos fica tendencioso demais e acaba gerando uma série de comentários despropositados. É uma tremenda idiotice acusar a VW, Daimler ou qualquer outra indústria seja alemã, americana, japonesa ou de onde quer que seja com os esforços de guerra. Seria a mesma coisa que culpar a BOEING disso por causa do avião que levou a bomba atômica à Hiroshima. Liberdade de imprensa sim mas responsabilidade também. Fiat, GM e outras já foram indiciadas em fraudes, acusadas de crimes contra pessoas, assim com Firestone, a Goodyear e muitas outras empresas. A própria Johnson&Johnson sofre por causa do Tylenol adulterado por um maluco que queria se vingar da empresa. Cuidado ao apntar o dedo para alguém. Tem outros três apontando para vc!

  • Quase todas as marcas alemãs que hoje são idolatradas, especialmente no ramo automobilístico, colaboraram com o esforço de guerra alemão.
    Algo parecido pode ser dito em relação à marcas americanas e a detonação de bombas atômicas
    Isso se não se perguntar em que condições são fabricados os idolatrados I(ca)phones
    Se essas marcas superaram esses fatos, não vai ser uma fraude no Ibama americano que vai fazer a marca fechar as portas. Sim, vai perder dinheiro. Mas se fechar por conta disso é que humanidade vai ter finalmente dito que se importar mais com a liberação de gases tóxicos na atmosfera do que numa câmara fechada.

  • Judeus confinados em campos de concentração produziam peças para a Volkswagem em regime de trabalho escravo encarcerado, pagando propina a Hitler. A bem da verdade não foi só a Volkswagem que fez isso, mas várias empresas, hoje “respeitáveis empresas”. Vale uma pesquisa.
    Abs.

  • Belas palavras Flávio Gomes, e pensar que daquele regime nojento nasceu o maior grupo de comunicação do país se transformando no império que é hoje que dissemina o ódio nos seus jornais e afins. E sobre esse ódio, caro Flávio Gomes, cuidado ao sair às ruas com seus belos fuscas e auto unions de coleção, pois depois de escrever isso, você pode ser apedrejado, principalmente nas cidades do Rio de Janeiro e Niterói, pois o ódio da extrema direita tem chegado a níveis alarmantes, chego a dizer nunca antes visto entre os civis, nem na época dos horrorosos anos de chumbo. Qualquer um que pense diferente, ou melhor simplesmente pense, é taxado de muçulmano, judeu, espírita e o pior de todos na visão deles, comunista e comunista, na visão dessas pessoas, têm que morrer. As pessoas não podem nem mais sair com uma simples camisa vermelha que são alvos de comentários e zombarias. Em Niterói esse tipo de gente organizou grupos da kun kux klan e pregam cartazes na calada da noite, para a cidade amanhecer com estampas de ameaças à comunistas, gays, muçulmanos, negros e etc. A extrema direita nazi-fascista quer o poder a todo custo. Muito triste.

  • A VW contratou o mesmo escritório de advocacia usado pela BP para defender-se de vazamento de petróleo no mar. De defender mega-corporações em casos ambientais eles aparentemente entendem… De qualquer maneira, todos tem direito a ampla defesa, não vou negar.

    Algo me diz que a compra da Red Bull (se é que seria vendida mesmo) dançou bonito…

    Mas será que para aí?? Será que a VW é a única a fazer isso?? Já estou estourando pipoca para os próximos capítulos.

    • Mas meu amigo, se for levar isto em conta, você não vai andar de Mercedes, BMW e AUDI (antiga Auto Union). Nem de Fiat, Lancia, Alfa-Romeo, nem de Toyota. Renault, Peugeot, Citroen, Ford, GM, Chrysler, Jeep, REO e por aí vai. Não vai voar de Boeing.

      • Muitos judeus não compram carros alemães até hoje. Mas se isso for levado a ferro e fogo, não poderão comprar carros japoneses e italianos também. Além de carros da Ford (porque o velho Henry era um baita antissemita). Não sobra muita coisa (Chevrolet talvez…)