MENU

terça-feira, 5 de agosto de 2008 - 3:49Pequim 2008

CHICKEN OR BEEF?

PEQUIM (under fog) – Longas viagens não me incomodam, necessariamente. Acho que já me acostumei, e depois de 24 horas de avião, com uma paradinha em Madri que não deu nem tempo para tomar um café, desembarcamos deste lado do planeta às 5 da matina locais.

Falo na primeira do plural porque viemos num grupo de 21 pessoas da ESPN Brasil. Eu, escalado pela TV e pelo iG. Como sempre, dupla jornada. Fora o resto, que vou ter de dar um jeito de cumprir. 

Mas dou um jeito.

Dizia que longas viagens não me incomodam, necessariamente, porque duas poltronas me bastam, e no vôo da Air China, nas duas pernas, dei sorte. Vim sem ninguém do lado e dormi como criança. Li um livro quase inteiro, “Criança 44”, ótimo. Estou chegando ao fim. Trouxe mais dois. Livros fazem parte do meu kit de sobrevivência.

Não tinha voado Air China, antes. Decepção. “Chicken or beef?”, perguntavam as aeromoças. Tratando-se de China, pensei que viria algo como “cat or dog?”, ou “mosca frita ou escorpião?”, mas nada disso. “Chicken or beef”, como em qualquer companhia aérea ocidental.

Como já estive na China antes, acho que vim preparado para o que veria em Pequim. De cara, um aeroporto monumental. De cara, uma fotinho com Huanhuan, que vem a ser o mascotinho vermelho dos Jogos. Representa a chama olímpica. “Extrovertido e entusiasta”, dizem os textos oficiais. Ele me abraçou extrovertida e entusiasticamente. As pessoas tiraram fotos.

A imigração foi tranquila, há facilidades para quem chega com uma credencial no peito. Foi assim em Xangai há alguns anos, quando a F-1 correu lá pela primeira vez. A China quer mostrar ao mundo que pode fazer parte dele sem grandes traumas. E tudo começa nos aeroportos. A primeira impressão de um país, não se enganem, está sempre no aeroporto.

Agora, vamos à cidade. Antes, fotinhos…

19 comentários

  1. Lionel disse:

    gostei da foto…..gostaria de vêr se Você e tâo bom em fotos como escrevendo . . . essa Eu gostei…mas poderia fazer um regiminho….comer uns grilos, ou gafanhotos…..um abraço e parabens pelos exelentes textos…paresse que agente esta ai ao vivo quando lê as suas materias…mande mais fotos interessantes….

  2. Danilo Gaidarji disse:

    No comments!
    Tá certo q o mascote só cresceu a cabeça, mas poderia ser um menorzinho, heim!!

    Flavio, visite a Cidade Proibida se tiver um tempinho. Vc vai gostar.

    Abraço!

  3. Badoer disse:

    concordo Gomes, “A primeira impressão de um país, está sempre no aeroporto.” ..e me dá uma puta tristeza ver o nosso Galeão/Tom Jobim no Rio do jeito que tá.. ..e de pensar como ficaria se resolvessem arrumar aquilo e prestar uma verdadeira homenagem ao maestro…

  4. Marcelim disse:

    E a vantagem de ser baixinho é essa: encara qualquer viagem aérea tranquilamente. Queria ver se você tivesse mais de 1,90 estivesse se vangloriando dessa tranquilidade toda…

  5. Marcelim disse:

    É o que eu sempre digo, o aeroporto é o cartão de visitas de um país. Enquanto a maioria dos aeroportos do mundo são monumentos arquitetônicos com piso limpo e branco como de consultório médico, nós temos Cumbica, escura, suja e feia.

    De cara, o visitante dá de cara com a vista de várias favelas e quando cai na Dutra, vê aquele complexo penitenciário horroroso, o fedor do esgoto de Guarulhos, que é despejado logo ali na entrada/saída da via de acesso ao aeroporto e depois tem que encarar aquela marginal horrorosa em todos os aspectos.

    E depois não sabem porque o Brasil tem uma péssima imagem…

  6. augusto chiorato disse:

    da um socao na cara desse mascote ja que ele eh de pano!!!!
    knok out ja de inicio na viagem, voce seria preso logo de cara!!!
    Cuidado ai por essas bandas . Aqui as coisas sao fodas, ai ninguem sabe!!!

    Abracos e boas reportagens!

    Augusto Chiorato

  7. O mascote é irmão do Everaldo Marques e do Milton Neves?

  8. bruno barreto disse:

    “Os aeroportos são as portas de uma Cidade” [ou algo parecido], já diria o filosofo francês Paul Virílio [se eu não me engano], nos anos 90 [creio eu]

  9. Théo do Palavrão disse:

    Pqp Gomes, “fotinhOs” não, “fotinhAs” !!!!!!!! Você não chama suas motos de “motinhOs”…

    Como deve ser a 10ª vez que escrevo isso aqui e nada de vc se corrigir, estou preparando que seu vôo de volta páre por uns meses na Sibéria…

  10. D.Pierotti disse:

    Mosca f L i t a ….. pequena correção.

    Bom trabalho a todos.

  11. Luiz Mariano disse:

    Caro FG:

    Muito fofa a foto.
    Bom trabalho no reino do meio.

  12. Estevão disse:

    Adoro aeroporto. Não conheço muitos; a maioria dos EUA. Prá mim o auge da viagem é a chegada no aeroporto, retirada da bagagem, imigração, locação do carro.
    Preciso conhecer mais aeroportos. É bom.
    Abs.

  13. Max disse:

    Se a primeira impressão é a que fica, o Basil tá lascado. Estamos anos luz de qualquer coisa que tenha o mesmo porte do nosso país. Basta ir na Argentina e Chile para entender o que estou dizendo. Comparar com paises capengas não vale.

  14. Vecchio disse:

    Nos informe. Na China ainda não tem piscina? Tênis e camiseta vermelhos são para combinar com o mascote?
    Bom trabalho e um grande abraço.

  15. leoengelmann disse:

    Quem é o mascotinho vermelho da foto?

  16. Di Lallo disse:

    Fala aí meu brother…Conseguiu ser menor que o mascotinho na foto????hahahahahahahahahaha…Capricha aí no blog e nas fotos que vou estar acompanhando daqui…Enquanto isso, vou tocando a bola na nossa Eldorado/ESPN…E sua Lusa tá a perigo, hein??? abração meu véio e bom trabalho por aí…

  17. André Luiz disse:

    O Flávio Gomes parece o mascote do mascote huahuahua

    até a roupa combinou

    aeroporto FODA esse viu ? Eles tão fazendo de tudo pra impressionar

    vai ser 10 ver a cobertura da sua viagem à Pequim no blog

  18. Eric disse:

    Será que o mascotinho achou que fosse uma criança???

    Eu jurava que o Hanuahahahaha era maior….hahahahaha

  19. Felipe Montanheiro disse:

    Eu sou baixo na estatura….mas o Flávio conseguiu ser menor que o mascote….rsrsrs

    Flávio, abração e bom trabalho aí, desse lado.

    Felipe Montanheiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *