MENU

domingo, 27 de setembro de 2009 - 11:36F-1

DARK SIDE (7)

cing004SÃO PAULO (um só) – Esse GP de Cingapura não merece mais do que um post. Sem armação de equipe alguma, a corrida não tem a menor graça. Mas vamos nos desdobrar. O mais relevante para o campeonato, claro, foi o fato de Button ter conseguido terminar à frente de Barrichello, mesmo tendo largado atrás. Isso só aconteceu justamente porque… largou atrás. Não foi ao Q3, pôde começar a prova mais pesado e ganhou a posição do companheiro, a quem marcou homem-a-homem desde as primeiras voltas, nos boxes.

Poderia ter levado já no primeiro pit stop, adiado ao máximo, mas a entrada do safety-car após a batida entre Sutil e Heidfeld adiou, também, a ultrapassagem. Rubens fez sua segunda parada na volta 46 e Jenson, na 51. Quando Barrichello retornou à pista depois de seu segundo pit stop, Button tinha mais de 25s de vantagem graças a uma sequência de boas voltas. Era o bastante para, com uma parada rápida, sair dos boxes ainda à frente. Barrichello, para piorar as coisas para seu lado, revelou depois da prova que seu motor morreu na parada, tirando-lhe segundos preciosos.

As últimas voltas foram dramáticas para o inglês, com problemas nos freios. Sorte dele que tinha uma boa distância para o brasileiro. Tirou o pé, levou o carro para casa, como pediu pessoalmente Ross Brawn pelo rádio. E foi o quinto colocado, uma posição à frente de Rubens. Depois de três provas seguidas terminando atrás do companheiro (a última vez tinha sido na Hungria), Button esboça uma reação. Aumenta de 14 para 15 pontos sua vantagem na classificação, agora com uma corrida a menos pela frente. Rubens precisa tirar 16 pontos em três GPs, porque um eventual empate daria o título ao britânico, que tem seis vitórias, contra duas do parceiro. Tudo pode acabar no Japão se, por exemplo, Button vencer e Barrichello terminar em quarto.

Foi um balde d’água fria no brasileiro, que teve interrompida sua sequência de bons resultados com uma apresentação apenas normal. Button, por outro lado, parece ter colocado fim de vez a uma série de más apresentações. Já havia andado bem em Monza e, hoje, foi maduro o bastante para compensar a péssima classificação com uma atuação segura e inteligente na prova, pensando exclusivamente em chegar perto do outro carro da Brawn.

Rubens não tem muito mais a fazer com seu marca-texto até o fim da temporada. Precisa continuar pilotando de forma agressiva e cruzar os dedos para Button ter algum problema no meio do caminho.

Daqui a pouco eu volto para falar do resto.

144 comentários

  1. claudio aun disse:

    O Barrica só precisa de 16 pontos ou seriam 15 para empatar? em tres provas para ser campeão.
    Tão real que ja esta anunciando sua ida para outra equipe,,,,,,,,,,,,,,acorda bobueno.

  2. deixa cair disse:

    jornalismo é criticar e ser criticado … eis a graça …. a polêmica é o sal do jornalismo .

  3. edison disse:

    Esta vai para o pessoal que ta mandando a lenha no FLAVIO.
    Ve se dao uma espiada no blog do Livio, do Galvao, do Ishikawa, e de tantos outros por ai que causam nauseas so de ler a opiniao deles. De longe aprecio os comentarios do dono deste blog.

  4. neto disse:

    NA MORAL A GALERA DA ESPN CRITICA TUDO!! TÁ LOUCO, JORNALISMO FURADO, PENSAM QUE COM CRITICAS ELES SOBEM NA AUDIÊNCIA, SÓ ASSISTO PORQUE GOSTO DO CAMPEONATO ESPANHOL E INGLÊS, + SÃO UM SACO TODOS ELES, AXO QUE FAEM UM CURSO ANTES DE IREM AO AR

  5. gustavo disse:

    Barichello vai perder pra ele mesmo, enquanto foi agressivo colheu bons frutos, mas tem um tendencia enorme e burra a se acomodar: voltou do pit stop fazendo volta a 1 51 e so baixou para 1 48 depois de saber pelo radio que Button tinha poblemas, mas ai ja tinha deixado o ingles abrir 10s

    Falta inteligencia e aconselhamento a ser rapaz, qual a vantagem de levar o carro ate o fim pra ganhar 2 pontos e ser vice?

  6. Osama disse:

    Eduardo, não são as viúvas do Senna que o criticam, são os amantes do automobilismo. Querer chegar onde ele chegou? todos querem ser milionários, mas por mais dinheiro que o Rubens têm, ele sempre vai ser frustrado por não ter tido competência de conquistar um título na F1. Tá vendo, rico e frustrado!

  7. Eduardo disse:

    Queria eu estar no lugar do Rubens. Milionário, faz o que gosta e porque gosta, pois não precisa mais da grana para isso, tem um linda família, é decente e honesto. Esse bando que o critica tem é inveja. Primeiro cheguem onde ele chegou, depois vocês terão parâmetro para avaliar…viuvas do Senna!!!!!!!!!

  8. Roberval disse:

    Melhor comentário de todos:

    27/09/2009 às 15:23

    “Uí contról de méti” – como diria Joel Santana… E vivam as vuvuzelas!!!

    Hauhauhauhauhauhauahha!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  9. Osama disse:

    Resumindo Rubinho, é só ler ou ouvir o que a Hortência disse sobre ele. Ela disse tudo!!! fim de papo.

  10. Osama disse:

    Mauro, SEJA BEM VINDO, erro de datilografia. Vamos fazer uma campanha: GALVÃO 0%!!! esse cara é horrível, e depois diz: F1 têm que ter GP do Mônaco se não não é F1, que playboy! Fora Hungria, Mônaco, Cingapura! Fora Galvão!!

  11. ALBGiraldi disse:

    As velhas guerras e jargões de sempre (pró- Piquet, pró-Senna, viúvas do Senna, etc., etc.)
    Torci por Emerson, torci por Piquet, torci por Senna e torci e torço por Rubens – qual o problema? Ou cada uma dessas figuras criou uma ceita, onde não se aceita o torcer como e para quem quiser? Aprendi a admirar as qualidades de cada um deles, sobre os defeitos, o máximo que pilotei foi Kart, quem sou eu para falar…
    Sempre torci mesmo foi pela F1! Ela foi assim, para a geração anos 50 a 60, assado para a geração 60 a 70, cia., de outro jeito para as gerações que vieram depois – ela mudou bastante, mas uma coisa que eu achava que era variável mas de fato é uma constante, é a paixão por este esporte que não muda mesmo.
    Somos “viúvas” sim, mas viúvas do entendimento que a F1 é um espetáculo, com todo seu coro e artistas – sejam eles principais ou coadjuvantes, façam eles história ou simplesmente uma única participação. Torço sim, para as Lotus serem negras e douradas, para as Ferraris nunca deixarem de ser vermelhas, as Brabhams serem brancas e azuis, as Maclarens serem brancas e vermelhas e por aí vai…

  12. aspassos disse:

    Acredito que talento não tem idade e as corridas ganham em glamour com caras veteranos como o Barrichello, Fisico, Trulli e outros que já se foram. Acho sensacional o uso da experiência por parte deles e seria muito divertido ter o Villeneuve de volta pra embolar ainda mais o pelotão.

  13. Flávio, o Rubinho tem de fazer o que tem de fazer! Se for da vontade dos Deuses dos Esportes que ele seja campeão, o Button vai ficar sem pontuar em pelo menos 2 das 3 corridas restantes. Particularmente é isso que eu gostaria. Com relação ao GP de Cingapura, é bonito, é diferente e tudo, mas é um porre assim como Mônaco. Ninguém ultrapassa, se tenta bate, se bate vem safety car, enfim, acredito que esses GPs só estão no calendário por pura politicagem. “Alguéns” pagam para os “alguéns” do topo da pirâmide hierárquica da F1 e tudo temina em champagne e mulherada ou sado masoquismo para os simpatizantes.

  14. antonio carlos disse:

    Acompanho a formula 1, há algum tempo, e seu comentário (flávio gomes) no twiter sobre a ida de rubens barrichello para a equipe williams, acho que até seria uma boa, desde que rubens leve o seu staf para a nova equipe, só assim poderá surpreender no ano que vem, pois seus mecanicos e engenheiro, conhecem a sua forma de trabalhar e acertar o carro, isto aconteceu com michael quando foi para a ferrari, até por que teria que começar de novo um trabalho que ele faz desde 2006 com este mesmo staf, isto é só uma ideia, quem sabe ele ( rubens) não abraçe esta ideia…..

  15. kalangomau disse:

    Quando alguém bate na porta do banheiro e do outro lado alguém diz : tem gente, concluímos que o cara está cagando.
    Quando alguém bate no cockpit do Rubinho, ele responde: tem gente concluímos que ele está cagando. Moral da história….Quando Rubinho não caga na largada, caga no pit stop

  16. CESAPAR é IMPAR disse:

    Trocaram o cambio e ele não funciona direito. Será que outra coisa vai soltar do carro do Rubi? A Brawn explicou o que houve com a mola “assassina”? A FIA estudou o problema? Ninguem da midia soube de nada? O efeito Piquetinho “escondeu” os fatos que não fossem de Cingapura 2008? Será que algum dia, um livro conta as peripécias vigaristas da categoria?

  17. Nko disse:

    É incrivel como tem brasileiro manipulado pela mídia, o Galvão Bueno e a Globo manda vocês torcerem pelo Barrichello e vocês torcem, mesmo ele sendo comprovadamente um piloto muito abaixo da média. Além disso não há mal nenhum em reconhecer o talento de pilotos estrangeiros como o Raikkonnen, Hamilton, Alonso e Button, patriotismo exagerado é fanatismo.

  18. Bernardo disse:

    E o RONALDO heim…!!!

  19. Jocarlos disse:

    Prezado amigo Flávio. O que eu vi ontem não foi uma corrida. Foi um desfile de carros digno de Mônaco. O protagonistas foram os mecânicos e funcionários. Os carros e os pilotos, serviram apenas de vitrines. A FIA que se pavoneia de tão séria e importante, na realidade, não passa de um amontoado de puxa-sacos que não pensam duas vezes em sacrificar o esporte em dtrimento de seus interesses. O certo sempre foi decidirem nas pistas, os melhores. Agora decidem nos boxes, com os carros parados. que falta de vergonha na cara. foi por causa disso que o Nelsinho Piquet fez o que fez. Não existe seriedade.

  20. RICARDO BERNARD disse:

    O FLAVIO vem falar que o nelsoinho não merece mais uma chance, engraçado o Alonso ( que só se o comentarista for velhaco ou retardado pra achar que os Alonsos , os Shumi, nada sabem, se o espanhol teev a cara de pau de falar que queria dedicar o pódio ao Briatore), então pare de falr bobagens, nos eu trabalho, e tú ate já tá careca, se te mandarem escrever que o Alonso é om mlehor de todos os tempos, não tenho duvidas que voce vai lá e vai escrever, apesar de contrariado, já que pelo comentario que teceu do nelsinho, ainda tá no bloco das viuvas do senna= aqules mal acabados que não aceitavam o Piquet ser tri-campeão, sem trapaças- sem ter que dar no meio do carro do proust ) ; Sei que não vai ser publicado ,mas para e pense…….. antes de sair com vigancinhas em cima do nelsinho pra atingiir o Piquet pai ;
    Sem Nelsinho, as chances de termos outro campeão na formula 1 , só daqui a uns 10 anos ou mais;

  21. MARINHO ARARAQUARA disse:

    infelizmente o nosso Rubinho não é mais páreo para os meninos mais novos que estão hoje na formula 1.
    acho que chegou a hora dele se aposentar

  22. Julio Cesar Ruthes disse:

    Vou repetir as palavras do Mauro César Pereira, da ESPN, recentemente no “Sportcenter” – “Quando não se espera nada do Barrichello ele vai lá e ganha uma corrida como fez em Valência e Monza.
    Quando se espera muito, ele faz algo errado”, como foi o caso no treino de Cingapura que, para mim, decidiu o resultado de ontem.
    Com este pensamento diria mais: ele ganha no Japão, o Button quebra, causa uma expectativa gigante para o GP Brasil e aí…bom aquele velho final de GP Brasil com o Barrichello (acho ele um grande piloto, mas falta um “algo mais” na hora de decidir)

  23. Jaquelliny disse:

    Galera……. eu vou continuar torcendo pelo Rubinho….
    Acho que o cara merece depois de tudo que ele passou….
    Mas acho que tá na hora de colocar novos pilotos……..

  24. Jaquelliny disse:

    Bom, fosse o tempo em que as Corridas de F1 eram boas….
    Estão colocando até apresentações de bandas famosas para ver se aumenta o público…. Ridículo….
    Corrida é corrida…..
    Eu gosto muito mas de uns tempos para cá coisa anda mudando….
    Eu também concordo que está na hora de escolher autódromos melhores e também mudar de Narrador…
    Seria uma boa…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *