MENU

terça-feira, 15 de setembro de 2009 - 9:19F-1

DIA QUENTE

SÃO PAULO (e eu atrasado) – Começou quente a terça-feira. Um grupo suíço de investimentos que representa famílias europeias e do Oriente Médio comprou a BMW Sauber poucas horas depois de a FIA anunciar que para seu lugar, no ano que vem, havia decidido aceitar a inscrição da Lotus, que não é a mesma Lotus d’antanho, mas sim o mesmo nome, sob controle de um grupo malaio.

Aí a FIA falou que se a BMW Sauber se safasse, arrumando algum comprador, correria também, consultando as equipes sobre a possibilidade de alinhar 14 times/28 carros no grid de 2010. E parece que é o que vai acontecer.

Está tudo no Grande Prêmio. Estou saindo para gravar na TV e na volta a gente analisa tudo com mais calma. O que posso dizer por enquanto é que adoraria, mesmo, ver um grid com 28 carros. Acho difícil todas essas novatas se organizarem a tempo, ainda mais que não há teto orçamentário. Mas seria muito legal, abrindo vagas para muitos pilotos.

Os próximos meses serão muito intensos no mundinho veloz.

107 comentários

  1. MSM disse:

    O problema de entrar um monte de times é não conseguirem bancar a permanência na categoria. Um monte de carro se arrastando pela pista, só para compor o grid. Teria que haver um mínimo de critério para aceitar as equipes patrocinados por Fundos. Que Fundos são esses? (sem trocadilho por favor).

  2. rog disse:

    Deveriam também substituir circuitos chatos como Mônaco,por exemplo ,onde não se ultrapassa de jeito algum.

  3. ..28 carros…..com vinte ja é uma lindesa,na primeira curva….vão ter que comprar mais doze PACE CARS

  4. araujo disse:

    Ola flávio:

    Vc acha que mais carros no grid não torna mais perigoisa a largada, aumentando o risco de acidente na largada ?

  5. ORITIMBÓ PERFUMADO disse:

    VIROU FORMULA INDY. SÓ TEREMOS A DTM PARA VER.

  6. fiel disse:

    nossa agora o correto seria o hamilton fazer reciclagem emmm kkkkkk

  7. Antonio conceiçao disse:

    Brincadeira, um desavisado n sabe que a petrobras já atua na F1 , e lá é lugar de grandes empresas, como ela . Porque não uma escuderia com pilotos competetes.

  8. ROBERTO. disse:

    GOSTARIA DE SABER DE ONDE TIRARAM A INFORMAÇÃO DE QUE O PIZZONIA VAI RETORNAR A F.1?

  9. Flávio

    O Robinho Barrichello,teve compentencia ganhar a corrida ou os pilotos de outras escuderia tevem medo de
    aproximar, para não ser atengido alguma peça do carro?

    Grato
    Flavio Camardella

  10. ROBERTO. disse:

    O MAIOR NUMERO DE CARROS SERIA MUITO BOM. AVERIA A POSIBILIDADE DE BRUNO SENNA E OUTROS PILOTOS BRASILEIROS ENTRAREM NA FORMULA 1.
    E COM ISSO O PROPRIO RUBINHO SE MANTER NA FORMULA 1.( BOA SORTE RUBINHO )

  11. Pula Pelada disse:

    quero ver a largada em Spa, num dia de chuva.
    corre boatos por aí de que a Renault, com a confirmação desse escandalo, picaria a mula.
    vamos ver

  12. Sandro disse:

    Bom, será legal (se for aceito) o nome Lotus no Grid de Largada, e é bom para o mercado de pilotos, mais vagas, mais chances. Mas, será que essas equipes terão competencia de se firmarem na F-1, ou apenas vão ficar durente meia duzia de gp(s) e depois abandonarão o esporte?
    Mas uma coisa é certa, é muito bom ver a F-1 com equipes (de garagem) e não deixar a categoria apenas com montadoras, que apenas se importam com o balanço financeiro da empresa dentro do esporte.

  13. ricardo garcia disse:

    ola flavio so um pequeno comentario que peço se tiver um tempo de uma lida.

    sobre a corrida de domingo passado e o capacete do rubinho me causa estranheza aquela historia do filho do rubinho ter pintado o capacete , e dificil uma criança esperta ativa com todo sua criatividade pintaria o capacete de branco , nao estaria ligado o fato de rubens ter feitos comentarios contra nelsinho e pelo que me lembro rubens traz a muittttooooo tempo um capacete que lembra muito o de nelson piquet pai. ou e apenas mera casualidade

    obrigado pela atenção e parabens pelo rapido e esperto blog.

  14. franca disse:

    seria uma boa ainda mais se pudessemos ter mais brasileiros com bruno senna e o di grassi, pizzonia, seria legal, vamos torcer

  15. Carlos disse:

    Aí Flávio Gomes, inscreva o Lada também, rs rs

  16. Carlos disse:

    Até o Flávio, vai inscrever o Lada na F1, do jeito que a gestão política atual da FIA…………………

  17. Yuri Papov disse:

    Sou apaixonado pela F-1 desde 1972. Tenho muitas saudades dos tempos em que a categoria passava por pistas velozes, cheias de pontos de ultrapassagem e com 26 carros (20 em Mônaco). Acho que quantidade não é qualidade. A Fórmula 1 de hoje virou um jogo de interesses financeiros, mais do que uma competição esportiva. Tem orrida no deserto, nas ruas de micro-país à noite, mas esqueceram os “templos” da Europa. Sou obrigado a discordar do amigo Flávio, quando ele diz que 28 carros vão abrir vagas para pilotos. Acho que o risco é grande de isso abrir vagas para aventureiros com muita grana e pouca capacidade. Espero estar enganado, para o bem de todos.

  18. Gabriel disse:

    Por que cargas d’agua a F1 não pode alinhar mais de 26 carros no grid ?
    Quantos mais carros , mais emocionantes as corridas. deveria ter no mínimo uns 40 carros.
    Aí sim é que o piloto teria que provar que é bom, para ganhar as corridas. Além do mais iria ter de contar com uma boa dose de sorte.
    Certamente isto também iria diluir os custos.
    O único problema seria as atuais equipes, concordar em “dividir” o “bolo atual” do patrocinio com as outras.

  19. Roberto disse:

    28 carros ???????? em Mônaco vai ser um engarrafamento daqueles dignos de SP!! rsrsrsrsrsr

  20. Fabio da Cunha Goveia disse:

    O RUBINHO FOI UM DOS MELHORES PILOTOS DA FORMULA 1 RECENTE, SO TEVE A INFELICIDADE DE FAZER ALGUMAS ESCOLAS ERRADAS COMO TER INDO PARA A FERRARI. ELE VAI SER CAMPEÃO

  21. Marcos Gomes disse:

    Vamos ver um baita engarrafamento em Mônaco !!!

  22. Vaaalney disse:

    Será que depois de tanto sonharmos isso vai acontecer?
    Só falta o automobilismo brasileiro se ajeitar pra gente ficar feliz da vida!

  23. Klaudio disse:

    É sempre interessante novas equipes comporem o grid, mas entendo que deva ser preservado o nome Lotus, até pelo que ela representou na história do circo. Há que se rever o critério de aceitação para novos pilotos. A F-1 é a elite do automobilismo; assim ela foi definada ao longo de todo esse tempo. Não é um Reality Show.O risco existe a todo tempo. Não há espaço para priincipiante. Tenho certeza de que o escandalo envolvendo a determinação do chefe de equipe Sr. Flavio Briatore, não ofuscará o talento mas do que provado do piloto Nelson Angelo mas serviu para abrir as lentes para o fato.

  24. Marcio Vieira disse:

    Imaginem pit stop com entrada do safety car.

  25. Roberto Souzza disse:

    Por que não 28 carros, se na Fórmula Indy chega a ter mais de 30 carros?
    Seria interessante ter uma equipe genuinamente brasileira (lembram-se da Copersucar-Fittipaldi?), dando assim, oportunidades para alguns pilotos brasileiros. Acho que seria muito bom termos o duelo PIQUET X SENNA no século 21.

  26. Garapa disse:

    Será que precisando de tantos pilotos o Shumi volta, bem que ele podia voltar com os carros sem controle de tração.. só pra ver se ele é o FODÃO de antes!!

  27. Irapuã disse:

    Considero muito difícil que todas essas equipes tenham condição de disputar em 2010, principalmente na primeira metade do ano. De qualquer modo, a volta do nome Lotus à categoria é uma boa notícia, ainda que não tenha nada a ver com a antiga escuderia de Chapman. Inclusive o carro mostrado é de gosto muito discutível, mais colorido que bandeira de parada gay (prefiro em verde “British Green” com uma faixa amarela). Aguardemos pois, o próximo ano e as cadeiras preenchidas e ver se aparecem novos pilotos com talento para crescer no meio.

  28. ELVIBRUNO disse:

    5 km de congestionamento.

  29. sidao disse:

    Para alinhar 28 carros ou mais, a regra de pontuação precisa ser revista. Não dá para pontuar apenas os 8 primeiros em um grid tão longo. Seria injusto, diria até insano!

  30. jean paraty disse:

    È um grid com 28 carros com certeza trará mais emoções, e fico imaginando um carro de ponta penalizado e largando em ultimo qtas ultrapassagens terá q fazer?…

  31. autorama disse:

    Vai ter lugar até para viadinho!

  32. do disse:

    caraca seria tudo de bom, mas com um detalhe pilotos de verdade, sem naka, buemi e por ai vai, fuiiiiiiiiiiii.

    • elbf disse:

      Pensei que fosse citar o ?Barrichello como alguns que não entendem nada de F1.
      Aliás eu vou rir muito se aquele que os caras chamam de “Ruizinho Barrichello” fosse campeão. Aí eu perguntaria: quem é ruinzinho? Ele que foi campeão ou voces que dizem que ele é ruinzinho?
      Mas ainda bem que você foi sábio e não mencionou o nome dele!
      Abraço
      EB

  33. Alessandro Frasson disse:

    com 28 carros até o flávio vai tentar uma vaguinha.

  34. Lucas-é-eu disse:

    Na verdade acho que nem o tresloucado do Bernie vai tentar colocar tantos carros no grid. Tá mais com cara de que com o escândalo, a Renault pique a mula deixando a categoria de vez. Teríamos então 13 equipes e 26 carros como previsto.

  35. O jeito que está, talvez a petrobras , para fazer propaganda do pre-sal também monte uma equipe.

  36. Tassilo disse:

    SE as outras equipes não empombarem

  37. alessandro m. aguiar disse:

    Pizzonia F1-2010 + Um brasileiro no TOP da velocidade, boa sorte Pizzonia.

  38. Gustavo Oliveira disse:

    A FIA é uma piada, cada vez mais, a FIA é uma piada. Como equipes como a Epsilon Euskadi e Prodrive/Aston Martin estão fora da F1 e equipes fantasma como USF1 e Lotus(?!) estão dentro? As duas primeiras tem experiência, fabrica, importantes parceiros, dinheiro e equipe de boxe, as duas ulimas tem conversa e promessas, só. O minimo aceitável é o esquema da Campos/Dallara e da Manor/Wirth Research, a junção de uma equipe experiente com uma fabrica de ponta, parceiros sérios e investidores interessados. É como se uma empresa, a Vale, por exemplo, montasse um time de futebol e entrasse direto na Libertadores, isso sem mencionar os altissimos padrões de engenharia que uma equipe de F1 exige. Logico que é excelente termos 28 carros por grid, mas com equipes de verdade, que fizeram por merecer lá estar.

  39. jose carlos disse:

    você não acha de o PIQUEZINHO ja teria ser eliminado para sempre como piloto

  40. CICERO disse:

    boa tarde,eu estou com uma certa duvida sera que o piquezinho não tirou o titulo do massa na corrida de singuapura não,eu tenho certeza que sim,porque se ele não faz a lambança eu tenho certeza que o massa não entraria no box naquele momento.

  41. Rogério Magalhães disse:

    O mais legal nisso é que além de manter a Sauber, que já tinha criado algum nome nos últimos anos na F-1 (mesmo antes da associação com a BMW), é o caso da volta (mesmo que com essas ressalvas) de um nome tradicionalíssimo como a Lotus…

  42. Carlos disse:

    Desde 94 não temos 28 carros no grid… Muito bom, acidentes pra caramba na primeira curva, pilotos barbeiros!!!

    Me lembra uma musica hahahhaha, 28, 28, 28, 28

    http://www.youtube.com/watch?v=gd3Nn_rx50Y

  43. emerson disse:

    acho que a renalt sai,

    e vai ser a pior escolha,

    vão se arrepentder tal e qual a honda,

    de toda forma, briatori já vai tarde.

  44. luiz disse:

    seria otimo 28 carros.qual seria os brasileiros com real chance de ta la.diz ai

  45. bom, isto me leva ao passado! que tempo bom! Sem ron dennis, sem briatore!
    agora seria muito legal ter corridas em Clemont-Ferrant, Brands Hatch, Zeltweg, Zolder, Watkins Glen…
    bom, acho que estou querendo demais!!!
    só falta a Tyrrel de 6 rodas (a centopéia!! hahaha)

  46. Juliano disse:

    Vamos ter 20 carros em 2010, podem ter certeza… USF1, Manor, Campos e essa tal de Lotus by Malasia são puro factóide… não sairão do papel…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *